28 fevereiro 2009 A PALAVRA DO EDITOR

BOAS NOVAS

Enquanto a imprensa reacionária e golpista fica amplificando a crise, torcendo pra que o Governo Lula dê errado e o Brasil afunde, existe um oasis de racionalidade em meio a este festival de insensatez.

A revista Veja desta semana, publicação notoriamente esquerdista e a favor do governo do PT, publica uma matéria de capa esbanjando otimismo e fazendo excelentes previsões para o Brasil. Ainda bem.

Nem na página oficial do PT a gente encontra uma matéria tão favorável ao governo quanto esta.

Os leitores esquerdistas do JBF irão adorar e, mais que isto, irão divulgar a Veja com muita intensidade, tenho certeza.

As razões para o otimismo da revista estão resumidas nesta ilustação:

vj.JPG

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

PESQUISA

Pesquisadores na Finlândia descobriram que trabalhar demais acelera o risco de demência.

* * *

Segundo Otacílio, o filósofo palmarense, graças a Deus nosso Supremo Mandatário gozará de boa saúde mental durante toda sua existência.

28 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

ALINE BERTO – RECIFE-PE

Estava pesquisando fotos antigas na internet e me deparei com uma foto de uma mulher com o nome de Florence Foster Jenkins. Fiquei curiosa em saber quem era e em que época.

Trata-se de uma cantora lírica da década de 30,40, na cidade de New York.

A surpresa maior é que ela foi a pior cantora lírica de todos os tempos.

Encontrei no youtube um vídeo em que ela interpreta A Flauta Mágica, de Mozart, muito conhecida.

E quem quiser saber mais, acesse http://pt.wikipedia.org/wiki/Florence_Foster_Jenkins

R. Senhora Papisa, gostei muito desta dica por uma razão: até que enfim encontrei uma pessoa mais desafinada que eu.

Eita sujeita pra cantar ruim que só a porra. Fez jus em sua época ao titulo de pior do mundo.

Quem quiser comprovar, veja este vídeo:

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

LADROAGEM ADIADA

O efeito das denúncias do senador Jarbas Vasconcelos (PE) contra seu partido, o PMDB, causou ontem a primeira grande derrota dos peemedebistas, impedidos de assumir o controle do Fundo Real Grandeza, de Furnas, e de seu patrimônio de R$ 6,3 bilhões. No dia 18, em entrevista à revista Veja, Jarbas afirmou que “boa parte do PMDB quer mesmo é a corrupção” e acrescentou que “a maioria de seus quadros se move por manipulação de licitações e contratações dirigidas”.

Sob a direção do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, ligado ao líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), e ao presidente do Senado, José Sarney (AP), os peemedebistas fizeram de tudo para derrubar Sérgio Wilson Ferraz Fontes da presidência do Real Grandeza. Tinham até o nome de um aliado para substituí-lo: o atual gerente financeiro de Furnas, Eduardo Henrique Garcia.

* * *

Fulanizar quem já roubou seria o ideal. Apesar de sabermos que a impunidade triunfaria de qualquer jeito.

Mas evitar que o roubo seja feito é melhor ainda.

Mesmo assim, ainda tem gente que não vai gostar desta notícia e vai amaldiçoar ter sido evitado este estrago no dinheiro público.

E por que será que quem não vai gostar é uma turminha de pernambucanos?

Não me perguntem porque eu mesmo não sei…

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

UM TEXTO DE JANIO DE FREITAS

A BANDIDAGEM

Ao menos por ora, Lula sustou um escândalo explosivo que teria como palco o grande cofre do fundo de pensão Real Grandeza, mas ficou só no passo inicial. Com isso, o comprometimento indireto do seu governo e dele próprio com as causas do escândalo, por nomeações “políticas” que têm fins além da política, torna-se direto, claro e acima dos demais. A menos que não se limite a desautorizar o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e o afaste por ser o operador confesso, no governo, da entrega dos R$ 6,5 bilhões do fundo à manipulação de um grupo do PMDB, digamos por delicadeza, fisiológico.

O ponto de partida para a compreensão básica do episódio é o conhecimento de que os grandes fundos de pensão, como o Real Grandeza dos funcionários e pensionistas de Furnas Centrais Elétricas, rendem fortunas aos grupos que os dirijam sem escrúpulos. Há bancos e corretoras sempre prontos a grandes recompensas aos que lhes destinem boas fatias dos bilhões de um fundo, na movimentação diária que faz em aplicações de Bolsa e participações acionárias.

Nomeado presidente de Furnas por indicação do PMDB, para substituir dirigentes do Real Grandeza por também indicados do PMDB, o ex-prefeito carioca Luiz Paulo Conde foi derrotado em duas tentativas (2007 e 2008) de substituí-los. Venceu-o o movimento de resistência dos funcionários da estatal. Conde poderia ter encerrado com mais compostura a sua vida pública, afastado dela e da presidência de Furnas pela força de um câncer.

Clique aqui e leia este artigo completo »

28 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

SILVIA RODRIGUES – VITÓRIA-ES

Sou presidente do Conselho Regional de Biblioteconomia do espírito santo.

Estou precisando com urgência de peças teatrais para fazer uma grande homenangem a Bastos Tigre.

R. A consulta feita pela leitora é a propósito do artigo intitulado “Vasto Bastos”, publicado aqui no JBF na coluna A Propósito, assinada por Marcelo Alcoforado.

(http://www.luizberto.com/?p=13570#comments)

O artigo saiu em novembro passado e tratava do intelectual pernambucano Bastos Tigre, primeiro brasileiro a prestar concurso para a Biblioteca Central da Universidade do Brasil, no qual foi aprovado em primeiro lugar.

Quem puder ajudar, entre em contato com o JBF.

A leitora nos passou endereço eletrônico e telefone pra quem tiver alguma informação.

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

DINHEIRO QUE SÓ A BIXIGA LIXA

Quanta terra poderia ser adquirida e doada para os sem-terra com os quase R$ 50 milhões que Lula deu para o MST?

* * *

Lá em Palmares daria pra comprar terra suficiente pra plantar bem uns 8 leirões de coentro.

28 fevereiro 2009 COMENTÁRIOS SELECIONADOS

TENTARAM EXPULSAR A MÃE DO GOVERNADOR DO CAMAROTE

Comentário sobre o artigo “É SÓ EU CHEGAR E JÁ COMEÇAM A ME PASSAR FUXICOS…”
http://www.luizberto.com/?p=22416#comments

Emidio Cavalcanti

A deputada manteve uma postura elevada e digna.Não apresentou suas credenciais como direito a subir no palanque.Informou que estava em função recebendo os parlamentares federais de outros estados.A secretária deu duas vêzes a ordem de não subir.Os seguranças chegaram a empurrar a Deputada Ana Arraes.

Quem acalmou a situação foi o Coronel Mário,chefe da Casa Militar.Não estava fardado os seguranças falaram grosso com ele.O coronel,uma pessoa firme etranqüila,impôs o respeito que lhe são devidos.Disse que a Deputada iria subir.A deputada agradeceu ao Coronel Mário,uma pessoa de grande credibilidade e respeito,e disse que no ponto a que tinham chegado preferia não subir.Minimizou o episódio já que o o caso tinha sido criado por pessoas pequenas como a secretária Lygia Falcão,cujas credenciais para ocupar o cargo que ocupa todos sabem.

Sem comentários o que fizeram com a deputada Ana Arraes. A Sra.Lygia Falcão deveria pedir demissão de seu cargo.Mostrou despreparo para o cargo.Na gestão anterior ela fazia o que queria pelas ligações dela com o então prefeito.Ela não pode ,agora, estragar uma aliança que vem sendo vitoriosa há várias eleições.

* * *

Neide Luma

A secretaria Lígia Falcão devria,sim, se desculpar com a Ana Arraes pelo fato de o nome dela não está na lista de convidados. Mas, a postura pedante da referida secretária já é bem conhecida por figuras de outros escalões mais abaixo.

Mas, agora, ela mexeu com uma deputada federal e ainda por cima mãe do governador.

É vespeiro.

28 fevereiro 2009 A PALAVRA DO EDITOR

ELES INVADEM E TAMBÉM MATAM

brasil1.jpg
JAIME AMORIM, líder do MST: “O que matamos não foram pessoas comuns. Eram pistoleiros violentos”

Começou com um bate-boca entre um grupo de sem-terra e cinco homens contratados para evitar que a fazenda Jabuticaba, no agreste pernambucano, reintegrada por ordem judicial, fosse novamente invadida por membros do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, o MST.

Dos seguranças, apenas João Arnaldo da Silva, de 40 anos, era profissional. Rafael Erasmo da Silva, de 20, e Wagner Luís da Silva, de 25, trabalhavam como mototaxistas em São Joaquim do Monte, a 137 quilômetros do Recife. José Wedson da Silva, de 20, e Donizete Souza, de 24, eram agricultores. Para fazerem bico como guardas, eles recebiam de 20 a 30 reais por dia trabalhado.

Naquele sábado, era João quem estava à frente da discussão com os sem-terra, numa fazenda vizinha à Jabuticaba. No meio da briga, um dos invasores acertou-lhe um tiro na perna. João caiu e, imediatamente, recebeu uma bala na cabeça. Rafael, ao seu lado, foi o segundo a ser morto – também com um tiro na cabeça, que trespassou o capacete de motociclista que ele usava.

Ao ver os colegas tombarem mortos, Wagner, Wedson e Donizete correram. Donizete conseguiu escapar. Wagner e Wedson, alcançados pelos sem-terra 1 quilômetro adiante, foram igualmente mortos como cães. Wagner levou um tiro na perna e dois na cabeça, um deles na nuca. Wedson recebeu um tiro na perna e dois no rosto – morreu de braços abertos, como quem pede clemência.

Clique aqui e leia este artigo completo »

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

LIXO BILIONÁRIO

O administrador de empresas Enio Raffin, autor do livro “A máfia do lixo”, descobriu que as campanhas de 66% dos prefeitos das capitais foram financiadas por empresas da área. A prestação de contas das eleições de 2004 a 2008, no Tribunal Superior Eleitoral, mostrou que apenas nove, entre 26 prefeitos, não foram beneficiados por “doações” financeiras. A safadeza é suprapartidária: o arco vai do PT ao PSDB.

* * *

Isto é uma tremenda surpresa pra minha crédula pessoa. Eu não acredito que um partido sério como PT possa estar envolvido neste tipo de sujeira. Pensei que isto fosse coisa só de prefeito tucano.

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

PÉ CONGELADO

Nas comemorações na quadra do Salgueiro, no Rio de Janeiro, pela vitória da escola no desfile da Marquês de Sapucaí, o que não faltavam eram faixas onde se lia: “Obrigado, Lula!”.

O presidente, como se sabe, torceu pela Beija-Flor, que sagrou-se vice-campeã.

* * *

Carioca é bicho maldoso. Coitado de Mula Pomposa.

pf1.jpg

28 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

JOSÉLIA MENDES DOS SANTOS – RECIFE-PE

Papa Berto,

Solicito divulgar através do JBF para comseguir CDS do Coral de Aboios de Serrita.

Liguei para a Passadisco e fui informada que foi um Projeto do Qinteto Violado, e lá não tem para venda, soube que foram gravados 2 CDS .

É uma encomenda para uma pessoa que mora em Brasília-DF.

Antecipadamente Grata.

R. Pessoal, vamos ajudar nossa leitora.

A sua busca tem a ver com a cultura popular da Nação Nordestina e a gente tem que dar uma força.

Quem souber onde se podem encontrar os discos, dê o toque aqui pro JBF.

E enquanto os discos não aparecem, o Jornal da Besta Fubana oferece pros seus leitores uma pequena amostra do Coral de Aboios de Serrita:

28 fevereiro 2009 A PALAVRA DO EDITOR

EM TRABALHOS DE PARTO

Recebi do editor as provas do meu último romance.

Quer dizer, não é bem o último porque já estava escrito há mais de 20 anos. Tava amarelando na gaveta. É o último a ser publicado na minha lista de obras.

Ou melhor, é o último a ser publicado por enquanto. Existem mais 3 projetos em andamento.

(Putz… que explicação enrolada…)

Agora, depois de digitado pela Bagaço, vai ser uma excelente oportunidade pra meter o cacete, cortar, tirar, acrescentar, bulir, mexer, deixar como está ou, o mais provável, mudar um bocado de coisas.

Vou me organizar neste final de semana pra mergulhar no calhamaço e começar o serviço. Arnaldo tá me enchendo a paciência e quer botar logo o monstrinho pra ser impresso.

Tentarei dividir o meu largo tempo de vagabundo pra não deixar de lado a normalidade do JBF. (Se é que existe alguma “normalidade” neste jornal…).

Só de parar de enviar comentários pros leitores e colaboradores, vai me dar um precioso saldo de tempo. Apesar de não ter sido muito bem entendido pelos interessados. Que não sofrerão qualquer prejuizo e que não deixarão de saber o que foi escrito sobre os seus textos, se acessarem o jornal diariamente. Como se espera que acessem.

Estou apenas expressando um desejo. Tomara que eu consiga mesmo me organizar, pois a prioridade total é pro livro. Torço pra que o tempo que sobre seja o bastante pra matar a sede desta cambada de psicopatas que lê o Jornal da Besta todos os dias.

Depois eu volto ao assunto.

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

ABORTO

A assessoria de imprensa da cantora Joelma, da banda Calypso, divulgou um comunicado nesta sexta-feira (27) afirmando que ela sofreu um “aborto espontâneo” na última segunda em Belém do Pará.

* * *

Atenção, caros leitores, trata-se de aborto fetal, digamos assim. Não tem nada a ver com desistir de gravar novas músicas.

28 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

FÁBIO PASSA DISCO – RECIFE-PE

Caro Berto.

No dia 11 de março na APDMN (Academia Passa Disco da Música Nordetina) tomam posse o poeta JESSIER QUIRINO (tendo como patrono Mestre Salustiano) e o pesquisador PAULO VANDERLEY (tendo como patrono Dominguinhos)…

Na mesma noite, será o lançamento do novo CD de XICO BIZERRA: “Forroboxote, vol 08: Com a Sanfona Agarrada no Peito”…

O Cd tem as participações de Dominguinhos, Santanna, Maciel Melo, Petrúcio Amorim, Irah Caldeira, Terezinha do Acordeon, Geraldo Maia, Gennaro, Flávio José, Flávio Leandro, João Cláudio Moreno, Nádia Maia, Ébano Nunes, Beto Hortis, Liv Moraes, Maestro Spok, Luizinho Calixto, César Michiles…

R. Minino, vai ser uma festa da bixiga lixa. Como costumam ser todas as festas promovidas pela Passa Disco.

Este novo disco do Cardeal Xico Bizirra tá arretado (como tudo que ele produz) e o espetáculo deverá contar com as presenças dos artistas que estão no trabalho.

Fico feliz de ter como companheiros de imortalidade o Cardeal Jessier e grande pesquisador Paulo Vanderley, dois nomes que irão engrandecer sobremaneira a nossa Academia.

Oportunamente daremos mais detalhes do evento.

A Passa Disco fica no Shopping Sítio da Trindade (Estrada do Encanamento, 480 – Parnamirim – 32680888)

jq.jpg
Cardeais da ICAS Jessier Quirino e Xico Bizerra ladeando Paulo Vanderley

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

RELATÓRIO

O relatório de 2008 do Departamento de Estado americano sobre as drogas, divulgado hoje em Washington, coloca o Brasil em segundo lugar no consumo de cocaína. Os Estados Unidos lideram. A Venezuela, que se recusa a colaborar no combate internacional ao tráfico, continua como importante rota de trânsito.

* * *

Estes americanos, grandes felas da puta, sempre nos sacaneando e nos deixando em segundo lugar.

Já quanto à Venezuela, não se poderia esperar coisa diferente de um país que tem um porra-louca feito Chavez no comando.

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

UM TEXTO DE CHICO BRUNO

O apetite de Sarney

A nova investida de Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) contra a corrupção, que ele trata como “um tumor” que precisa ser “lancetado” em declaração ao blog do jornalista Josias de Souza ensejam uma reflexão sobre um acontecimento que continua nebuloso, pelo menos para o escriba que vos escreve.

Trata-se da cassação dos mandatos de senador de João Capiberibe e de deputada de Janete Capiberibe em fins de 2005.

A cassação, que já era nebulosa na época, ficou ainda mais depois que investigações da Polícia Federal concluíram que eram inconsistentes as denúncias feitas pelo PMDB do Amapá junto a Justiça e divulgadas pelo jornal Estado do Maranhão, de propriedade do senador José Sarney.

Por isso, a Justiça mandou arquivar as denúncias e o ex-senador João Capiberibe está acionando Gilvam Borges e o jornal de Sarney na justiça e recorrendo junto ao STF com base na sentença que o absolve não para reaver seu mandato, mas para que seja reparada a injustiça cometida contra ele e Janete.

Clique aqui e leia este artigo completo »

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

GUABIRUS BEM NUTRIDOS

Um veterano de disputas na base aliada de Lula observa a dificuldade do PMDB para instalar seus prepostos na diretoria do Real Grandeza e conclui: “Nos fundos de pensão o PT não deixa ninguém mais pôr a mão”.

* * *

PT x PMDB: isto é briga de ratos grandes.

28 fevereiro 2009 DEU NO JORNAL

DESCUMPRINDO A LEI

O governo federal repassou, desde 2002, R$ 49,4 milhões para movimentos sociais que invadem terras, isso apesar de a legislação proibir desde um ano antes o repasse de verbas públicas a entidades que comandam ocupações de propriedades.Os recursos beneficiaram, principalmente, entidades ligadas ao Movimento dos Sem Terra (MST) e ao Movimento de Libertação dos Sem Terra (MLST). De 2002 a novembro de 2008, foram registradas 1.667 invasões de terra no país, e o MST foi o que mais invadiu.

* * *

Isto pode ser novidade pra muita gente. Menos pros bem informados leitores do JBF.

tth.jpg

27 fevereiro 2009 A PALAVRA DO EDITOR

EMPUTECENDO CORRUPTOS E SEUS DEFENSORES

jvb.jpg

27 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

ROBERTO CASTRO – SÃO PAULO-SP

No país das simplicidades complexas, é preciso que o presidente do STF venha a público denunciar como ilegais as invasões de terras praticadas há anos pelo MST e que tal organização, “agora” criminosa, não deve receber dinheiro público.

Realmente, o Brasil não é para principiantes, iniciantes ou pensantes.

R. É para petralhantes.

27 fevereiro 2009 A PALAVRA DO EDITOR

AVISO À DISTINTA FREGUESIA

Quando algum leitor faz um comentário numa determinada matéria neste blog, automaticamente eu recebo no meu correio eletrônico um aviso com o conteúdo do comentário e demais dados sobre o leitor comentarista. Um recurso arretado que é propiciado pelo sistema montado pela Plano 4.

Quando o leitor digita seu comentário e aciona o comando pra publicação, não existe mediação nem censura e o texto vai ao ar no mesmo instante em que é dado o clique de “Enviar comentário“. Só existe aprovação prévia (e disto o sistema se encarrega automaticamente), quando o comentário traz links ou coisas do gênero, que possam constituir spam, propaganda ou ameaça de vírus. Mas eu libero imediatamente, tão logo tomo conhecimento do que se trata.

Também não permito xingamentos e ofensas pessoais. Mas, com quase um ano de funcionamento, foram tão poucos os casos que é possível contá-los nos dedos de uma única mão. Uns três casos, eu diria.

Pois bem.

Como cortesia, eu costumo encaminhar o comentário para os interessados, o autor da matéria comentada ou as pessoas citadas. E o Jornal da Besta Fubana, pelo que sei, é o único blog no mundo que presta este tipo de serviço.

Acontece que, nos últimos dias, graças ao crescimento vertiginoso da audiência do JBF, eu passo um tempo enorme só encaminhando comentários. Que é um servicinho braçal e que exige que eu faça uma “limpeza” e uma formatação na mensagem que vou encaminhar.

Hoje, sexta-feira, por exemplo, ainda estamos no começo da tarde e já foram feitos mais de 50 comentários. E ainda faltam os leitores noturnos, aqueles que abrem o jornal quando chegam em casa, depois da jornada de trabalho. Quando amanhece o dia, minha caixa postal tá mais cheia do que penico de casa grande.

Daqui pra meia-noite ainda vem comentário que só a porra.

E a audiência e a quantidade de leitores não pára de crescer. A cada relatório que recebo do provedor, os números estão maiores. Mas nem seriam necessários relatórios. Eu constato isto na administração diária do jornal.

Pra encurtar a conversa:

A partir de hoje eu não vou mais encaminhar o comentário pra cada interessado. Salvo em casos excepcionais. O tempo que gasto é precioso pra outras tarefas de importância.

Um exemplo de caso excepcional: comentários feitos em matérias postadas há muitos meses. É evidente que o autor da matéria jamais saberia que seu texto foi comentado se eu não encaminhar o aviso. Isto costuma acontecer com frequência nas matérias que trazem música (como a coluna do Cardeal Raimundo Florianbo) ou poesia (como a coluna do Cardeal Pedro Malta). Em geral são leitores que fazem pesquisa na internet e chegam até o JBF.

De modo que recomendo aos interessados ficar de olho nos comentários por, digamos, até uma semana depois de postada a matéria. Na esmagadora maioria das vezes os comentários começam a ser feitos no mesmo dia da postagem, e continuam por mais dois ou três dias.

Conto com a compreensão de vocês todos, bando de alienados que bem poderiam estar se ocupando de coisas mais proveitosas que a leitura desta merda.

27 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

MARIA SAFIRA SUASSUNA – JABOATÃO DOS GUARARAPES-PE

SS Papa Berto Primeiro dos Últimos:

No ano passado no mês de novembro eu escutei o Sen.Jarbas Vasconcelos, completamente embrigada num bar do Pina, fazer a seguinte afirmação: “O Clodovil é um frango escroto”

S.S. acha que esta é mais uma afirmação infundada?

R. Totalmente infundada.

Para este caluniador afirmar uma coisa destas, ele precisa anexar à denúncia uma prova material do que diz, como, por exemplo, uma fotografia do deputado Clodovil dando o furico. Depoimentos de bofes não são levados em consideração pela justiça.

Sem data, local, hora e CPF, tudo não passa de denúncia infundada.

Mesmo que você cruze com um bicho que tenha 4 patas, que tenha focinho de cachorro, rabo de cachorro, pelos de cachorro e que se ponha a latir como cachorro, você só pode afirmar que ele é cachorro apresentando atestado de veterinário ou certidão de órgão público competente, como a Carrocinha, certificando ser aquele bicho um cachorro. Do contrário, você estará fazendo uma denúncia infundada e com a SJV.

Veja o caso do probo político paulista Paulo Maluf: já levou às barras dos tribunais mais de uma centena de caluniadores que o chamaram de ladrão sem apresentar os recibos das propinas.

27 fevereiro 2009 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

CARDEAL LEONARDO LEÃO – RECIFE-PE

Vizinhança

No balanço de teus cheiros
omites-me todo o castigo
nesta impune omissão de teu corpo
em meu paladar paladino.

Encontro-me, então, com a loucura
do covarde ausente:
imprimo ritmo e remadas
enquanto a ré, longe, é condenada.

Ah!, este desejo incerto de ir
e vir em ti,
sentir toda a umidade de teu púbis
infestando-me de rigidez
na certeza de meus dentes.

Cravo-me, intumescido,
na viagem vazia
da vida impossível.

Recife, 26 de fevereiro de 2009


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa