Caro Papa Berto,

De há muito tempo a sabedoria popular recomenda que não se deve criar cobra no quintal de casa.

O Presidente Lula foi dando corda ao PMDB e agora os peemedebistas estão com a Presidência da Câmara e do Senado.

Hoje, no Senado, em disputa contra a senadora Ideli Salvati do PT, para a presidência da Comissão de Infra-Estrutura, com o apoio do PMDB, especialmente do seu líder, o probo senador RENAN CALHEIROS, foi eleito o, igualmente probo, ex-presidente Fernando Collor, hoje no PTB.

Ou seja, nunca o PMDB teve tanto poder nas mãos, como no Governo Lula e, devagarinho, pelas beiradas, vão comendo, comendo, comendo…

Lula criou cobra no quintal de casa.

Nessa, o PT SIFU!

Tomara que a briga se acirre e os podres de uns e de outros venham á tona!

Um abraço,

R. Você fala de um jeito como se o Presidente Lula estivesse sendo enrolado pelo PMDB. Como se ele, como você diz, tivesse “criado cobra” pra ser mordido.

Acho que você não percebeu o óbvio: Lula e o PMDB são parceiros. A cara de um é o focinho do outro.

Quem nomeia, conscientemente, um Lobão pra ministro, indica um Romero Jucá pra chefiar bancada, dá poderes a Jáder Barbalho pra nomear cargos no executivo, trabalha pra um Renan ser líder e tem em Zé Sarney um conselheiro político, pode ser chamado de tudo. Menos de ingênuo. Ou de ter sido enganado pelos peemedebistas.

O ex-presidente Collor, a partir de agora, com o apoio do PMDB e as bênçãos do Palácio do Planalto, vai comandar uma Comissão no Senado Federal que terá influência e poderes sobres obras do PAC e do Pré-Sal.

Não me causa a menor surpresa, nem o mínimo espanto, que os caminhos de Lula e de Collor tenham finalmente se cruzado.

2197.jpg

2 Comentários

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa