BISPO BERNARDO – MACEIÓ-AL

Irradiador da Fé,

este cabra desaforado matador de quem não presta, como ele mesmo disse “os que nós matamos…” ainda está por aí?

O assunto já saiu das “fôias”.

Com os respeitos do Bispo

R. O assunto pode ter saído das “fôias”. Mas não sai da cabeça das pessoas que raciocinam. O sujeito cuja foto você nos mandou tá mais atuante que nunca.

Este cabra safado continua na dele: viajando, se alimentando bem, se hospedando em hotéis 5 estrelas e mamando nas generosas verbas que o governo federal ilegalmente libera pros órgãos-fantasma ligados ao MST.

Se esta sinistra figura fosse fazer um crediário numa loja, ele não conseguiria nunca apresentar um comprovante de renda e um atestado de residência. E eu gostaria de estar ao lado só pra saber onde ele nasceu, pois o sotaque do sujeito pode ser tudo neste mundo, menos nordestino.

Agora, preste atenção nesta: o MST não tem personalidade jurídica, nem é registrado em cartório. Um artifício pra continuar fazendo terrorismo sem ser levado às barras dos tribunais.

Pois bem.

Ontem eu vi na televisão com estes olhos que a terra haverá de comer: Jaime Amorim, dirigente de um movimento que não tem CPF nem endereço, assinando um documento numa reunião, ao lado de autoridades do governo e órgãos ligados aos problemas da terra e da reforma agrária.

Seria assim como se Fernandinho Beira-Mar participasse de uma reunião no Ministério da Justiça com Tarso Genro e ONGs ligadas a problemas do tráfico e da violência.

A realidade brasileira consegue ser mais surrealista do que todos nós, os ficcionistas, que vivemos inventando enredos irreais.

brasil1.jpg

Jaime Amorim: um desocupado sem emprego, naturalidade, residência fixa ou comprovante de renda legal

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.