BOTANDO DEFEITO

Eleita a mulher mais sarada do Brasil na segunda-feira, a paulista Priscila Saravalli, de 23 anos, ficou seis meses sem tomar refrigerante e comer chocolate para se preparar para o concurso. Apaixonada por malhar, ela colhe agora os frutos do prêmio: vai investir na carreira de modelo, e não descarta posar nua – proposta que diz já ter recebido e que é agora analisada.

* * *

A turma-dos-que-não-são-chegados vai botar um bocado de defeitos no corpo da moça (?).

Vamos ver se vocês descobrem algum:

ppc.jpg

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.