21 abril 2017 FULEIRAGEM

MYRRIA – A CRÍTICA (AM)

21 abril 2017 FULEIRAGEM

DUKE – O TEMPO (MG)

SINUCA DE BICO

Em outubro de 1993 eu cobria, como jornalista do Country Club, uma das apresentações do “astro do bilhar”, José Rui de Mattos Amorim, mais conhecido como “Rui Chapéu”, que se apresentava a convite do Presidente Dr. Rostand Paraíso, tendo ao meu lado para as explicações à boca pequena, o taquista e artista plástico Halmiro – Almiro Antonio Barreto da Silva.

Halmiro (esq.), artista plástico, um dos granes taquistas do Recife, ao lado deste colunista

Iniciada a apresentação, um “distinto” se agarra ao microfone para a transmissão, postando-se como Mestre de Cerimônias.

Para cada jogada o locutor improvisado, com voz de Abílio de Castro, anunciava com entusiasmo, a modalidade, nem sempre inédita para Lulinha, Ivanildo, Dega, Almiro, Mário Celestino, e outros jogadores inveterados.

Em dado momento foi anunciado que “Rui Chapéu” resolveria uma situação difícil, e jamais vista em Pernambuco: uma “Sinuca de bico”. Aquela que iria finalizar sua apresentação.

Silêncio e expectativa. Ouve-se, então, a voz fanhosa de um espectador vindo lá dos cafundós de juras, que irrefletidamente indagou ao locutor desejoso de saber o que era aquele termo – “sinuca de bico”:

– Que diabo de jogada é essa?

Ao que, de pronto, mais depressa que mijada de bode, “Dega” – Edgar Campelo Cavalcanti – sócio-proprietário do Country, jornalista, dono da coluna “O Chute do Dega”, atento e oportunista como sempre, foi ao microfone e sem clemência disparou:

– Estou descontente com tua mulher, mas também não tenho nada melhor em vista!. É uma “Sinuca de bico”.

Fechou-se a cena.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

21 abril 2017 A PALAVRA DO EDITOR

MEMÓRIA BANÂNICA

A notícia abaixo foi publicada no dia 21 de abril de 2003.

Há exatos 14 anos.

Como o tempo passa ligeiro…

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), participam hoje, em Ouro Preto, da solenidade comemorativa de 21 de Abril, que homenageia a Inconfidência Mineira. Durante o evento, que será presidido pelo governador, o presidente Lula será condecorado com o Grande Colar da Inconfidência, honraria concedida apenas a chefes de Governo.

Um guabiru condecorando outro guabiru.

Um era gunvernador e o outro era prisidente.

Coisas de Banânia mesmo.

Esta linda dupla odebrechtiana merece uma salva de palmas.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

AMORIM – CHARGE ONLINE

21 abril 2017 HORA DA POESIA

SONETO – Carlos Pena Filho

Por trás do musgo silencioso e espesso,
que cresce no teu ventre desolado,
nasce um mundo obscuro e inusitado
que eu não sei se mereço ou desmereço,

Sei apenas que às vezes, quando teço
canções noturnas do prazer frustrado,
sou, nem sei por que sombras,
exilado para além do meu fim e meu começo.

Esse teu mundo, concha que é morada
de anêmonas e polvos, é mais raro
que a luz de Deus na noite abandonada.

E é por isso talvez que não se entrega
e me deixa a esperar teu corpo claro
de fêmea esquiva que ao prazer se nega.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

PATER – A TRIBUNA (ES)

21 abril 2017 JOSIAS DE SOUZA

COM LULA À BEIRA DO ABISMO, PALOCCI SE APRESENTA PARA O PAPEL DE SABONETE

21 abril 2017 FULEIRAGEM

NANI – CHARGE ONLINE

21 abril 2017 DEU NO JORNAL

OS CORRUPTOS BANÂNICOS TAMBÉM SÃO HUMORISTAS

Lava Jato quer “desmoralizar homens de bem“, declarou o senador Renan Calheiros.

Para o senador peemedebista, a condução da investigação tem ferido os direitos da democracia.

Renan ainda disparou contra a atuação do MPF.

* * *

Ou seja, a saneadora Operação Lava Jato, que pratica “abuso de autoridade“, quer desmoralizar homens qualificados, probos, éticos e honestos, assim feito Renan, Vaccari, Lobão, Jucá, Palocci e Lula.

Quando tomou conhecimento da declaração do colega guabiru Renan, o guabiru Lula, que já havia tomado 13 lapadas da cachaça Havana, presenteada pela OAS, quase se mijou-se de tanto se rir-se.

Lula declarou à reportagem do JBF que “nóis corrupito tomém sabemo fazer piada“.

E deu uma gaitada que quase rebentou os ouvidos do Chupicleide, que estava com o telefone nos zouvidos fazendo a entrevista.

Essa foi foda: nóis homi de bem“, rinchou Lula, debochando da declaração do colega de ladroagem Renan.

E terminou a entrevista mandando um grande abraço pra todos estes bestas que falam mal dele e que pensam que as antas do seu curral vão deixar de acreditar nos tolôtes que ele caga pela boca.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

REINALDO – CHARGE ONLINE

A CASA CAIU

21 abril 2017 FULEIRAGEM

ALPINO – BLOG DO ALPINO

GRANDES MOTES, GRANDES GLOSAS E UM FOLHETO DE LEANDRO GOMES DE BARROS

V

Zé Cardoso glosando o mote:

Essa roupa de couro empoeirada
É a prova que vim lá do sertão.

A lembrança do campo, ainda carrego,
Porque foi minha única faculdade.
No momento que eu entro na cidade,
Eu me sinto perdido e não lhes nego:
Eu sei dar nó de porco, dou nó cego,
Mas um nó de gravata, eu não dou não.
Mas, caindo uma corda em minha mão,
Num segundo tá feita uma laçada.
Essa roupa de couro empoeirada
É a prova que vim lá do sertão.

* * *

Andrade Lima glosando o mote

Duas doses de saudade
Deixam a gente embriagado.

Não tem conhaque que faça
Meu peito se embriagar
Mas, já vi gente tombar
Sem beber essa desgraça.
Pois pior do que cachaça
Encontrei bem do meu lado
Senti meu peito apertado
E pra falar a verdade:
Duas doses de saudade
Deixam a gente embriagado.

A saudade é muito forte
Pode crer meu camarada.
Que quem sente essa danada
Parece que vê a morte.
Embarquei nesse transporte
E foi triste o resultado.
Não morri, mas fui trancado
E a Deus pedi piedade.
Duas doses de saudade
Deixam a gente embriagado.

* * *

Dedé Monteiro glosando o mote:

A vida só tem sentido
Enquanto houver ilusão.

Entrei na maré do vício
Sem conhecer suas águas,
Tentando afogar as mágoas
Do meu cruel sacrifício.
Quis me arrepender no início,
Mas faltou disposição…
Fiquei procurando, em vão,
O que nem tinha perdido…
A vida só tem sentido
Enquanto houver ilusão.

* * *

Rafael Neto glosando o mote:

Me afoguei na maré da sedução
Quando o barco do amor perdeu o rumo.

Já cruzei muitos mares caudalosos,
Porém nesse eu quase perco a vida.
Nesse barco a passagem é só de ida
Nos prazeres dos mares ondulosos,
Meus desejos carnais são poderosos
Pra tirar minha vida do seu prumo,
E pra viver ou morrer eu mesmo assumo,
Que o culpado de tudo é a paixão
Me afoguei na maré da sedução
Quando o barco do amor perdeu o rumo.

* * *

Salomão Rovedo glosando o mote:

Pobre cu que não tem sorte
Solta um peido a merda vem.

Um ataque agudo e forte
Bem pior que dor-de-parto
Rasga violento e farto
Pobre cu que não tem sorte.
Mais forte que a dor-da-morte
E dor-de-viado também
Castiga sempre alguém
Como fosse dor-de-corno
A tripa faz um contorno
Solta um peido a merda vem.

* * *

Dimas Bibiu glosando o mote:

Todo dia muda a cor
Do quadro da minha vida.

Preso a forte nervosismo
Sinto duras agressões
Me tangendo aos empurrões
Para os confins do abismo
Por falha no organismo
Meu coração já trepida
Minha mente poluída
Passa um filme de terror
Todo dia muda a cor
Do quadro da minha vida.

Para os trabalhos normais
Me considero indefeso
Ontem suspendi um peso
Que hoje não posso mais
Já demonstrando os sinais
Duma coluna pendida
Que só será corrigida
Se a idade também for
Todo dia muda a cor
Do quadro da minha vida. Clique aqui e leia este artigo completo »

21 abril 2017 FULEIRAGEM

BRUM – TRIBUNA DO NORTE (RN)

JACOB FORTES – BRASÍLIA-DF

SONHO INFIEL

Compulsando um jornal do Ceará deparei com uma pitoresca história, evidentemente engendrada pela mente engenhosa do poeta Lourival Batista a quem parabenizo pela invencionice. Peço licença ao autor para recontá-la prometendo não macular o original, porém, aplicarei uma demão do meu particular estilo, tendente a adornos e temperos jocosos. Reconto para saciar este meu vezo incomum de considerar-me repórter cultural/literário; cada qual com sua mania:

João Tertuliano ganhou o apelido de “João teimoso” pela teimosia de jogar no “bicho”, renitentemente. Certa feita João ouvira, em sonho, uma voz que lhe dizia:

– João, amanhã cedinho você ouvirá o nome do bicho a ser sorteado.

João despertou ardendo em expectativa de lhe suceder o prometido em sonho e, a primeira coisa que ouviu foi o vozear do vizinho transmitindo ordens a um empregado:

– José Leão, acorde que o galo já cantou, calce as botas de couro de camelo para evitar mordida de cobra. Leve o touro e a vaca águia, ponha ambos no roçado. De volta traga o burro, ou o cavalo, e vá à casa do compadre João Carneiro, Rua Coelho Neto, esquina com Pavão Misterioso, número vinte e quatro. Tenha cuidado com o cachorro, valente igual a urso, inclusive mordeu o elefante do circo. Tenha moderação com o compadre, pois ele é zangado feito tigre. Peça-lhe emprestado o macaco, a chave borboleta e o alicate jacaré. Ponha tudo na bolsa de couro de avestruz. Volte ligeiro, como a um gato. Passe no armazém e traga a ração dos perus.

Psicologicamente embaraçado com o excesso de palpite, nesse dia João Teimoso não jogou. O sonho, ao que se pode inferir, se recusou ao cumprimento do seu papel profético. Aliás, nos sonhos, e em tudo mais de natureza onírica, radicam elevados índices de insegurança, para não falar em atraiçoamento. Mesquinhos, mutilados, vão, fúteis ou pérfidos, a meu parecer ainda é preferível sonhar. Sonhos cavam abismos, mas também consolam, aconchegam o peito. Ainda hei de dissertá-los!

21 abril 2017 FULEIRAGEM

SANTO – CHARGE ONLINE

21 abril 2017 A PALAVRA DO EDITOR

TEM PRA TODOS OS GOSTOS

Quem quiser preencher o tempo nesta sexta-feira coçadeira de saco, tenho uma excelente sugestão:

Tente identificar cada um dos ladrões que estão nesta foto-montagem aí de cima.

E quem quiser ver a matéria com detalhes (vela a pena) é só clicar na ilustração.

Depois de dar o clique, o leitor vai se deparar com uma linda lista de ladrões, guabirus, corruptos, canalhas, bandidos, quadrilheiros e safados de todas as variedades e tendências.

Tem pra todos os gostos!!!

E em ordem alfabética!

Uma coisa chiquérrima.

Um excelente final de semana pra todos vocês, bando de fuxiqueiros!

21 abril 2017 FULEIRAGEM

BENETT – GAZETA DO POVO (PR)

AGENDAMENTO, VERDADES E MENTIRA

Por solicitação de meu urologista, Dr. Ronalsa, ontem fui marcar exame de Ressonância Magnética da próstata. Ao chegar no laboratório no Stella Maris fui informado que aquele exame só era realizado no laboratório da Ponta Verde. Lá vou eu pegar outro taxi. Para quem não sabe, deixei de dirigir há sete anos, quando fui renovar minha carteira de motorista exigiram tanto teste que desisti. Não renovei a carteira e desde aquele dia só ando de taxi. Dei o carro à minha filha.

Ao chegar no laboratório fiquei deslumbrado com a fachada maravilhosa de vidro fumê, o Dr. Chico deve ter gasto uma nota, pensei. Logo na entrada peguei uma senha de atendimento. Marquei na maquininha: Ressonância e Prioritário. Saiu uma ficha RP 150. Fui sentar-me esperando a vez, encontrei meu amigo de longas datas, Dr. Jair, ele olhou-me e filosofou.

– Meu amigo, antigamente a gente se encontrava nos bares e biroscas da cidade, hoje só nos encontramos em sala de médico ou laboratório.” Deu uma gostosa gargalhada.

Fiquei esperando sentadinho em meu lugar. Quando percebi uma mulher passando e sentando-se mais adiante. Olhei, reconheci, era Aninha, fui cumprimentá-la. Cheguei-me por trás dei um cheiro em seu cabelo. Ao olhar-me, a mulher disse um ôxente com voz e cara de braba. Quase morro de vergonha, não era Aninha, pedi mil desculpas. Ainda bem que a mulher se acalmou, foi compreensiva, perdoou-me. Eu descabriado voltei a sentar-me. Esperei mais um pouco, o placar chamou, RP 150.

Fui imediatamente mostrando a documentação pedi para marcar o exame. A atendente olhou-me educadamente, pediu até desculpa, para dizer que eu tinha apanhado a ficha errada, aquela RP era para realizar o exame; para marcar o exame eu teria que pegar uma senha de Agendamento Prioritário. Lá fui eu pegar outra ficha. Saiu do buraquinho a nova senha, AP 433. Ao sentar-me, a ficha AP 426 havia sido chamada. Calculei, tinham 7 pessoas na frente, o que daria, mais ou menos, meia hora de espera.

Descobri algumas revistas, folheei, não me agradaram. Eram, Caras, Quem, e outras revistas de baboseiras com celebridades televisivas. Terminei pegando o celular para passar o tempo. Foi quando entrei no jogo da moda do Facebook: Escrever nove verdades e uma mentira para os amigos acertarem a mentira. Escrevi a lista na hora, já postando no Facebook. Copio abaixo para que meus leitores acertem qual a mentira. Eis a lista:

1 – Já frequentei o terreiro de Menininha do Gantois em Salvador.

2 – Já tomei banho e pesquei no Riacho Salgadinho (hoje esgoto a céu aberto), junto com Cacá Diegues.

3 – Já desci um rapel de mais de 100 metros de altura na Floresta Amazônica.

4 – Votei no General Henrique Lott para presidente da República em 1960. (Jânio Quadros foi o eleito).

5 – Fui entrevistado no programa do Jô Soares.

6 – Fui Presidente da Escola de Samba Unidos do Poço.

7 – Fui amigo de Lamarca na Academia Militar das Agulhas Negras.

8 – Fui descoberto escritor aos 61 anos de idade.

9 – Conheci pessoalmente Fidel Castro em Habana em 2008 na 17ª Feira Internacional do livro, onde dei uma palestra.

10 – Quando fui prefeito da Barra de São Miguel foi aprovada na Câmara de Vereadores a bandeira do município, com as cores do Fluminense.

Quem quiser participar da brincadeira pode responder para meu e-mail (carlitoplima7@gmail.com). Quem acertar a mentira dessa lista ganha um livro, remeterei via Correios.

Mas voltemos ao laboratório. Certo momento reconheci uma amiga ao longe na sala enorme, era a Cláudia, ia acenar com a mão, mas eu estava traumatizado com a mancada da moça parecida com Aninha. Preferi fazer que não via.

Afinal fui chamado, marquei o exame. Feliz da vida fui saindo do laboratório quando encontrei a Sheila Maluf, depois de um papo rápido, reclamei a demora para marcar um exame. Ela estranhou. “Você veio agendar o exame no laboratório? Pois eu agendo por telefone, não gasto dois minutos. Já venho fazer os exames.”

Dei um sorriso de babaca. É isso mesmo, aos 77 anos aprendendo todo dia.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

SAMUCA – DIÁRIO DE PERNAMBUCO

21 abril 2017 A PALAVRA DO EDITOR

TÁ DANDO PAU

Caros leitores fubânicos, estamos tendo um problema aqui no nosso editor.

Uma chuva de comentários piratas invadiu as nossas postagens.

Inclusive alguns comentários legítimos dos nossos leitores “não piratas” foram submetidos a moderação, coisa que não existe nesta gazeta escrota.

Estamos trabalhando pra resolver o problema junto à LocaWeb, onde o JBF está hospedado.

Tão logo esteja tudo resolvido, voltaremos a atualizar normalmente o jornal.

Agradeço a compreensão de todos.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

DUKE – O TEMPO (MG)

PASTORINHAS

Silvio Caldas interpretando  Pastorinhas, de Braguinha e Noel Rosa, numa gravação de 1938.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Noel de Medeiros Rosa (Dez/1910 – Mai/1937)

21 abril 2017 FULEIRAGEM

PELICANO – TRIBUNA (SP)

A ARROGÂNCIA NA SELEÇÃO DOS CORRUPTOS

Quem assiste aos vídeos com os depoimentos de Emílio Odebrecht pode acreditar que quem está falando não é um marechal do imenso exército dos corruptos que consumou a maior roubalheira de todos os tempos, mas uma sumidade em assuntos brasileiros. Falante, risonho, ele não depõe: dá aulas sobre a alta ladroagem, interrompidas só de vez em quando por perguntas em tom respeitoso da autoridade judicial. O responsável pelos questionamentos nem aparece na tela, que o mestre divide com o advogado cuja expressão apalermada é acentuada pela franja Febem.

Num determinado momento, o chefão da usina de maracutaias, velhacarias, vigarices e bandalheiras ensina que a ladroagem bilionária nada tem de novidade. “As coisas são assim há trinta anos”, reescreve a história o pai e mentor de Marcelo Odebrecht. (Se fosse verdade, a Petrobras teria falido em 1986). Noutro vídeo, proclama-se vítima de um tipo de burocracia que só pode ser derrotado por montanhas de dólares. (Conversa de 171: o grande assalto foi concebido em 2003, no primeiro governo Lula, e sangrou os cofres públicos até 2014, quando a Operação Lava Jato começou a ofensiva contra os gatunos da classe executiva).

Numa terceira lição, Emílio garante que a imprensa não tem o direito de surpreender-se com a ultrapassagem de todos os limites da abjeção. “Os jornalistas sempre souberam do que acontecia”, acusa. (Talvez soubessem disso os que a Odebrecht arrendou, alugou ou comprou. Os decentes nem de longe imaginavam que, entre 2006 e 2014, a empreiteira gastou em propinas US$ 3,37 bilhões. (Dólares, não reais, frisa a coluna de Carlos Brickmann nesta quarta-feira. “Até 2008, a Odebrecht gastava em propinas, agrados, pixulecos, mimos, 0,5% de sua receita anual”, detalha Brickmann. “A partir daí, o volume aumentou muito. Em 2012, o custo do escândalo já era de 1,7% da receita – e a receita também tinha aumentado, graças ao fermento da propina”.

Alguém precisava lembrar ao bandido arrogante o que ele de fato é: um quadrilheiro de alta patente que escapou da cadeia por ter concordado em revelar minuciosamente as atividades criminosas em que se meteu. Foi o que começou a descobrir durante a conversa com o procurador Sérgio Bruno, parcialmente reproduzida no vídeo abaixo. “Deixa de historinha”, cortou o homem da lei quando o desenvolto fora da lei tentava transformar uma audiência judicial em outra conversa de botequim. A repreensão foi oportuníssima. Mas Emílio Odebrecht anda implorando por castigos bem mais severos.

As revelações que tem feito ajudam a Justiça a cumprir o seu papel. Mas não transformam um culpado em inocente. O dono da empreiteira que apodreceu será sempre lembrado como um titular absoluto da seleção brasileira dos corruptos – esse timaço que encontrou em Lula, o “Amigo”, o inesquecível camisa 10.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

MAGNO BEZERRA DOS SANTOS – CHICAGO-ILLINOIS-EUA

G.R.A.N.D.E. Luiz Berto

(Glorioso, Renomado, Amigo, Nunca Desanimado e Excelentíssimo) Luiz Berto

Por favor, veja o video abaixo:

Quando vejo situações como a que está representada no video anexo, vem-me engulhos à garganta em imaginar as razões porque existe uma cultura tão miserável em muitos brasileiros que, por profissão, devem servir a população.

Há alguns que só pensam em tirar proveito em tudo – “faço minha obrigação, mas quero minha parte no butim”. Há outros que, por natureza, formação ou pela natureza de seu espírito, tem-no mais baixo que o mais abjeto dos seres.

A maioria das grandes cidades americanas tem um serviço de assistência à mobilidade dos cidadãos que têm dificuldades em tomar um ônibus. Na área de Chicago, por exemplo, as linhas de ônibus urbanos são administradas por um órgão chamado PACE, que tem como atribuição de uma de suas divisões o transporte de idosos e deficientes. Funciona da seguinte maneira: cidadãos idosos ou cadeirantes telefonam para uma central, informam o local onde estão, o local e horário para onde querem ir, e o sistema define uma “van” para apanhá-lo em um horário determinado e levá-lo ao ponto de ônibus ou estação mais apropriada para que ele siga seu trajeto. O custo disso é rigorosamente o mesmo que o da passagem de ônibus ou trem que será utilizado para o seu destino final.

A “van” é totalmente adaptada ao uso do cadeirante, que é tratado com todo o respeito que é devido a um cidadão. O cadeirante não precisa sequer se levantar de sua cadeira de rodas. O veículo tem todo um mecanismo adaptado a levantar a cadeira com o cadeirante (foto anexa), o motorista o acomoda no interior do veículo, com toda a segurança e sempre agindo com toda a cortesia.

Tudo bem, que no Brasil ainda não temos toda essa tecnologia, mas nada disso justifica o comportamento animalesco do desgraçado do motorista do ônibus em Cuiabá que agiu da maneira mostrada no video. A falta de educação e respeito para com um ser humano não dependem de tecnologia. A postura desse miserável é apenas um espelho do que fazem os governantes brasileiros com seus cidadãos: a dignidade humana de nosso povo nunca foi respeitada.

Desejo uma boa semana a você, sua família e a toda a família de fubânicos espalhada no mundo.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

CHICO CARUSO – O GLOBO

21 abril 2017 DEU NO JORNAL

VOLTEM PORQUE LÁ É UM PARAÍSO!

O governo de Cuba suspendeu o envio para o Brasil de 710 profissionais treinados para trabalhar no Programa Mais Médicos.

O grupo deveria desembarcar no País ainda neste mês. A decisão do governo cubano, comunicada ao Ministério da Saúde na terça-feira (11/4) é reflexo do descontentamento com a grande quantidade de médicos que se recusam a voltar para Cuba, terminados os 3 anos de trabalho no programa.

Há atualmente 88 profissionais que recorreram à Justiça para permanecer no Brasil e garantir o direito de continuar no programa do governo federal

O maior receio do governo cubano é de que um novo grupo de médicos resista em voltar para o país quando chamados de volta e que isso acabe afetando também o comportamento de profissionais que já estão atuando em outros países.

Além do Brasil, Cuba tem outros acordos de cooperação, baseados no envio de profissionais de saúde. Esse tipo de cooperação é também uma forma de renda para ilha. No trato firmado entre Brasil e Cuba, parte dos salários dos médicos é paga diretamente para o governo cubano.

* * *

Acabei de enviar mensagem para o camarada Raul Castro, o amigão de Lula, Dilma e Maduro, fazendo uma sugestão.

Sugeri que ele entrasse em contato com o fubânico castrista Ceguinho Teimoso, pedindo que este nosso estimado cumunista fizesse uma palestra para os médicos cubanos que estão no Brasil, a fim de convencê-los de que devem voltar a sua pátria de origem, porque Cuba é um paraíso na terra.

Ceguinho assegura que a Ilha Encantada é o Eden Latino, um recanto de mundo onde todas as delícias e conquistas de um regime aberto, democrático e participativo estão implantadas.

Quem quiser reforçar a sugestão que dei pra Raul Castro, é só utilizar o endereço eletrônico que está no final desta frase, que tá escrita lá na página oficial do gunverno cubano:

Sea bienvenido y no deje de enviarnos sus opiniones.

Quem clicar na palavra opiniones, será remetido para o seguinte endereço eletrônico: webmaster@one.cu

Isto mesmo: one.cu !!!

Num é lindo???!!!

A página oficial da Ilha da Felicidade é esta: Sitio del Gobierno de la República de Cuba

Para alegrar a nossa sexta-feira e fechar esta postagem, dou um conselho em forma de música para os médicos cubanos que querem ficar no Brasil:

Cantem, não chorem!

Ay, ay, ay, ay
Canta y no llores
Porque cantando se alegran
Cielito lindo, los corazones

 

21 abril 2017 FULEIRAGEM

S. SALVADOR – ESTADO DE MINAS

21 abril 2017 JOSIAS DE SOUZA

OAS NEGOCIA INCLUIR MINISTRO DO STJ EM DELAÇÃO

O Poder Judiciário está prestes a ser lançado no caldeirão da Lava Jato. A construtora OAS planeja entregar pelo menos um ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) na colaboração judicial que negocia com a Procuradoria-Geral da República, informa o jornal Valor, em notícia veiculada nesta quarta-feira. Lula também será alvejado.

Farão parte do rol de delatores da empreiteira mais de 20 executivos. A lista inclui o ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro; o dono da empresa, Cesar Mata Pires; e dois filhos do empresário. Há oito meses, o procurador-geral da República Rodrigo Janot suspendera a negociação de acordo com a OAS.

Janot irritara-se com o vazamento de dados relacionados ao ministro Dias Toffoli, do STF. Avaliou-se à época, na Procuradoria, que as informações não teriam potencial para encrencar Toffoli. O procurador-geral pisou no freio por avaliar que a própria OAS levara o nome do ministro às manchetes, para pressionar a Procuradoria a fechar o acordo. Por isso, levou o pé à porta.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

FERNANDO – JORNAL DA CIDADE DE BAURU (SP)

BEATRIZ MASSAROLLO – PIRACICABA-SP

Ilustre editor,

Depois das acachapantes revelações do empresário Léo Pinheiro, o ex-presidente Lula está na mesma situação do campeonato de futebol Brasileirão de 1985:

Ele está entre Bangu e Coritiba.

Para onde o senhor acha que Lula vai?

Abraços,

R. Cara leitora, eu tenho a impressão que Lapa de Corrupto vai preferir obrar de coca no boi do presídio de Bangu.

Por que?

Porque na decisão do Brasileirão de 1985 – esta que você cita em sua carta -, e que terminou naquele célebre empate de 1×1, o gol do Bangu foi marcado por um jogador de nome… Lulinha.

O gol do Coritiba foi marcado por Índio.

Terminada a partida com este empate, a disputa foi para os pênaltis e o resultado acabou em 6×5 para o Coritiba.

Confira no vídeo que está logo a seguir.

Abraços e um excelente feriadão.

“E não se esqueça de dar o seu voto na Enquete Fubânica que está no ar. É só ir aí do lado direito do JBF e clicar)

* * *

21 abril 2017 FULEIRAGEM

IOTTI – ZERO HORA (RS)

PARADA DE SUCESSOS – AS MAIS TOCADAS EM 1960 – PARTE 2

Dolores Duran (Jun/1930 – Out/1959)

* * *

01 – Alguém me disse – (Jair Amorim / Evaldo Gouveia) – Anísio Silva

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


02 – Wheels – (Richard Stephens / Jimmy Torres) – The String-A-Longs

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


03 – Se acaso você chegasse – (Lupicínio Rodrigues/Felisberto Martins) – Elza Soares

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


04 – The Twist – (Hank Ballard) – Chubby Checker

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


05 – Meu dilema – (Adelino Moreira) – Nelson Gonçalves

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


06 – I Get Ideas – (Julio Cesar Sanders / Cochran) – Louis Armstrong

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


07 – Menina moça – (Luiz Antonio) – Tito Madi

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


08 – Poetry In Motion – (Mike Anthony / Paul Kaufman) – Johnny Tillotson

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


09 – Brotinho sem juízo – (Carlos Imperial) – Roberto Carlos

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


10 – Beyond the Sea – (Trenet / Lawrence) – Bobby Darin

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


11 – Serenata Suburbana – (Capiba) – Dalva de Andrade

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


12 – My Home Town – (Anka) – Paul Anka

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


13 – A noite do meu bem – (D.Duran) – Dolores Duran

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


14 – The Green Leaves of Summer – (D.Tiomkin / Paul F.Webster) – The Brothers Four

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


15 – Não tenho namorado – (Caballero/versão: Fred Jorge) – Celly Campello

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


16 – You Mean Everything To Me – (Sedaka / H.Greenfield) – Neil Sedaka

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

MIGUEL – JORNAL DO COMMERCIO (PE)

21 abril 2017 EVENTOS

PARA OS FUBÂNICOS DO RECIFE – SEVERINOS, VIRGULINOS E VITALINOS

Um musical que conta a história do filho de um palhaço e do filho de uma atriz mambembe que saem pelo Sertão em busca dos seus pais. Esse é o mote do espetáculo “Severinos, Virgulinos e Vitalinos”, da Dispersos Cia. de Teatro, que já está em cartaz, no Teatro Arraial Ariano Suassuna, no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife.

Na trama, ao longo de sua jornada, os jovens encontram Severina, a morte, Virgulino, a violência, e o sonho, Vitalino. O texto é inédito e assinado por Samuel Santos. Com direção musical de de Leila Chaves e Victor Chitunda, o espetáculo reúne elementos circenses, teatrais e musicais no mesmo picadeiro. A trilha sonora é executada ao vivo.

Severinos, Virgulinos e Vitalinos” fica em cartaz até o dia 22 de abril, com apresentações nas sextas-feiras e nos sábados, sempre às 20h.

O Teatro Arraial fica localizado na Rua da Aurora, nº 457, no bairro da Boa Vista, no Centro do Recife.

21 abril 2017 FULEIRAGEM

MICHELÂNGELO – CHARGE ONLINE


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa