11 maio 2017 DEU NO JORNAL

FALA, FELIPE MOURA!

11 maio 2017 FULEIRAGEM

MOISÉS – BLOG DO NOBLAT

ITARARÉ LIMEIRA – NATAL-RN

Há algum tempo, naquela grande Nação, O GRANDE LÍDER foi a uma reunião com um grupo de seguidores (entre os quais muitos “intelectuais independentes”) e anunciou, modesta e solenemente:

– Companheiros, depois de profundas reflexões, descobri uma verdade oculta por milênios;

– Na verdade, 2+2 = 5, ao contrário do que “eles”, os que discordam de nós, vem apregoando desde sempre.

– Oh, que maravilha, responderam em uníssono os ouvintes.

– Uma nova perspectiva se abre para a matemática, que vai revolucionar o ensino e a cultura globais. Nunca antes na história do universo, houve descoberta dessa magnitude, disse um dos intelectuais do grupo.

– “Chupem” discordantes, gritaram os mais exaltados….

Posteriormente, já no tempo presente, O GRANDE LÍDER volta ao mesmo grupo e, modestamente, proclama:

– Companheiros, soube que “eles”, os que discordam de nós, andam ensinando às nossas crianças que 2+2 =5. Isto é uma grande mentira, descobri que, na verdade, 2+2=2.

– Oh, que maravilhosa descoberta, mais uma vez o mundo se curva à intuição e genialidade do nosso GUIA, respondem em uníssono os ouvintes.

– Só mesmo a sabedoria do nosso LÍDER, pra redescobrir uma verdade que vem sendo oculta por adversários malvados e reacionários, que deformam o conhecimento transmitido às nossas crianças, para torná-las alienadas e afastadas das nossas lutas, diz um dos líderes do grupo. -“Chupem” discordantes, gritam os mais exaltados.

Um seguidor de boa memória, presente nas duas ocasiões, comenta com um amigo, também seguidor: Não me interprete mal, mas algo não fecha nessa história de 2+2.

O amigo logo rebate: Companheiro, você precisa estudar, a dialética nos ensina que a verdade é mutante e se subordina aos pronunciamentos do GRANDE LÍDER.

– Desconfiado, o seguidor curioso se retira, jurando aprender matemática POR CONTA PRÓPRIA, pra afinal saber quanto é 2+2.

Felizmente, isso se refere a um país muuuuuuito distante. Não corremos esse risco por aqui.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

NANI – CHARGE ONLINE

MORO E LULA, O ENCONTRO

As estratégias estavam, desde muito, já definidas. Lula não quer ser julgado. Simples assim. Ao menos, antes das próximas eleições. É réu em 5 ações penais. Acusado pelos crimes de lavagem de dinheiro (211 vezes), corrupção (17 vezes), tráfico de influência (4 vezes) e obstrução à justiça (1 vez). Um amigo alvi-rubro, ao saber que são só 5 ações, gritou cheio de orgulho Hexa é luxo!

Lula sabe que, se for condenado agora, corre o risco de ter a sentença confirmada pelo TRT da 4ª Região. Na Lava Jato isso demora, em média, 13 meses. Mas pode ser menos. E ficaria inelegível, pela Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010). Caso consiga retardar os processos, poderia ser candidato no próximo ano. Se tiver sucesso, como acredita, os processos iriam para o Supremo. Onde a chance de prescrição é bem maior. Faz o possível, para que passe o tempo ligeiro. Usa todos os recursos. E todas as chicanas.

No processo de agora, tinha direito a 16 testemunhas – 8 para cada crime pelo qual é acusado. Indicou 87. Moro poderia recusar. Mas aceitou. Não quer se diga que dificultou a defesa do ex-presidente. A expectativa dos advogados era arrastar o processo por meses. Ou anos. Deu errado. Moro já decidiu ouvir 15 delas por dia. Vai ser necessário só uma semana. Não deu certo. Fazer o que?

Lula se diz, agora, vítima de um julgamento político. Mesmo sendo acusado só por delitos de patrimônio. Desses que enchem nossas delegacias, todos os dias, com meliantes de todos os tipos. E já se lançou candidato a Presidente. Nunca se viu isso. Faltando quase 2 anos. Algo sem sintonia com o tempo eleitoral. Como se não tivesse outra opção. O que faz lembrar mestre Jobim – É pau, é pedra, é o fim de caminho.

Moro, por seu turno, sabe que a Lava Jato tem prazo para acabar. Conhece o precedente da Mani Polite (Mãos Limpas), na Itália. Em que, depois de 5 anos, ninguém mais queria saber da operação. E trabalha para que os processos estejam encerrados, todos, até o próximo ano. Uma análise isenta mostra que tem se comportado bem. Até agora. O Ministro Carlos Ayres Brito pediu a gente sua, no Supremo, para conferir o percentual de suas decisões que foram mantidas – no TRF-4, no STJ e no Supremo. Deu 94% (jornais chegaram, mais tarde, a 96%). E constatou não haver um único Juiz, no Brasil, com estatísticas de êxito sequer parecidas. Para desespero de Lula.

O depoimento dessa quarta-feira foi civilizado. Sem aumentos no tom da voz. Moro o chamou, sempre, de senhor ex-presidente. E, Lula, de dr. Moro. As perguntas, foram, todas, feitas a partir dos autos. As respostas, àquelas sugeridas por seus advogados. Não sei. Foi dona Marisa. Tudo era com dona Marisa. Nada a reclamar. Que acusados, em processo assim, têm direito de ficar em silêncio. Ou mentir.

Agora será só esperar o julgamento do dr. Moro. Se for considerado inocente, menos um processo para se preocupar. Se culpado, e a sentença for mantida pelo TRF-4, ficará inelegível. Nesse caso, adeus Lula. Teremos caras novas, no próximo ano. Sem rabos presos com a Lava Jato. Lembro Fernando Pessoa quando escreveu (“Últimas Palavras”), profeticamente, O amanhã pode ser apenas noite/ Ou pode ser uma aurora. Quem viver verá.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

LUCIO – CHARGE ONLINE

ALINE BERTO – RECIFE-PE

Há exatamente 1 ano, no dia 11 de maio de 2016, botei esta postagem aqui no JBF com uma notícia triste, sobre a repentina doença do nosso editor, meu marido Luiz Berto.

Até então eu não sabia que a situação era tão grave.

A postagem foi esta:

Olá queridos leitores fubânicos,

Aqui é a Aline esposa do editor Berto, venho informar que ele teve um pequeno problema no coração, uma arritmia. Está internado no Hospital Santa Joana, sendo medicado, está tudo sob controle. Ele está muito bem.

Então, aguardem mais tarde o retorno dessa gazeta.

Um grande abraço a todos e obrigada.

Depois, infelizmente, a coisa foi se tornando séria, grave…

Foram dois meses de agonia.

Mas, passou. E estamos aqui: eu, o Berto, João… junto com vocês contando histórias.

Somos muito agradecidos a todas as orações, votos de encorajamento, mesmo de longe, mas que foram de grande importância durante todo o processo.

Mais uma vez, obrigada a todos.

E gostaria de recordar esta outra postagem que fiz no dia 8 de junho de 2016, falando sobre a recuperação dele.

Achei muito bonita por conta de uma coisa que ele falou sobre voltar a ver o sol.

Meus queridos fubânicos

estamos caminhando para quase um mês de internação. Um bombardeio de emoções aconteceram. E como já disse aqui, estou sempre aprendendo mais um pouco com ele.

O meu amado está bem. Além das medicações, está fazendo fisioterapia, pois ainda não senta, não anda. Hoje, dois momentos foram marcantes para mim e fascinante para ele:

A rotina aqui pela manhã é bem agitada: visita de médicos, medicações, troca, banho, limpeza do quarto… E, mais um raio-x teve que ser realizado. Ao ser levado na maca para o local do exame, atravessando um corredor, cheio de janelas, ele disse “depois de tanto tempo, vou conhecer o hospital onde estou sendo tratado”. Fez a todos sorrirem. Eu fiquei à espera.

Na volta, já no quarto, aconteceu o primeiro momento. Ele olhou pra mim e disse “Eu vi o céu. A coisa mais linda. Até um raio de sol tocou no meu braço.”

E começou a chorar. E eu louca pra lhe dar um abraço e lhe encher de beijo e sem poder…

Já no almoço, eu o ajudo a comer. Pois não tem forças no braços. No segundo momento, ele conseguiu levar a colher até a boca e disse “que coisa boa comer sozinho”…

Assim, eu expresso aqui pra vocês, minha alegria de sua recuperação.

Muito feliz! Obrigada a todos.

R. Meu amor, travou tudo aqui por dentro.

Num sei o que escrever.

Só me lembrei de uma frase que meu pai dizia: “Num há mal que num traga um bem“.

O mal que me atacou me trouxe um bem enorme: redobrar o bem que sentia por você.

E me lembrei, também, que após algum tempo, quando eu já estava em casa, você me contou uma história que está bem presente na minha cabeça.

Você disse que o médico chegou numa noite em que não havia mais nada pra ser feito, e avisou que você se preparasse para o pior, pois era bem provável que eu não amanheceria com vida no dia seguinte.

Mas eu amanheci vivinho, me bulindo e doido pra viver mais!

E tem uma postagem do dia 18 de julho de 2016, já tratando da minha segunda internação, que eu vou relembrar agora. Quem quiser ver, é só clicar aqui .

A heroína que eu desconhecia, e que despontou durante o meu tempo de doença e de dependência, firmou-se definitivamente dentro do meu coração e do meu bem querer.

Você e João são minha vida.

Uma parelha que amo que só a bixiga lixa!!!!!

Beijos.

Dr. Carlos Frederico, o cardiologista do Hospital Santa Joana que não permitiu que eu fosse e me puxou de volta; voltei e matei de raiva os cabras que me rogavam praga

11 maio 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

SAFRA DE MARACUTAIA

Numa conversa de beiço de rua, dois matutos palestrando:

– Eita meu cumpade! Já tá começando a safra de maracutaia.

– Falar em maracutaia, Chico Mundé sairá pra vereador de novo?

– Acho que sai, mas não ganha. Aquilo é feito mamoeiro macho: quando muito dá, dá duas safras.

– E não é?? Agora, sai tudo feito motorista de lotação: se oferecendo sem ser chamado.

– Olhe, eu vou dizer uma coisa a vosmecê: o eleitorado desses fí duma égua, tem que ser assim feito eco, responde mais não vem.

– E apois!! Deus que me livre dessa raça!

– Olhe, política é feito relâmpago: de longe é bonito, mas de perto da é medo; e eu vou é cuidar do meu roçado, porque falar de política é mesmo que chupar pitomba: cansa os queixos, desbota os dentes, machuca a língua e não enche barriga.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

NICOLIELO – JORNAL DE BAURU (SP)

ROBERTO ZANARDI – ITÁPOLIS-SP

Prezado Berto

Quando acesso A Besta Fubana pelo celular, minha tela não consegue mostrar toda a página mostrada, e não dá pra ler, a não ser um pedaço de cada vez.

Pelo computador, sem problema.

Não tenho este problema com nenhum outro site.

É verdade que ignoro muitas coisas destas modernidades eletrônicas, mas te pergunto: você saberia me informar qual a maneira de eu resolver este problema ?

Antecipadamente, agradeço.

R. Caro leitor, também aqui no meu celular não mostra toda a página do JBF. Mas também só corta um pedaço do cabeçalho.

E aparece o principal, que são as postagens.

É só deslizar com o dedo e ir lendo, uma por uma. Também com o dedo, pode-se aumentar ou diminuir o tamanho da área que está sendo lida.

Veja esta foto que fiz agora há pouco em frente à tela do computador, segurando o meu celular:

E tem mais: além de ler as postagens pelo celular, você pode também ter acesso aos comentários.

E, mais ainda, também pode fazer comentários a partir do celular.

De qualquer maneira, fui informado pela empresa que cuida desta gazeta escrota, a Plano 4, que não estamos completamente adaptados pra ser lido em celulares. Alguns ajustes precisam ser feitos pra que tenhamos um rendimento de 100% e que nossos leitores possam nos acessar em qualquer canto sem problemas.

Só não mandei fazer ainda este serviço por conta do orçamento, um tanto alto pro nosso caixa sempre no vermelho.

Tô esperando a Odebrecht liberar uma propinazinha pra gente realizar este melhoramento…

Enquanto isto, conto com a sua paciência e com a dos demais leitores. Do Brasil e de Itápolis, um belo recanto de mundo onde o JBF tem uma excelente audiência, segundo dados do Google Analytics.

Abraços e um bom final de semana!

11 maio 2017 FULEIRAGEM

ED CARLOS – CHARGE ONLINE

11 maio 2017 A PALAVRA DO EDITOR

PARECE ATÉ QUE FOI HOJE…

Um vídeo com o saudoso Chico Anysio.

Seu personagem, o Washington, interpreta um perfeito idiota zisquerdista banânico.

O tempo passa mas a jumentice continua a mesma com os tabacudinhos da militância vermêia.

Confiram:

11 maio 2017 FULEIRAGEM

MICHELÂNGELO – CHARGE ONLINE

MAURICIO ASSUERO – RECIFE-PE

Meu caro Editodos, olha eu aqui de novo.

Ontem lendo a Folha de São Paulo, fiquei estarrecido com a transferência de culpabilidade pela aquisição do terreno do Instituto Lula para D. Marisa.

Dane-se a “Galega” que, segundo ele próprio, foi o apoio fundamental na sua vida. Os imbecis dos filhos veem um negócio desses e não saem em defesa da memória da mãe”. Deveriam aproveitar o domingo e ir ao túmulo dela dizendo “mãe, pode arder no inferno, mas vamos defender pai ou vamos todos presos”.

Eu comparo este instituto Lula ao “caberé de Nita” da minha querida Tabira. Só tinha suspeito lá, entrando com o rosto coberto para a população não identificar e não contar as esposas. Achava que o instituto era uma filial do cabaré de Nita e foi fechado porque a clientela tava dando “xexo” nas quengas. Ainda bem que fecharam, por tempo indeterminado, essa pocilga.

Agora, o que mais me choca é a alienação de alguns. Parece o caso de Jim Jones, aquele pastor da Guiana que levou ao suicídio quase mil adeptos da seita. Os caras tomavam veneno, um após o outro e faziam um pilha de mortos! De modo igual, é essa defesa irracional, com incitamento á violência feito pelo tubo de descarga do PT, Rui Falcão, em torno de Lula. Quanto mais aparece denúncia, quanto mais ele perde nas demandas judiciais, mais burros aparecem. O que eu acho é que muita gente está levando dinheiro para ficar calado (dizem que Marcos Valério aguentou os 37 anos por conta de alguns milhões em lugar incerto e não sabido) ou Lula sabe o podre de muita gente e fica naquela “se me entregar, eu entrego também”.

José Dirceu, ficou esse tempo inteiro calado, sem querer negociar e as pessoas dizendo que ele não era traidor. Ele não traiu Lula, mas traiu todo o povo brasileiro que acreditou que com eles este país entraria numa faixa de desenvolvimento econômico e social fora do comum. Todo mundo se lembra quando Dirceu, então ministro da Casa Civil, disse “este governo não rouba, não deixa roubar e combate a corrupção. Este é um compromisso histórico nosso”, por ocasião da comemoração de 18 meses do governo Lula. Tudo que é ministro do PT envolvido em falcatrua, três tesoureiros indiciados, etc.

O pior, fazem de um depoimento uma batalha. Não precisava este “apoio”, agora já que está todo mundo junto, seria bom decretar prisão preventiva dessa corja de bandidos. Economizaria dinheiro público. abs

R. Meu caro, tu falou no cabaré de Nita, na nossa querida cidade sertaneja de Tabira.

Comparastes o cabaré da operosa rapariga ao Instituto Lula.

Quero te fazer um alerta:

A Associação Nacional dos Cabarés, com sede na cidade Lapão Roliço, emitiu uma nota de protesto quando a justiça determinou o fechamento do Instituto Lula.

Isto porque uma notícia divulgada pela Sala de Guerra da Globo dizia que havia sido fechado um “cabaré que tinha o nome de Instituto Lula“.

A Associação Nacional dos Cabarés ficou indignada e disse que a comparação era uma ofensa a todas as dignas e altivas putas brasileiras, que ganham o sustento na profissão mais antiga que o mundo conhece. E ganham o pão de cada dia não com propinas da Odebrecht, mas com o suor do rosto e da bacurinha.

A presidente da associação disse que lá não tem nenhum safado da qualidade do nipo-afro-banânico Paulo Okamoto. Só putas honestas.

E afiançou que as profissionais da fudelança ganham a vida dando duro.

Ou, melhor dizendo, ganham a vida levando duro nos cabarés. É cada pajaraca do tamanho de uma mão de pilão!

Dando duro e levando duro nas priquitas e nos furicos.

Cabaré Estrela Azul, na cidade de Jacaré dos Homens, Alagoas: uma das casas que se sentiram ofendidas por serem comparadas ao Instituto Lula

11 maio 2017 FULEIRAGEM

SINFRÔNIO – DIÁRIO DO NORDESTE (CE)

11 maio 2017 JOSELITO MÜLLER

LULA PEDE PARA CUMPRIR PRISÃO DOMICILIAR NO TRIPLEX

CURITIBA – Em comovente depoimento prestado ao juiz federal Sérgio Moro no processo referente à acusação formulada pelo Ministério Público Federal segundo a qual o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seria dono de um triplex no Guarujá fruto de propina, o petista fez um inesperado apelo para a hipótese de vir a ser condenado.

Após negar ser o verdadeiro dono do imóvel, Lula pediu ao magistrado que, caso o condene, permita que cumpra prisão domiciliar no triplex.

“NÃO ESTOU DIZENDO COM ISSO QUE O TRIPLEX É MEU, MAS SE EU FOR CONDENADO, É PORQUE A JUSTIÇA CONSIDEROU QUE SOU O DONO, ENTÃO QUERO DE ANTEMÃO PEDIR PARA CUMPRIR PRISÃO DOMICILIAR NO TRIPLEX”, DECLAROU LULA.

Sérgio Moro, por sua vez, disse que não ia se pronunciar sobre o pedido neste momento, uma vez que “seria açodado decidir sobre o pedido sem julgar o processo”.

Os advogados do ex-presidente apresentaram pedido subsidiário ao final da audiência, para que seja concedido a Lula o direito de cumprir prisão domiciliar na casa de um amigo, ou na Casa Civil da Presidência da República, caso o pedido atinente ao triplex seja negado.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

PAIXÃO – GAZETA DO POVO (PR)

SOMOS TODOS FELIZES !

Comentário sobre a postagem JAYME FLORENCE, O “MEIRA”, PERNAMBUCANO, PROFESSOR DE MÚSICA BRASILEIRA

Marcos Pontes/DF:

“Caro Berto,

O JBF é o único jornal “internético” que fala de pulhas, literatura, política, Gays, Ladrões, Transgêneros(?) e também tem seu lado humorístico,

Com os melhores chargistas deste país.

Mas o que me chama atenção, é a turma da música.

Aonde você ouviria Nelson Gonçalves, Yamandu/Dominguinhos tocando a mesma música?

Que site pode conter entre seus pares um PENINHA, com suas coletâneas?

Nós somos felizes e sabemos disso.

Obrigado amigo.”

* * *

O JBF é feito a Feira de Caruaru: tem de tudo e mais alguma coisa!

11 maio 2017 FULEIRAGEM

ELVIS – AMAZONAS EM TEMPO

11 maio 2017 A PALAVRA DO EDITOR

UM MERECIDO TROFÉU

O Troféu Idiota da Semana vai para o chargista Tacho, que no dia de hoje publicou esta cretinice no Jornal NH, do Rio Grande do Sul.

Vejam:

Vocês intenderam direitinho o tolôte que ele cagou graficamente, num é?

Pois é. É isto mesmo.

Primeiro Dr. Moro condenou Lapa de Corrupto e, depois, é que foi fazer o interrogatório.

A idiotice cretinóide-tabacudal dos “pensantes” desta República Federativa de Banânia não tem limites.

Bem que já disseram que Deus impôs limites à inteligência humana, mas que não impôs limite algum para a jumentalidade.

Será que este chargista viu os vídeos com o Juiz Sérgio Moro interrogando Lapa de Bandido, civilizadamente, dentro da lei e conforme manda o figurino?

Bom, olhando pra esta charge aí de cima, é bem possível que Tacho tenho visto os vídeos mas, com cara tacho e cabeça de esgoto, não tenha entendido absolutamente nada.

É… É isto…

Deve ter sido isto mesmo.

Merece o troféu.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

CHICO CARUSO – O GLOBO

VANDERLEI ZANETTI – SÃO PAULO–SP

Meu caro Editodos,

No vídeo, anexo, os arretados Edu Lobo, pernambucano e a Joyce, carioca, cantam a bela música “Rei Morto, Rei Posto“, da década de 70, mais atualíssima, que imagino seja de autoria dos dois.

Esta música serve para enfatizar o momento que estamos vivendo, hoje, 10 de maio de 2017, com o depoimento do Lula em Curitiba.

Um abraço,

11 maio 2017 FULEIRAGEM

IOTTI – ZERO HORA (RS)

11 maio 2017 A PALAVRA DO EDITOR

PRA ALEGRAR A NOSSA QUINTA-FEIRA: UM ESPETÁCULO HILÁRIO DE BOSTOSIDADES LULAICAS!!!!

Sabe, gente, foi um “ato de força de expressão

Sabe, leitor fubânico, este sujeito foi prisidente de Banânia duas vezes.

Eleito e reeleito.

Sabe, leitor, tem gente que votou nele.

Num tô mintindo não!

É verdade mesmo, mesmo, mesmo. Tem gente que votou nele.

Pior: tem gente que diz que vai votar novamente se ele for candidato no ano que vem.

Repito: é verdade.

Existe mesmo este tipo de animal quadrúpede com título de eleitor.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

OLIVEIRA – CHARGE ONLINE

11 maio 2017 JOSELITO MÜLLER

KIM JONG UN CRITICA GOVERNO VENEZUELANO

PYONGYANG – O líder supremo da Coreia do Norte Kim Jong Un expressou preocupações na tarde de hoje sobre a conjuntura venezuelana.

Após telefonar para Nicolás Maduro e não conseguir contato, uma vez que a linha telefônica no Palácio de Miraflores está cortada por falta de pagamento, Kim declarou estar preocupado com a iniciativa do presidente venezuelano de convocar uma assembleia nacional constituinte.

“FIQUEI PREOCUPADO COM A ESTABILIDADE DEMOCRÁTICA VENEZUELANA APÓS ESSA INICIATIVA DE MADURO. AQUI NA COREIA DO NORTE EU FAÇO ESSE TIPO DE COISA AS VEZES, MANDO FUZILAR MINISTROS OU JOGO ELES PARA OS CACHORROS, MAS EU TIVE CEM POR CENTO DOS VOTOS VÁLIDOS NA ÚLTIMA ELEIÇÃO, ENTÃO TENHO RESPALDO PARA ISSO. DIFERENTE DE MADURO QUE GANHOU AS ELEIÇÕES POR UMA PEQUENA MARGEM”, DECLAROU KIM.

Ele disse também que a adoção de medidas impopulares por Maduro podem comprometer a imagem do país diante da comunidade internacional.

“ESTÁ PARECENDO UMA DITADURA, PORQUE ELE TOMA MEDIDAS IMPOPULARES, O POVO VAI PROTESTAR E ELE TEM QUE MANDAR REPRIMIR. AQUI NÓS SÓ FAZEMOS O QUE O POVO QUER, POR ISSO QUE VOCÊ NÃO VÊ NINGUÉM PROTESTANDO NAS RUAS DE PYONGYANG”, FINALIZOU O LÍDER NORTECOREANO.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

SAMUEL PARANHOS – SÃO PAULO-SP

Berto,

Estas reflexões do jornalistas Ricardo Boechat tem muito a ver com as coisas que você fala.

Esta gazeta fantástica (que não tem nada de escrota) sempre acerta no alvo!

Do jeitinho que você falou.

Minhas saudações e meus votos de que o sucesso do JBF continue sempre crescente.

R. Caro leitor, ganhei o dia!

Confesso que fiquei ancho que só a porra com as suas palavras e com esta sua comparação.

Brigadíssimo!!!

E vamos ao vídeo que você nos mandou:

11 maio 2017 FULEIRAGEM

FERNANDO – JORNAL DA CIDADE DE BAURU (SP)


O RAPAZ QUE NAMOROU UM TRAVESTI

O RAPAZ QUE NAMOROU UM TRAVESTI

Leitor, vou narrar um caso
que de fato aconteceu
com um nosso conhecido,
aliás, vizinho meu,
o qual gostou de uma jovem
que outro dia conheceu.

Como se sabe, o amor
deixa o homem meio cego,
levando ele a pisar
até em ponta de prego,
pois a paixão o emburrece
e altera seu próprio ego.

O tal a quem me refiro
era pessoa normal,
vivia tranquilamente
junto com seu pessoal,
preocupação nenhuma
perturbava seu astral.

Na verdade, era um sujeito
macho até prova em contrário
que acabou sendo motivo
de ironia e comentário
quando um dia apaixonou-se
e deu uma de otário.

Desprovido de malícia,
a ninguém nunca fez mal.
Cumpridor dos seus deveres,
sempre muito cordial,
o seu único ponto fraco
era a cachaça, afinal.

Quando ele estava “bicado”
espantava muita gente
com a mania que tinha
de se tornar eloquente,
mas engrolava as palavras
e bodejava somente.

Completara vinte anos,
estava na flor da idade.
Tinha seus sonhos de jovem,
muita força de vontade,
porém pra namorar tinha
alguma dificuldade.

Clique aqui e leia este artigo completo »

11 maio 2017 FULEIRAGEM

BENETT – GAZETA DO POVO (PR)

11 maio 2017 A PALAVRA DO EDITOR

LEVANDO O CRÉDITO ALHEIO

No último final de semana saímos pra dar um volta no xopis centis. Eu, Aline e João.

Perdi mesmo a vergonha e não saio mais de lá.

Na volta pra casa – eu dirigindo e conversando com Aline -, João interrompeu a nossa conversa apontando um cartaz na esquina de uma avenida movimentada, anunciando uma apresentação do colunista fubânico Jessier Quirino, neste próximo final de semana, aqui no Recife.

– Vejam: um outdoor de Jessier! – gritou ele.

O danado sabe mais ingrês do que eu: Outdoor

Por uma dessas coincidências da vida, assim que chegamos em casa o Jessier me ligou pra fazermos alguns fuxicos.

Conversamos, trocamos ideias e, no final, eu falei pro nosso estimado Poeta que tinha visto o cartaz anunciando sua apresentação no Teatro Rio Mar.

Assim que a conversa acabou e desliguei o telefone, o João me olhou bem sério e reclamou:

– Pai, você quer levar o meu crédito, é? Quem viu o cartaz foi eu. E não você.

Levei o carão com humildade, reconheci o erro e pedi desculpas. Me recolhi à minha humilde insignificância de pai.

E depois fiquei matutando: “Levar o crédito“… Onde danado esse minino aprendeu esta expressão?

Vôte!

O cabra tem um vocabulário da gôta serena.

E eu fico me babando todinho, feliz por ele gostar de ler e descobrir novas palavras.

Quando acaba um livro, já me pede pra comprar outro.

No momento ele está lendo “A volta do mundo em 80 dias“, de Júlio Verne. E eu viajo junto com ele, dando a volta em torno da terra, sonhando e relembrando das minhas fantasias de menino e de adolescente.

E, em falando de Jessier, aqui vai o recado que ele manda pros fubânicos do Recife:

11 maio 2017 FULEIRAGEM

NANI – CHARGE ONLINE


http://orlandosilveira1956.blogspot.com.br/
E O AMOR SAIU PELA JANELA

– Chega de mentiras, Alceu. Basta! Entendeu? Não suporto mais essa vida que levamos. Afinal, por que você se casou comigo?

– Por interesse, Matilde, é que não foi. Muito pelo contrário.

– Como assim? Não estou entendendo.

– Quer saber?

– Quero.

– Melhor deixar pra lá, Matilde.

– Não vou deixar pra lá coisa nenhuma. Quero saber, diga de uma vez.

– Matilde: você sempre foi a mais feia das meninas, a mais pobre, a mais obtusa…

Matilde esboçou um sorriso de satisfação e apostou todas suas fichas num palpite furado:

– Então, você se casou comigo por amor, não foi?

Alceu respirou fundo, resolveu mentir (amara Matilde, sim) e colocar um ponto final na história arrastada, pois de uns tempos pra cá só tinha cabeça, coração e membro para Verinha, a cunhada mais nova, dona de bunda e peitos fartos:

– Não, Matilde. Casei por pena, pena de você.

– Cretino. Só agora, depois de vinte anos e três filhos, você me diz barbaridade dessas?

– Você nunca me perguntou antes, Matilde. Não tenho culpa.

11 maio 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

JACOB FORTES – BRASÍLIA-DF

O SUSTO

A magna Segunda Turma do STF, por maioria dos seus votos, assustou o povo brasileiro ao tomar o alvitre de pôr termo ao aprisionamento de expressivas figuras do mundo criminoso, investigadas pela Operação Lava-Jato. Figuras que fazem honras à sua horda por apresentarem históricos recheados de práticas delitivas, sobremaneira na modalidade escroques de caras honestas. A medida, que banzou o País, fez expandir as inquietações dos brasileiros: já esfalfados pelo peso que lhe botam ao lombo, mas, ao mesmo tempo, esperançosos por alijar de si esse ingente fardo.

Para estear a manutenção das prisões o relator, Edson Fachin, pôs em relevo não unicamente a “envergadura lesiva dos delitos contra a administração pública”, mas a “gravidade dos crimes” e a “reiteração delituosa”. Em sentido contrário, os votos favoráveis à soltura consubstanciaram suas posições na tão estendidamente prisão preventiva. Ou seja, a mesma folha de crimes que avalizou o aprisionamento em Curitiba serviu de penhor para que a Segunda Turma procedesse à soltura. Alterou-se, por assim dizer, o alojamento: os criminosos se livraram dos calabouços; migraram para o abrigo das suas casas esplêndidas, porém permanecem sob o primado da justiça, inclusive por que o crime permanece inulto, impune, não vingado.

Afinal, banquetear-se com os santos tributos que porejam dos franzinos salários dos trabalhadores (estes não prevaricam aos deveres) é algo que precisa de castigo consentâneo; que melhor sirva não apenas de escarmento, mas também de uma boa lição para que não se perca o valor do exemplo. Mas a decisão de reconduzi-los ao seio das suas casas galhardas apresenta riscos: a prática recalcitrante do crime. Quem se habituou a delinquir contra a lei, não pára; é o vício, a pertinácia do crime. Nisto é proverbial a letra da música “Armistício”, de Adoniran Barbosa: “tem um ditado, não sei se em inglês ou português, só sei que o ditado diz: quem faz uma, faz duas, faz três… {…}”.

Animosos com as arguições pró-livramento, em prática pela Segunda Turma, outros detentos, por certo, irão demandar tratamento isonômico.

* * *

11 maio 2017 FULEIRAGEM

SPONHOLZ – JORNAL DA BESTA FUBANA

LULA PÕE A CULPA NA MORTA, MARISA LETÍCIA

11 maio 2017 FULEIRAGEM

ANTONIO LUCENA – BLOG DO NOBLAT


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa