16 junho 2017 FULEIRAGEM

DUM – CHARGE ONLINE

16 junho 2017 FULEIRAGEM

DUKE – O TEMPO (MG)

MARIANA M. AMBRÓSIO – BELO HORIZONTE-ME

Editor Luiz Berto,

A indignidade que os petistas cometeram ao agredir a jornalista Míriam Leitão dentro de um avião foi tão grande, que eles resolveram montar uma teia de mentiras na internet.

Estão usando as redes sociais pra inventar infâmias, cada uma mais horrorosa do que a outra.

Eles se programaram para distorcer os fatos e fabricar versões mentirosas sobre o que aconteceu durante o voo.

Veja esta que foi postada no Facebook por uma petista desqualificada chamada Anny Figueiredo

Mirian Leitão falta com a verdade.

Estive no voo de volta do 6º congresso do PT, com a delegação do Rio e de outros estados que iria fazer escala para outros estados. E sentei ao lado da jornalista na poltrona 15D e posso afirmar categoricamente: Ela faltou com a verdade na coluna dela do jornal.

Acredito que ela tenha criado essa “Fanfic” por falta e matéria jornalística tendo em vista que a viagem já ocorreu há mais e 10 dias. Esse voo inclusive já tinha sido alvo de matérias da Revista Fórum, há mais de uma semana. Por ter sido filmado, a todo momento pelos comissários de Bordo e Policia Federal ter constrangido Militantes do PT. Um agente inclusive estava presente em todo o momento pois viajou conosco de terno e à paisana.

Em momento nenhuma essa senhora foi xingada, ofendida e muito menos empurrada como falsamente afirma em sua coluna.

O único membro da delegação do PT que se dirigiu a jornalista foi eu. Isso ocorreu quando a uma comissária segundo ela a pedido da PF, pediu para que a jornalista sentar na frente no voo, e eu a tranquilizei falando que não seria necessário.

Me causa surpresa ela vir com essa versão agora.

Não sou adepto a teorias de conspiração, mas tudo parece estranho, ela por coincidência ter pego um voo no fim do congresso do PT com mais de 100 Petistas.

R. Pelo que li no último parágrafo do tolôte que esta descerebrada cagou no teclado do computador, Míriam Leitão escolheu o voo 6237 da Avianca de propósito, pois sabia que nele estaria embarcando um curral de mais de 100 antas petêlhas.

Ou seja, na cabeça da tabacuda denominada Anny (com dois “n” e com ipicilone), Míriam Leitão calculou que seria covardemente agredida e xingada a bordo, sem poder se defender. E calculou acertadamente.

Comprou passagem para aquele voo de propósito!!!!!

Ou seja, Míriam Leitão arquitetou maldosamente seu próprio calvário aéreo.

Cara leitora, é pra arrombar a tabaca de Xolinha o tamanho da cara-de-pau desta jumentada petralha (Atenção, Polodoro: não estou ofendendo você!)

Eles julgam que o resto do mundo é tão idiota quanto eles e que tem a caixa craniana atulhada de bosta do mesmo jeito que a deles.

Teoria de Conpirações????

Puta que pariu!

O certo deveria ser Teoria de Mentirações Idioteiras.

Uma teoria que deve ser apresentada como tese de Doutorado em Ciências da Empulhação Vermêio-Istrelada, na Universidade de São Bernardo do Campo, com patrocínio do Instituto Lula.

“Essa petralhada é phoda!!!! Eu se mijo-me todinho de tanto se rir-se-me”

16 junho 2017 FULEIRAGEM

TACHO – JORNAL NH (RS)

16 junho 2017 FULEIRAGEM

J. BOSCO – O LIBERAL (PA)

16 junho 2017 DEU NO JORNAL

O NOSSO CHEFÃO É MAIS PODEROSO QUE O CHEFÃO ITALIANO E MOTIVO DE ORGULHO PARA BANÂNIA

O ex-ministro do Planejamento e depois da Fazenda Guido Mantega, o “pós-italiano” da lista de subornados da Odebrecht, vendia informações privilegiadas ao mercado financeiro sobre operações de juros e mudanças de câmbio, segundo revelou em depoimento ao Ministério Público Federal ninguém menos que outro ex-ministro petista ilustre, Antônio Palocci, o “Italiano”, que foi ministro da Fazenda do governo Lula e ministro-chefe da Casa Civil do governo Dilma.

Tutti buona gente“, é a expressão usada pelos italianos para ironizar os bandidos que integram a máfia.

Palocci fez acordo de delação premiada com a força-tarefa da Lava Jato.

Palocci contou ainda que o esquema funcionava desde 2003, quando Mantega era Ministro do Planejamento, e continuou em 2004 quando ele assumiu a presidência do BNDES.

Mantega recebeu benesses com a vigência dos programas de desoneração de impostos na indústria automobilística.

* * *

Tudo tem sua serventia.

Até mesmo uma notícia corrupcional-petralhística de tamanha magnitude como esta pode ser pretexto pra alguma coisa que preste.

Quando li a expressão “Tutti buona gente” na notícia aí de cima, me lembrei logo do belo tema musical do filme “O Poderoso Chefão“.

O Capo di tutti capi” Marlon Brando perdeu feio para o “Cabra de todos os cabras” Lula Se Obrando.

O chefe mafioso de Banânia bateu de longe o chefe mafioso italiano.

E encheu meu peito de orgulho pátrio.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

LUSCAR – CHARGE ONLINE

DUAS DUPLAS EM CANTORIA E UM MESTRE DO IMPROVISO

Cantoria dos poetas repentistas Pedro Bandeira e Geraldo Amâncio, no IV Festival Nacional de Viola e Poesia, ocorrido na cidade de Juazeiro/CE.

* * *

Poetas repentistas Edmilson Ferreira e Antonio Lisboa glosando o mote

“O amor ao próximo deveria
ser a meta de todo ser humano”

 

* * *

Improvisos de Sebastião Dias

Das quatro e meia em diante,
sinto de Deus o poder,
um sopro espatifa as nuvens
para o dia amanhecer,
Deus enfeita o firmamento
E a vassoura do vento
Varre o céu pra o sol nascer.

* * *

Antônio, tire o canário
deste horrível sofrimento!
Ele já foi amarelo,
Mas tá ficando cinzento,
Que a frieza do presídio
Transforma a cor do detento!

* * *

Vamos parar a cantiga
que a garganta está cansada!
Já vejo nos horizontes
Os reflexos da alvorada
E a noite sentindo dores
Pra ser mãe da madrugada!

* * *

Já é hora em que o menino
na calçada come fuba,
debaixo de uma choupana
coberta de carnaúba,
dessas que a ventania
com qualquer sopro derruba!

* * *

Na Capital Bandeirante
eu vim fazer um passeio,
mas, ao deixar o Nordeste,
parti a alma no meio…
Ou vem a banda de lá,
Ou vai a banda que veio.

* * *

O pintor caprichou tanto
e a pintura está tão boa,
que até a garça pintada
no aceiro da lagoa
está tão linda e perfeita
que se espantar ela voa.

Clique aqui e leia este artigo completo »

16 junho 2017 FULEIRAGEM

RONALDO – JORNAL DO COMMERCIO (PE)

SÃO JOÃO AGARRADINHO

Para esquentar o forró junino fubânico, uma composição da dupla Delmiro Ramos e Vitor Oliveira na voz do saudoso Ary Lobo. 

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

ZOP – CHARGE ONLINE

16 junho 2017 JOSELITO MÜLLER

EM VISITA A CARACAS, LUCIANA GENRO ESQUECE QUE NÃO ESTÁ NO BRASIL

CARACAS – O presidente venezuelano Nicolás Maduro quase tem um enfarte na noite de ontem ao ouvir da brasileira Luciana Genro um inusitado pedido de eleições diretas.

Luciana, que participava da solenidade de inauguração do Ministério da Democracia Venezuelana, esqueceu que não estava no Brasil e acabou defendendo eleições diretas.

O discurso gerou mal estar entre os presentes, uma vez que Maduro prefere ver Satanás em sua frente a convocar eleições, segundo especialistas em venezuelismo.

Só após concluir o discurso Luciana se deu conta de fazer a ressalva de que defende eleições diretas somente no Brasil, “onde a democracia, diferentemente da Venezuela, está sofrendo riscos”, afirmou a filha de Tarso sob os olhares desconfiados de Maduro.

“COMO SE DIZ LÁ NA MINHA TERRA, DEPOIS DE UM CONSTRANGIMENTO DESSE ERA MELHOR PEDIR PRA CAGAR E SAIR. MAS AQUI NA VENEZUELA NEM ISSO É POSSÍVEL, POIS NÃO TEM PAPEL HIGIÊNICO”, DECLAROU UM CEARENSE QUE PASSAVA NO LOCAL NO MOMENTO.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

CAZO – COMÉRCIO DO JAHU (SP)

MAURICIO ASSUERO – RECIFE-PE

Meu caro Editodos,

vi seu apelo para um petista lhe ajudar a lascar a lenha no lombo ou no fiofó de Aécio.

Acredito que não vai aparecer ninguém, pelo seguinte: Lula, que está na sala de espera para ser condenado e que não tem influência nenhum no PT conforme ele declarou no depoimento ao juiz Sérgio Moro, que não é dono do triplex, nem do sítio de Atibaia, que não sabe quanto ganha, declarou que ninguém do PT irá se posicionar contra Aécio.

Obviamente, que se faz aqui uso do jargão que “ladrão que rouba ladrão tem cem anos de perdão”.

Ademais, duvido muito que o pessoal vá criticar a ladroagem de Aécio porque se assim fosse eles estariam reconhecendo que alguém fez mais do que eles.

Isso não é possível porque “nunca antes na história de Banânia” um partido roubou tanto em tão pouco tempo.

Abraços

16 junho 2017 FULEIRAGEM

CLAYTON – O POVO (CE)

16 junho 2017 PERCIVAL PUGGINA

GOVERNO, OPOSIÇÃO E A BALA DE PRATA

Há muitos anos, em um dos shows que periodicamente apresentava na linha do “Eu sou o espetáculo”, o comediante José Vasconcellos parodiava o ator Gary Cooper subitamente cercado de índios inamistosos. Eram dez mil índios à frente, dez mil à retaguarda, outros dez mil de cada lado. “O que farei?” perguntava, em inglês, simulando o astro hollywoodiano em diálogo consigo mesmo. “O melhor é tornar-me índio também!”, concluía.

Lembrei-me do saudoso comediante e do impasse de Gary Cooper ao ponderar nossa situação como cidadãos no quadro político em que nos emolduraram. Nunca vivi cena assim. Ela está bem expressa na imagem que me chegou pelas redes sociais solicitando marcar com “x” a instituição em que mais se poderia confiar. Apresentava, para isso, quatro alternativas: governo, parlamento, judiciário e … jogo do bicho. Impossível negar que estamos literalmente cercados!

Se buscarmos saídas pelo padrão universal, ou seja, dentro do binômio governo/oposição, salta aos olhos a ausência de alternativas. O que acontece no Brasil é inusitado! Sabe-se, agora, fora de qualquer dúvida, que havia uma organização criminosa dentro do governo e outra na oposição. Com o impeachment, uma parte da que estava no governo juntou-se aos quadrilheiros à espreita nas cavernas da oposição e formou o novo governo. Havia gente boa no anterior? Sim, claro; pouca, mas havia. Há gente boa no novo governo? Sim, claro, pouca, mais há. O problema é que os interesses se polarizam em torno da disputa pelo poder, fazendo com que deixe de existir uma alternativa política respeitável, na qual a nação possa confiar.

Com a cisão da organização criminosa que governava o país foi como se uma cápsula de guerra bacteriológica se rompesse. A peste se alastrou. E o fez com intensidade, atingindo os tribunais superiores, que confundem dignidade com indignação ante qualquer dedo virado para seu lado. Não, cavalheiros, arrogância nunca foi sinônimo de virtude e não é o pedestal que faz o santo.

No curto prazo, nosso rumo está traçado pelo GPS da Constituição. Seremos governados por uma quadrilha, pelo menos até 31 de dezembro de 2018. A situação também não se altera mudando-se a Constituição, como quer o PT com suas joint ventures para eleger Lula. Oportuna e felizmente, logo ali, em outubro do ano que vem, ou seja, dentro de 16 meses, o poder volta às mãos do povo viabilizando a higiênica faxina eleitoral que poderá encurtar, para muitos, a distância entre a Praça dos Três Poderes e a porta da cadeia. E saneando o quadriênio vindouro. No presidencialismo, dia de eleição é a bala de prata quadrienal. Errou, se ferrou.

Enquanto não forem melhorados, assim são os passos da democracia e do Estado de Direito dos quais este colunista não arreda pé. Quem quiser alternativa diferente vá beber noutra caneca.

Somos como Gary Cooper parodiado por José Vasconcellos. Estamos entre dois bandos que se enfrentam. Graças a Deus não precisamos aderir a um deles. Aliás, se me recuso a apontar qualquer um como merecedor de adesão, não hesito em identificar o pior. Muito resumidamente, porque a lista seria imensa, refiro-me ao bando formado por aqueles que:

• apreciam, reverenciam e apoiam financeiramente os regimes cubano e venezuelano;

• sonham com um “marco regulatório” da imprensa, com um “marco civil” da Internet e com um Conselho Federal de Jornalismo para cercear quem os incomode;

• promovem a luta de classes, conflitos raciais, conflitos de gênero, invasões de terra, violência sindical;

• são contra privatizações e responsabilidade fiscal;

• se puderem, criarão os sonhados “Conselhos populares” (sovietes) para esterilizar a representação parlamentar;

• dão refúgio a terroristas, fundaram e comandam o Foro de São Paulo;

• apoiam quaisquer políticos ou filósofos adversários da cultura e da civilização ocidental;

• chamam bandidos de “heróis do povo brasileiro”, dão nomes de ruas e constroem memoriais a líderes comunistas;

• têm fobia a órgãos de segurança pública;

• dedicam preferencial atenção aos direitos humanos dos bandidos;

• promovem a ideologização da educação e defendem o direito de fazê-lo;

• são contra a redução da maioridade penal e a favor do desarmamento;

• apoiam a agenda de gênero nas escolas, criaram o kit gay, defendem a liberação do aborto, financiam a marcha da maconha;

• criaram, compreendem e utilizam movimentos sociais como milícias a serviço de suas causas políticas.

Cadeia para todos os corruptos, independentemente das letrinhas partidárias em que estejam acantonados! Toda a atenção para o esclarecimento dos eleitores com vistas ao pleito do ano que vem! Todo empenho por uma reforma institucional com parlamentarismo, voto distrital e cláusula de barreira! O poder não pode voltar às piores mãos! Estamos cercados, mas lutando o bom combate!

16 junho 2017 FULEIRAGEM

MÁRIO – TRIBUNA DE MINAS

JUNTO E MISTURADO

Demônios da Garoa

* * * 

01 – Seleção “Recordando o passado” – (V.A.) – João Bandeira e Zé Cantor – 2001

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


02 – Seleção “Beatles” – (V.A.) – Stars On 45 – 1981

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


03 – Seleção “Sertanejas” – (V.A.) – Grupo Terra Molhada – 1987

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


04 – Seleção “Noel Rosa” – Os Demônios da Garoa – 2012

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


05 – Seleção “Rock `n´ Roll” – (V.A.) – Long Tall Ernie & The Shakers – 1981

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


06 – Seleção “Samba Bom Nunca Morre” -(V.A.) – Conjunto Samba Bom – 1985

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


07 – Seleção “Pagodes de Viola” – (V.A.) – Cézar e Paulinho – 1999

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

IOTTI – ZERO HORA (RS)

16 junho 2017 DEU NO JORNAL

A MÍDIA GOLPISTA ATACA MAIS UMA VEZ

* * *

Como esta matéria é destaque da revista Veja deste final de semana, é claro que isto não pode ser verdadeiro.

E por que?

Porque segundo Lula, a Veja é uma “revestinha mentirosa” que persegue descaradamente os homens públicos honestos e os presidentes que trabalham pelo povo.

Minha querida amiga Cabeça-de-Fossa, Tesoureira do Diretório Municipal do PT em Palmares, me telefonou hoje cedo pra desmentir esta matéria difamatória e canalha.

Segundo ela, trata-se de uma publicação reacionária e líder da grande mídia golpista.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

FRED – CHARGE ONLINE

LOURINHO

Padre Honório gostava muito de animais. Dizia sempre que eles, quando bem tratados, eram mais dóceis do que os humanos. Só atacavam para se defender. Para ele, era difícil aturar pessoas inconvenientes, ignorantes e tagarelas.

O sacristão da Igreja, da qual era o vigário, tinha sido dispensado por contrariar suas ordens, ter o raciocínio lento e ser desorganizado. O Padre estava cansado de gente burra.

De uns tempos para cá, muito ranzinza, levou a capricho e permaneceu sem sacristão. Preparava o altar, as galhetas com água e vinho para serem misturados e consagrados em Sangue de Cristo, organizava a Missa e selecionava hinos e orações. Vestia os paramentos sozinho e aguardava, no altar, a chegada dos fiéis.

Padre Honório morava com os pais e uma empregada doméstica, o que era comum em paróquias do interior nordestino. Sua residência ficava ao lado da Igreja, havendo entre elas uma porta de comunicação.

Há quinze anos, Dona Gabi, sua mãe, recebera de presente um papagaio, ainda empenando. Lourinho, era a alegria da casa. Interagia com o vigário, cantava os benditos que ouvia nas missas e nos terços de maio, e não deixava de atender quando alguém conhecido lhe pedia: “Dá cá o pé, meu louro.”

No mês de maio, depois do Terço noturno, o padre e os fiéis cantavam a belíssima Ladainha de Nossa Senhora, em Latim. Enquanto todos cantavam, o padre distinguia, um pouco distante, uma vozinha afinada e aguda, que acompanhava o coro: “O-O-RA PRO NOBIS!” Padre Honório descobriu que a voz tímida que ele ouvia era a de Lourinho.

Anos depois, o Padre Honório faleceu e, muito triste, na mesma semana Lourinho fugiu.

Passados cinco meses da morte do Padre Honório, um grupo de caçadores ouviu, dentro da mata, uma cantoria religiosa, que parecia vir de algum mosteiro. Os homens adentraram à mata, à procura do suposto mosteiro, mas nada encontraram. De repente, um bando de papagaios pousou numa grande árvore, diante dos caçadores. Todos entoavam, compassadamente, e com voz afinada, a Ladainha de Nossa Senhora:“Sancta Maria, oora pro noooobis/ Sancta Dei Genitrix/ oora pro noobis/ Sancta Virgo Virginum, oooraa pro noobis. Mater Christi, oora pro noooobis/ Mater divinae gratiae, oora pro noobis/ Mater purissima, oooraa pro noobis……………………………..”

Zé Bento, um dos caçadores que frequentava a Igreja e tinha amizade com o vigário, reconheceu Lourinho, puxando a cantoria, e se emocionou. Sabia do carinho que o finado Padre Honório tinha por ele.

Para tirar a dúvida, o caçador perguntou:

– Lourinho, cadê Padre Honório?

E Lourinho respondeu:

– “Padre Honório “tá” dormindo…….Padre Honório “tá” dormindo”…”

E os papagaios, cantando a Ladainha, voaram em bando e desapareceram dali.

Lourinho havia ensinado aos “companheiros” a cantar a Ladainha de Nossa Senhora.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

CLÁUDIO – AGORA SÃO PAULO

16 junho 2017 DEU NO JORNAL

CASA DA SOGRA

Na rápida visita que fez na noite desta quarta-feira (14) a São Paulo, o presidente Michel Temer recebeu em seu escritório o chefe de gabinete da Presidência da República em São Paulo, Arlon Vianna, que também é tesoureiro do PMDB de São Paulo.

Em 2014, Michel Temer escalou Vianna para serviços particulares: selecionar os profissionais para trabalhar em uma reforma na casa de Norma Tedesco, sogra de Michel Temer.

À época, Arlon Vianna era assessor da Vice-presidência.

Arlon foi o responsável pela indicação de profissionais para a pintura, limpeza e reparos no imóvel alugado.

O Planalto confirmou que ele somente indicou profissionais para “pequenos reparos”.

* * *

Minha querida amiga Cabeça-de-Fossa, que é Tesoureira do Diretório Municipal do PT em Palmares, e que lidera na cidade a campanha “Fora Temer“, me disse que esta notícia não pode ser verdadeira porque foi dada pelo Jornal Nacional.

De fato, conforme pode se ver na manchete acima, aparece o logotipo do Jornal Nacional na ilustração. E esta manchete está na página G1, o portal nada confiável das Organizações Globo.

Segundo Cabeça-de-Fossa, isto é coisa fabricada na Sala de Guerra da Globo.

Pelo que o Departamento de Fuxicos do JBF apurou, o Instituto Temer vai soltar uma nota ainda hoje sobre o assunto.

Nesta nota vai ser dito que Temer jamais usou assessor da presidência ou dinheiro público para fazer reformas na Casa da Sogra. Que tudo que ele faz é dentro da lei e que suas contas foram aprovadas pela justiça eleitoral.

Na nota será afirmado que Temer – aprovado por Lula para ser vice da chapa do PT ao lado de Dilma -, ajudou a extinguir a miséria, a colocar os pobres pra viajar de avião, a erradicar a corrupção, a promover a distribuição de renda e a acabar totalmente com o desemprego.

E mais: a nota dirá que a mãe de Marcela não tem casa alguma. A pobre sogra é inquilina e paga aluguel.

O documento do Instituto Temer concluirá garantindo que ele, Temer, também não tem casa, não é dono de triplex e nem mesmo tem um sítio no interior de São Paulo.

É tudo mentira da grande mídia reacionária e golpista.

O leitor que tiver alguma dúvida sobre o teor desta nota, é só consultar o fubânico petista Ceguinho Teimoso que ele garantirá a veracidade das afirmações.

16 junho 2017 FULEIRAGEM

SID – CHARGE ONLINE

DANIELE FERRAZ – TERESINA-PI

Caro Berto,

Este desenho diz muito bem do momento que vivemos no Brasil.

Imagine a que ponto chegamos.

Estamos no fundo do poço! 

Saudações piauienses,

R. Cara leitora, eu gostaria de ajudar este garoto a fazer sua escolha.

Vou sugerir três nomes para ele analisar.

Um que já comandou o executivo (por duas vezes e que atualmente é penta réu!!!!!), um que está sendo expulso do legislativo por grossa ladroagem e outro que escandalosamente brilha no judiciário.

São três guabirus de grosso calibre pra ninguém botar defeito e que podem inspirar qualquer jovem banânico a fazer sua opção de carreira no mundo do crime organizado constitucionalmente.

Veja só:

16 junho 2017 FULEIRAGEM

GABRIEL RENNER – DIÁRIO GAÚCHO

DIA DOS NAMORADOS

Em pedaços do Muro de Berlim conservado, o desenho da foto do beijo histórico entre Brejnev (Rússia) e Honecker (Alemanha Oriental). Abaixo, este colunista e esposa imitam os dois líderes comunistas

Esse negócio de dia dos pais, dia mães, dia nos namorados, dia dos amantes e outros dias, é invenção do comércio para vender mais. As armas do capitalismo são a propaganda e a invencionice para vender o que precisa e o que não precisa. Os judeus americanos inventaram os Shoppings Centers nos Estados Unidos nos anos 50 que se tornaram as catedrais do consumo em todos os lugares do mundo. O sonho das cidades interioranas de médio porte é ter um Shopping na cidade, somente para consumir, comprar o que não precisa. E esses “dias” são para o consumo.

Apenas um desses dias me comove, como romântico incorrigível, eu amo o Dia dos Namorados, sempre compro flores para minha amada, que há 48 anos aceitou casar com um dos boêmios mais conhecido na cidade. Porém conseguimos atravessar mares bravios, estradas esburacadas, tempestades e turbulências com muita fibra, e lógico, é preciso muito amor para suportar tantos desgastes. Quase meio século de união e o coração nos faz compreender que a vida é tão pequena para tanto amor. E nesse Dia dos Namorados recebi o mais bonito presente de minha mulher, uma declaração escrita tirada de versos, de músicas que acompanharam nossas vidas. Eu quero ler e mostrar para todo mundo que apesar de todos os percalços da vida, o amor é feito mocinho de cinema americano, no fim sempre vence.

* * *

Carlito,

Se pudesse contar nossa história iria buscar nas poesias das músicas que se identificam com as diversas fases de nossas vidas. Começaria com Noite dos Mascarados:

Quem é você? Diga logo que quero saber… Sou seresteiro poeta e cantor, eu modesta parte só zombo do amor, sou colombina, eu sou pierrô, fui porta-estandarte, não sei mais dançar, eu modesta parte nasci pra sambar, …Deixa o dia raiar que hoje eu sou da maneira que você quiser, o que você pedir eu lhe dou seja você quem for seja o que Deus quiser… Desses contrastes nasceu nosso amor num dia de carnaval.

A vida segue, Chico Buarque expressava o que eu sentia algumas vezes na música: Com Açúcar com Afeto. Fiz seu doce predileto pra você parar em casa, qual o quê com seu terno mais bonito você sai nem acredito quando diz que não se atrasa. Quando a noite enfim lhe cansa você vem feito criança implorar o meu perdão, Qual o quê, logo vou esquentar seu prato, dou um beijo em seu retrato e abro meus braços (e pernas) PRA VOCÊ.

Em tempos difíceis a sensibilidade de Chico, cantava em Roda Viva “Tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu, a gente estancou de repente ou foi o mundo então que cresceu. A gente quer ter voz ativa no nosso destino mandar mas eis que chega a Roda Viva e carrega o destino pra lá…”

Noites de amor: O meu amor tem um jeito manso que é só seu, E que me deixa louca quando me beija a boca, A minha pele toda fica arrepiada, e me beija com calma e fundo ate minh’alma se sentir beijada.

No outono de nossas vidas me emociono com Valsinha, um dia ele chegou tão diferente do seu jeito de sempre chegar… Olhou-me do jeito mais… Do que sempre costumava olhar. E foram tantos beijos loucos que a vizinhança toda despertou…

E a bela letra de LIKE A BRIDGE OVER TROUBLED WATERS, de dois americanos: Simon e Garfield, (COMO A PONTE SOBRE ÁGUAS REVOLTAS) que diz mais ou menos assim: sempre estarei do seu lado como uma ponte sobre águas revoltas, quando você se sentir sozinho, os amigos não forem encontrados, quando lágrimas correrem de seus olhos, eu estarei do seu lado como a ponte sobre águas revoltas… Te amo.

Vânia

Maceió, 12 de junho de 2017

16 junho 2017 FULEIRAGEM

PATER – A TRIBUNA (ES)


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa