KATICA ILLÉNY

A húngara Katica Illény executa, de Ennio Morricone, “Once Upon a Time in the West” em um “teremim”, instrumento musical controlado sem qualquer contato físico pelo músico, juntamente com a Gyor Philharmonic Orchestra, conduzida pelo maestro húngaro István Silló.

2 comentários

  1. O diretor de cinema SERGIO LEONE foi o Papa do western conhecido como spaghetti italiano. Em 1967, após o estrondoso sucesso de bilheteria de sua ‘TRILOGIA DOS DÓLARES’ que tinha à frente Clint Eastwood, Leone entendeu que era o momento de mostrar ao mundo com ERA UMA VEZ NO OESTE (Once Upon a Time in the West) que seu nome decididamente merecia figurar nos anais da cinematografia do gênero como um dos maiores diretores de filmes de bang bang, cowboy ou faroeste. Para se ter ideia da performance desse excelente filme, pois tinha em seu elenco nada mais nada menos que, o brutamonte Charles Bronson, o negão Woody Strode, o perfeccionista Henry Fonda(pai de Jane Fonda) e a divina e maravilhosa Claudia Cardinale.

    P.S.: – A respeito dessa obra prima, ERA UMA VEZ NO OESTE (Once Upon a Time in the West), o cinéfilo paulista Darci costuma dizer o seguinte e da qual eu concordo plenamente e assino em baixo: “Reconhecido tanto por sua criatividade quanto por seus excessos, Leone não dosou seu estilo e concebeu uma grande ópera-western, a suprema teatralização do gênero que mais justo seria ser creditada como um filme de Sergio Leone e Ennio Morricone”. QUER DIZER, o filme Era Uma Vez no Oeste pertence aos dois: Tanto ao maestro MORRICONE quanto ao diretor LEONE. Na verdade, de tão excepcional, este monumental e compassado western é um espetáculo que bem poderia ser encenado no Scala de Milão ou no Metropolitan Opera de Nova York e quem sabe. no histórico Theatro Santa Isabel do Recife…

    • d.matt em 17 de Maio de 2018 às 13:07
    • Responder

    Altamir, você disse tudo o que tinha de melhor para dizer sobre este grande e espetacular Western. Acho até que John Ford , se vivo fosse, teria inveja de Sergio Leone por ter realizado esta magnifica obra prima, em nada inferior aos melhores de \Fort, como ex. The Searchers, o maior épico de Ford. Peço licença para mandar
    Uma palavra para o seu expert amigo Darci. Ele disse uma coisa fundamental sobre o filme ERA UMA VEZ NO OESTE. Sim , é uma grande ópera western. Portanto o filme pertence tanto ao Sergio Leone como ao Maestro Ennio Morricone, é uma analogia, como se o filme fossem os versos e a musica o essencial, um depende intrinsecamente do outro e jun tos formam uma grande obra prima, UN CAPO LAVORO ..
    Parabens Darci, você entendeu perfeitamente o que os dois fizeram ( talvez tudo tenha sido planejado antecipadamenre para que assim fosse ).
    Só não entendo o porque , dessa trilha não ter dado o OSCAR DE MELHOR TRILHA AO
    JÁ CONSAGRADO, NA ÉPOCA ENNIO MORRICO0NE.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.