21 maio 2018O GOSTO DO GOSTOSÃO



A mãe da neguinha tem o cabelo pixaim e ela mesma, a neguinha, era militonta, zisquerdoidinha, puliticamente correta, envolvida com os chamados “movimentos sociais” e, enfim, era uma idiota muderninha como tantas outras tabacudas que existe no mundo.

Mas não resistiu à pica do príncipe e, sobretudo, às mordomias da realeza.

E teve a glória que queria: foi notícia em todo o planeta Terra e vai viver o resto da vida nadando na mordomia.

Nunca mais ele vai saber o que é um boleto a pagar!!!

De minha parte, eu acho que este neto de Elizabeth, garanhão e fuderoso, poderia ter arranjado coisa melhor.

Pelo menos uma que tivesse uns peitinhos mais volumosos e atraentes.

Quanto às coxas e às canelas, num é bom nem falar…

Vôte!

7 Comentários

  1. Aproveitando a batalha campal ora em curso nesse jornal, vou atacá-lo para não dizerem que sou muito pacífico
    O que tem o tipo racial a ver com casamento. A pessoa deve casar com quem quiser ou amar, não importando a idade (pode ser um sujeito bem mais velho ,ou bem mais novo), o tipo racial ( branco ,preto ,amarelo azul com bolinha cor de rosa na bunda ,etc…,), profissão (médico , engenheiro , artista ,militar, cozinheiro , político, ( honesto, ladrão , advogado etc….) ou religião. Como atriz acredito que se pagou algum boleto ,isto faz tempo e muito. O neto de Isabel ll poderia ter casado com o que melhor? , talvez uma piranha loira ou morena?. Não faltou mulher para o garanhão escolher . Até o garanhão das cercanias de Garanhuns pode escolher uma galega. Porque o netinho não poderia? Vovó não reclamou ………! E para que peitinhos volumosos , ele queria uma mulher , não outra coisa. E as coxas e canelas, tem gosto para tudo exemplo: tinha um advogado no pt que gostava de coxa, mas tem colunista aqui que prefere cravo, falta só o lula cravar nele. Lógico que tudo é piada.

  2. O que mais me chamou a atenção é ver tanta gente perder tempo com uns vagabundos parasitas mantidos a pão-de-ló por um povinho abestado! Isso prova que não é só o Brasil a manter parasitas com o dinheiro dos trouxas…

  3. Berto, “peitinhos” é tudo uma questão de gosto. Hoje, como já estou pra lá da curva dos arcos, prefiro desse tamanhinho mesmo, pois cabe dentro da mão na hora de apalpar, acariciar e fazer mai alguma coisa. Além disso, peito grande amolece rapidim!

  4. Luiz Berto: se formos olhar para a nossa realidade de hoje, acho que ele escolheu bem. Pior seria casar com alguns “monstros” que pontuam hoje no PT, isso sem esquecer que, por livre e espontânea escolha, ainda tem outros que preferem “casar com um macho (ops!), só prumode ser enrabado”, né não? Você já percebeu amigo de Palmares, ganhador predileto da roleta do Cu-Trancado, que hoje, “hétero” é minoria no Brasil? Ô terrinha pra ter baitolas, siô! Cruz incredo! Cuma diz a outra: “zulive”!

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa