Caro editor fubânico Luiz Berto,

quero saber qual é a sua opinião sobre o pedido de demissão do Pedro Parente da direção da Petrobras.

Como leitor fiel e viciado, gostaria de tomar conhecimento do seu pensamento sobre o assunto.

Desculpe a impertinência.

Abraços.

R. Caro leitor, é muito fácil tomar conhecimento da realidade e da verdade dos fatos neste nosso país e firmar uma posição coerente sobre os mesmos.

Sobre qualquer tema.

Desde azeitamento do eixo do sol e batimento de punheta, passando por escovação de pica de burro e pedidos de demissão, até chegar em encangamento de grilos e atracação de navios.

Qualquer assunto mesmo.

É muito simples: basta você procurar saber o que pensam os debilóides zisquerdistas banânicos sobre o tema.

Só isto. Apenas isto. Nada mais que isto.

Se eles pensam uma coisa, pode ter certeza que o caminho certo é outro bem diferente.

Simples assim.

De modo que, pra saber se foi bom ou ruim, se foi ótimo ou péssimo negócio pra Banânia o pedido de demissão do Dr. Parente, é só procurar se informar sobre o que acham do assuntos os descerebrados vermêios.

Se tiver paciência e coragem, veja apenas duas coisas:

– um vídeo gravado pelo deputado cumunista do PC do B Orlando Silva, que foi ministro dos dois desastres: Lula e Dilma (argh!) e

– um nota cagatória fedentinosa assinada pela Comissão Executiva Nacional do PT, aquele covil que é de propriedade do presidiário Lula.

Pra ver o vídeo de Orlando, clique aqui.

Já pra ler o tsunâmi de bosta derramado pela direção do bando que usa a sigla partidária PT,  clique aqui

Nos dois casos, sobretudo no segundo, a nota da quadrilha, tenha por perto um pinico: a ânsia de vômito vai ser grande.

Acredite.

O fato é que Parente pediu demissão.

Já o ex-presidente nomeado para a Petrobras pelo PT, o Ademir Bendine (que também presidiu o Banco do Brasil), não pediu demissão: ele pediu mesmo foi pra não ser algemado quando a polícia chegou à sua porta pra prendê-lo por grossa corrupção e fantástica roubalheira.

Pra encerrar, aqui vai uma última sugestão:

Veja uma matéria sobre o pedido de demissão de Parente que saiu na “grande mídia golpista” ontem.

Os números apresentados na reportagem, bem como o perfil do demissionário, são bem interessantes.

Clique aqui e confira o que acabei de dizer.

3 Comentários

  1. P Parente cometeu erros. Foi técnico demais e exagerou na dose do remédio .

    Nada tira os seus méritos, pois saiu por conta própria; coisa que nenhum petista jamais fez.

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa