7 junho 2018 CHARGES

PATER

O MATUTO E O CORONÉ

7 junho 2018 CHARGES

SPONHOLZ

7 junho 2018 A PALAVRA DO EDITOR

TEM NOTÍCIAS FALSAS E TEM NOTÍCIAS VERDADEIRAS

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) pediu diretamente ao empresário Marcelo Odebrecht, ex-presidente e herdeiro do grupo que leva seu sobrenome, doações a candidatos do PSDB nas eleições de 2010.

Mensagens localizadas pela Polícia Federal na caixa de e-mail de Odebrecht e anexadas nesta terça-feira (5), a um dos processos da Operação Lava Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva mostram que FHC solicitou ao empreiteiro que “ajudasse” as campanhas de candidatos ao Senado naquele ano por Mato Grosso e Pará.

* * *

Se o assunto é Odebrecht, tinha mesmo que ter o nome de Lula no meio…

FHC não podia estar sozinha no embolsamento pixulecal.

Segundo Ceguinho Teimoso, esta notícia publicada na revista Veja, expoente da mídia reacionária e golpista, é verdadeira.

Já as outras notícias envolvendo Lula com a Odebrecht são todas falsas.

7 junho 2018 CHARGES

DUKE

7 junho 2018 CHARGES

AMARILDO

7 junho 2018 AUGUSTO NUNES

NASCIDOS UM PARA O OUTRO

Testemunha de defesa de Sérgio Cabral, Lula jura no tribunal que ele e o amigo gatuno são duas ilhas de honestidade cercadas de corruptos por todos os lados

“Meu compromisso aqui é com a verdade, porque eu não acredito que hoje no Brasil tem um brasileiro que anda em busca da verdade mais do que eu”.

Lula, em depoimento ao juiz Marcelo Bretas como testemunha de defesa de Sérgio Cabral, garantindo que o ex-governador fluminense é tão honesto quanto ele.

7 junho 2018 CHARGES

VERONEZI

7 junho 2018 A PALAVRA DO EDITOR

PALMARES SEMPRE NA VANGUARDA DO MUNDO

Comentário sobre a postagem A SÍNDROME DE JERUSALÉM

Wagner de Oliveira Lopes:

“É facim, facim de resolver a síndrome de Jerusalém ou de qualquer outro lugar:

É só tomar um passe com Dona Gina, a maior catimbozeira de Palmares, e está tudo resolvido. “

* * *

7 junho 2018 CHARGES

YKENGA

JOSÉ DOMINGOS BRITO – SÃO PAULO-SP

Caro Editor

Ouvi na Radio Jovem Pan, aqui em São Paulo, no programa do nosso colega colunista Augusto Nunes, que a candidata Manuela D’Ávila, PC do B, iria apoiar o candidato Guilherme Boulos, do PSOL.

Ela está com 0% nas pesquisas de intenções de voto.

Somado ao 0% que ele detém, quanto daria?

Isso é que é 0 à esquerda, né não?

Abraços.

R. Gostei: zero à esquerda.

Zero pras esquerdas.

As esquerdas banânicas são um zero que vive boiando na merda.

Veja só, meu caro colunista fubânico: 

Em pesquisa do DataPoder360, realizada no final de maio e devidamente registrada no TSE, não aparece esta moça com o nome de….

Como é que é mesmo o nome dela?

Deixa eu ver…. Ah, sim: Manuela.

Pois não aparece o nome desta moça.

Nem também o nome do terrorista urbano Guilherme Boulos.

De fato, são dois zeros zisquerdóides invisíveis.

Confira clicando aqui.

7 junho 2018 CHARGES

BRUNO AZIZ

7 junho 2018 JOSIAS DE SOUZA

PT COLETA DINHEIRO PARA LULA COMO SE A CANDIDATURA DO PRESO FOSSE GARANTIDA

O PT inaugurou nesta quarta-feira um site para recolher doações financeiras destinadas ao custeio da pré-campanha de Lula à Presidência da República. Os valores variam de R$ 10 a R$ 1.064. No texto de apresentação, não há referências à precariedade jurídica da candidatura de Lula. Ao contrário, o projeto eleitoral do PT é tratado como um empreendimento político sólido e inquestionável.

“Lula é preso político, mas seus direitos estão garantidos”, diz o texto do PT, sem mencionar que a condenação do grande líder em segunda instância fez dele um ficha-suja inelegível. “No dia 15 de agosto ele será registrado como candidato à Presidência da República”, anota o site da “vaguinha”, abstendo-se de alertar para o risco de um provável indeferimento do pedido de registro na Justiça Eleitoral.

A coleta de verbas via internet foi incluída na reforma eleitoral que o Congresso aprovou no ano passado. Até 15 de agosto, o dinheiro amealhado destina-se ao custeio da pré-campanha. A partir desse dia, quando os partidos terão de requerer o registro de seus candidatos no TSE, a coleta passa a bancar um candidato oficial.

A lei prevê a devolução do dinheiro nos casos em que o candidatura não for confirmada. Considerando-se que Lula está preso e que oito em cada sete ministros do TSE afirmam que é grande, muito grande, enorme a chance de sua pretensão ser barrada pela Lei da Ficha Limpa, a “vaquinha” do PT beira o estelionato político. Até as 15h40 desta quarta, o partido já havia coletado R$ 21.100,69.

7 junho 2018 CHARGES

PELICANO

7 junho 2018 A PALAVRA DO EDITOR

A QUADRILHA EM ESTADO DE PÚBLICA MISÉRIA

Com os corruptores ativos todos presos, o partido de propriedade do corrupto passivo Lula tá passando por necessidade e precisando urgentemente de umas generosas esmolas.

E pra quê???

Pra fazer a campanha do prisioneiro, cujo lançamento será amanhã, sexta-feira.

Num tô inventando não, gente.

É isto mesmo que vocês leram: lançamento da candidatura de um preso que cumpre pena por ter praticado e estimulado grossa corrupção quando exercia a presidência do país.

Só em Banânia mesmo!!!!

Perguntem pro estimado colunista fubânico Goiano que ele fará todo o embasamento jurídico, legal, constitucional deste impressionante acontecimento que será o lançamento da candidatura de Lula à presidência da nossa singular república.

A página de arrecadação de doações pra campanha de Lapa de Corrupto está no ar!

Em estado terminal de putrefação, padecendo de um magnífico processo de desmoralização e encolhimento, a maior organização criminosa de Banânia apela para a generosidade dos restantes idiotas e descerebrados que ainda acreditam na inocência do Larápio-Mor.

Lula escalou a gerente do estabelecimento criminoso de sua propriedade para vir a público mendigar uma caridade.

Até o momento em que edito esta postagem, 801 babacas já haviam feito doações que totalizavam R$ 75.956,49. (O Globo informou agora há pouco que foram 58 mil…)

Doações que podem ser feitas em Boleto, Crédito ou Débito, conforme consta na página-peditória do bando. Confira clicando aqui.

O total que o bando arrecadou até agora é um montante de dinheiro capaz de fazer cair na gargalhada a Odebrecht e a OAS, duas das corruptoras ativas que atualmente estão impedidas de fazer suas generosas contribuições para a quadrilha vermêio-istrelada.

Preste atenção no apelo da ré cognominada Amante que está no vídeo abaixo e faça a sua piedosa doação.

E não se esqueça: depois de doar ao PT, faça também uma doação ao JBF.

Merda por merda, esta gazeta escrota fede bem menos…

* * *

Notícia fresquinha publicada no Globo hoje de manhã:

João Amoêdo, pré-candidato ao Planalto pelo Novo, arrecadou até aqui R$ 200 mil para a sua campanha na vaquinha virtual.

Lula arrecadou R$ 75 mil.

Álvaro Dias (Podemos) conseguiu R$ 11 mil.

E Guilherme Boulos (PSOL) arrecadou pouco mais de R$ 1 mil.

7 junho 2018 CHARGES

IOTTI

MILÍCIAS

(Lisboa). A presença das milícias, no Rio, vem de muito tempo. Lembro cliente que teve furtado um Santana Quantum, no início dos anos 1980. A 24ª DP de Belfort Roxo localizou o carro. E o próprio delegado ligou, pedindo para providenciar logo sua remoção. Que, ficasse na delegacia uma noite, e o lugar amanheceria limpo. Ocorre que o motorista do cliente só poderia ir lá na manhã seguinte. Liguei para o Secretário de Justiça, Vivaldo Barbosa. Pouco depois, retornou. “Mandei pôr na vaga do próprio delegado. Fique tranquilo que, amanhã, o carro lá estará”. Estava. Mas sem os quatro pneus! Sem o motor!! Na vaga do Delegado!!! E o carro dentro da delegacia!!!!, como é que pode? O poder das milícias era mesmo devastador. Ainda é. Cada vez maior.

A memória segue. Quando estávamos no Ministério da Justiça (1985/6), decidimos fazer uma experiência. A de juntar, em um mesmo espaço, todos os serviços de cidadania – carteira de identidade, de trabalho e de motorista, título de eleitor, por aí (deu tão certo que, depois, até os estados copiaram). Escolhemos, como local de teste, um morro do Rio. Pedi para comprar terreno e fazer projeto de arquitetura. Problema é que as milícias decretaram, no tal morro, que tudo era deles. Teriam que autorizar a construção. Não a Prefeitura. Eles. Sugeri negociar. Perguntaram só se havia polícia no meio. Dissemos que não. E o terreno nos foi doado.

Outro exemplo. Com o Conselho de Comunicação Social, do Congresso Nacional – que é tentativa de criar, por aqui, uma Federal Communication Commission. Estávamos estudando as televisões por assinaturas, no início dos anos 1990. O preço era então alto, para o consumidor médio. Sugerimos fosse reduzido. As empresas disseram que dependia do fim da evasão. Que usuários demais não pagavam. Só nos morros do Rio, a estimativa é que houvesse um milhão de gatonets (gato na internet, mais um neologismo que ficou). Controlado pelas milícias. Junto com distribuição de água mineral e gás. E com polícia dentro, claro. Não dá para fazer isso sem a polícia, que tem o dever de fiscalizar e prender os responsáveis. Hoje, até shopping de etiquetas falsas exploram na Presidente Vargas. E escritórios para venda de drogas, em cada imóvel ocupado por sem tetos (O Globo).

A notícia de milícias envolvidas no assassinato de Marielle e Anderson, por tudo, não causa nenhuma surpresa. Elas já fazem parte da geografia do Rio. São tentaculares. Não se sabia é que tivessem exportado seu modo de operação por outros estados. Como Pernambuco. E São Paulo. Agora, nos vem a notícia de que o Movimento Moradia para Todos (MMPT) atuava como uma milícia. Cobrando aluguéis dos sem tetos. A coordenadora do Movimento, “Ednalva Franco, era filiada ao PT-SP desde 1990 e atuava como ativista sem-teto” (Folha SP). Trata-se da mesma que pouco antes, num episódio do Profissão Repórter, foi vista dirigindo um SUV novinho em folha. Moradores do Edifício Nilton Paes de Almeida, que desabou pelo fogo, relataram que pagavam entre 200 e 600 reais para ter direito a lá ficar. E se queixaram da truculência da milícia com os devedores, expulsos dos seus espaços em plena madrugada.

É como se houvesse dois países, em convivência instável. Um por dentro do outro. O Brasil Oficial, que é o nosso. E o Informal, onde não existem casamentos, nem separações, inventários, em alguns casos nem mesmo direito de propriedade. E onde o Código Civil não vigora. É neste último espaço que as milícias reinam, soberanas. Recordo mestre Câmara Cascudo (Presença): “O Brasil não tem problemas, tem apenas soluções adiadas”. Até quando? Quanto mais longe irão?, até que se decida fazer algo.

7 junho 2018 CHARGES

DUKE

7 junho 2018 DEU NO JORNAL

UM GOVERNO MAJORITARIAMENTE BUCETÍFERO

O novo presidente do governo da Espanha, Pedro Sánchez, apresentou nesta quarta-feira os nomes que irão compor seu Gabinete, com uma ampla maioria feminina ocupando cargos da linha de frente do time pela primeira vez na História do país.

Dos 17 ministros, 11 são mulheres.

Com isso, a Espanha torna-se também o país com mais mulheres no primeiro escalão do governo no mundo.

* * *

Cabra arretado, este novo presidente espanhol.

Mais de uma dezena de priquitas no primeiro escalão governamental é coisa pra fuder!!!!

Uma maioria largamente bucetífera.

É bicho-de-saia que só a porra mandando naquele país.

Meus mais calorosos parabéns para o femeeiro Pedro Sánchez!!!

Palmas que ele merece:

7 junho 2018 CHARGES

BRUM

QUASE HISTÓRIAS: EREÇÕES

Ananias estava a mil por hora, agitadíssimo, quase irreconhecível, tímido que sempre foi. Nunca falara tanto e sobre tantas coisas como naquela tarde fria de outono.

– Velho Marinheiro: tenho que lhe dizer algo. Não sei se viverei tanto tempo como o senhor…

– Nem queira.

– Mas, se viver, com certeza, eu não terei sua saúde, seu vigor, sua sabedoria e experiência.

– Meu caro, tenho mais dores do que você imagina. Meu vigor, perto do que tive no passado, é pinto. Quanto à minha experiência e sabedoria, palavras suas, quero lhe dizer uma coisa: trocaria ambas, sem pestanejar, pelas ereções que tinha aos trinta anos.

7 junho 2018 CHARGES

VERONEZI

A INEVITÁVEL PROPAGAÇÃO DOS ERROS REPETIDOS

Um exemplo visível e atual do emaranhado de erros que acumulamos por muito tempo é a solução encontrada para encerrar a greve dos caminhoneiros. O Governo garantiu que o preço do diesel baixará R$ 0,46 para o consumidor. Isso equivale a uma nova intervenção na formação do preço dos combustíveis. Uma medida reprovada ao longo do tempo, mas que parece ainda não foi compreendida pelos políticos, que desesperados com o caos instalado pelo bloqueio das estradas, recorrem a mesma ação. Nem tão bem aceita pela área econômica, mas adotada como uma medida emergencial diante da desordem no país.

O custo desse desconto prometido será cobrado de outros setores, que certamente irão se manifestar contra essa medida. Talvez não tenham a mesma capacidade de mobilização e consequência imediata na vida da sociedade como os caminhoneiros tiveram, mas certamente terá impacto nos negócios. Além do suposto controle de preço nos combustíveis, também está sendo tentado o controle do preço do frete. Medidas inúteis e impraticáveis.

Outra aberração repetida foi determinar que 30% dos fretes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) sejam feitos por caminhoneiros autônomos que serão contratados por meio de cooperativas, entidades sindicais ou associação. Vocês lembram da reserva de mercado para informática de 1984 (Governo Figueiredo)? Criada com objetivo de induzir o investimento do Governo e setor privado na formação e especialização de recursos humanos voltados à transferência e absorção de tecnologia em montagem microeletrônica, arquiteturas de hardware, desenvolvimento de software básico. Acabou criando um anacronismo que inviabilizou nosso desenvolvimento.

Estamos vendo a repetição dos erros do passado e podemos esperar a propagação dos problemas que essas medidas certamente provocarão na nossa frágil economia. Já era tempo de os políticos ouvirem com atenção os próprios agentes da área econômica e entenderem que as improvisações só fazem aumentar a capacidade de destruição da bomba relógio fiscal. Repetir os erros do passado esperando por resultados diferentes é muita burrice.

A esperança é uma mudança de pensamento e de atitude. Quem nos oferece isso (a muito tempo) é o futuro Ministro da Fazenda de Jair Bolsonaro, o brilhante economista Paulo Guedes. Que ele tem conhecimento bastante para mudar esse quadro de desesperança eu já sei fazem muitos anos. Porém não conhecia o alto grau de patriotismo desse cidadão. Orientar o desorientado pré-candidato talvez seja o maior desafio da vida de Guedes. E a maior demonstração de amor à Pátria. Não existe outra razão que não seja dar sua contribuição para transformar o Brasil, para ele ter o desgaste de colocar na direção certa esse míssil com ogiva nuclear que ameaça cair em qualquer lugar.

Paulo Guedes entendeu que com o potencial explosivo do Capitão será possível aniquilar o inimigo. O problema é que Bolsonaro ainda não identificou o inimigo. Será que o programador Guedes conseguirá orientar o míssil para o alvo correto?

Sei que muitos leitores do JBF são eleitores conscientes do Capitão da Artilharia. Sempre declarei meu voto PARA DEPUTADO no único representante explicito do pensamento anti-PT disponível, o Capitão. Sou um potencial eleitor útil do Capitão, diante das opções apresentadas até agora. Mas convido os senhores a assistir o debate do Prof. Marco Antônio Villa com Jair Bolsonaro antes de apertar a tecla confirma com a foto dele. É lamentável ser forçado a votar num candidato tão despreparado como o Deputado.

Link para o debate na Jovem Pan.

Confirma Bolsonaro, elege Paulo Guedes.

7 junho 2018 CHARGES

PAIXÃO


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa