DOIS VERSOS

Quem foi que mexeu contigo
Minha querida parceira?
Certamente fez besteira
E assim carece o castigo.
Ouça bem o que te digo:
Quem muito fala e não pensa
Não merece recompensa
Nem a metáfora mais pobre.
Por isso, jamais se dobre
A quem nutre desavença!

José Walter Pires

Amigo o que me aborrece
É a carência de tutano
Desdourando o ser humano
Que de burrice padece
Confesso que faço prece
Rogo a Deus em oração
Pra não perder a razão
Diante de disparate
É que a burrice me abate
Me deixa até sem tesão.

Dalinha Catunda

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.