O presidente dos EUA, Donald Trump, defendeu a Rússia das acusações de que o país interferiu nas eleições presidenciais de 2016, que levaram o americano ao seu cargo atual.

Depois de uma reunião com o presidente russo, Vladimir Putin, Trump contradisse agências de inteligência americanas e afirmou que não havia razões para a Rússia se intrometer na votação.

Os dois líderes travaram conversas a sós, acompanhados apenas por tradutores e a portas fechadas, por duas horas em Helsinki, capital da Finlândia, nesta segunda-feira.

Em uma coletiva de imprensa após a reunião, Trump foi questionado se acreditava em suas próprias agências de inteligência ou no presidente russo em relação às acusações de interferência nas eleições.

“O presidente Putin diz que a Rússia não agiu assim. Não vejo razão para acreditar no contrário”, respondeu.

As agências americanas concluíram em 2016 que a Rússia estava por trás de esforços para prejudicar a candidata democrata, Hillary Clinton, por meio de uma campanha de ciberataques e notícias falsas plantadas em redes sociais.

* * *

Trump é o Lula americano.

Cada país elege o trapalhão que merece.

A monumental cagada de Trump na Finlânida pode ser catalogada como o fato mais vergonhoso da política mundial nesta segunda década do Século XXI.

Lá nos Zistados Zunidos, o aloprado vermêio (vermêio nas bochechas…), que foi eleito com a ajuda decisiva dos russos, levou cacete de todos os lados, da situação e da oposição, de amigos e de inimigos.

Nenhum presidente norte-americano se rebaixou tanto diante de um tirano“, acusou o influente senador John McCain. Um dos piores momentos da história da presidência norte-americana. Foi um erro trágico“, acrescentou.

E esta foi apenas uma das observações mais leves. Falou-se até em impeachment do aloprado Trump no Congresso americano.

Donald Abestalhado Trump, quando se conscientizou da merda que fez – fato inédito no seu tempo de presidência -, tentou voltar atrás e se justificar.

Mas a emenda foi pior que o soneto.

Aí foi que a fedentina aumentou.

A capa de ontem, terça-feira, do influente jornal Daily News, resumiu tudo com uma manchete:

TRAIÇÃO ESCANCARADA

A charge – que mostra Trump se aliando a Putin pra assassinar os Zistados Zunidos -, e mais as duas chamadas no final, completam o retrato sem retoques:

2 Comentários

  1. Quem manda ler estes jornaizinhos, só falam besteira igual a globobo. Veja a estratégia do Trump, consegiu que os russos combantam os terroristas e iranianos que estão atacando Israel e com isto vão reduzir os conflitos no oriente médio. Jogada de mestre.
    A Hilary está mais para Lula, pois é esquerdita, queria aumentar o bolsa família, cotas e auxílios par refugiados, intervir na economia.
    O Trump é de direita luta pela livre iniciativa, reduziu o IR das empresas e está colocando ordem na bagunça feita pelo Obama. Acabou até o lance dos banheiros das meninas sendo invadidos pelo meninos nas escolas, coisa que foi implantada pelo Obama.

  2. Na verdade a coisa nos EUA está mais feia do que se conta. A oposição não sabe para onde ir, porque quanto mais mexem no tal “escândalo” dos russos, mais aparece gente da Hillary envolvida.

    E a chamada “grande imprensa” já deixou claro que esta história de imparcialidade, responsabilidade e ética jornalística é besteira, o negócio deles é detonar o Trump custe o que custar, com notícia verdadeira ou falsa, tanto faz.

    Vale lembrar que o Washington Post, por exemplo, foi comprado por um bilionário da Califórnia que está enfiando literalmente milhões de dólares todo mês para que seus jornalistas escrevam o que ele quer.

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa