Um deputado sul-coreano que estava sendo investigado por corrupção tirou a própria vida – anunciou a Polícia.

Roh Hoe-chan cumpria seu terceiro mandato como deputado do Partido da Justiça (esquerda).

A Coreia do Sul tem uma das taxas de suicídio mais altas do mundo, especialmente entre as figuras públicas envolvidas em escândalos.

Em 2009, o ex-presidente Roh Moo-hyun se suicidou quando estava no centro de acusações de corrupção.

* * *

Que coisa…

O corrupto coreano era de um partido de esquerda.

Nunca vi isto na minha vida!

Neste lado de cá do mundo nós teríamos um gigantesco oceano de sangue se os corruptos de Banânia seguissem este costume dos corruptos coreanos.

Um oceano de sangue fortemente vermelho.

E seria a primeira vez que a cor vermelha representaria a alegria e a esperança neste nosso espoliado e fudido país.

6 Comentários

  1. e eu MORO DE MI-SI-RI porque, lá,
    a esquerdalha é dona da Par.tido ””’da justiça””’!!!
    URRA !!!
    .
    se politico ladrão & cia, aqui no Brasil, inventar de matar-se,
    eu vou ter muita dó e muita dos coveiros !!!

  2. coparar um poliicode esquerda la com um politico de esquerda daqui , seria como comparar um elefante com uma hiena , visto que os politicos daqui sao como as hienas pois atacam em bando riem dasvitimas e fedem e muito…

  3. Aqui a esquerda não assume nem quando erra.

    Roubo vira malfeito.

    Corrupção vira caixa dois.

    Vão achar que o esquerdista sul coreano era doido da cabeça.

  4. Ainda bem que por aqui politico corrupto não se suicida, não sobraria nenhum para administrar esta bosta. Teríamos que voltar a ser colonia de Portugal.

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa