Berto,

Já olhei por diversas vezes e só vejo “outra coisa”.

Que tal publicar no JBF para conhecer outras respostas.

Acho que vai faltar psicólogo no mercado.

R. Pronto, meu caro: tá publicado.

Quanto à última frase de sua mensagem, acho que psicólogo no mercado é o que não vai faltar nunca.

Pode ficar tranquilo quanto a isto.

As chamadas “ciências do comportamento”, esse ramo acadêmico que começa com o “psi”, é um dos que mais tem gente.

Na minha família mesmo tenho dois, um macho e uma fêmea.

A fêmea, quando terminou o curso de medicina e optou pela psiquiatria, mereceu a seguinte observação da mãe dela, uma minha tia muito querida: “Puxa vida: uma família com tantos doidos e ela vai logo se especializar em psiquiatria…”

Pois esta parenta, uma prima bem mais jovem que eu, é militante petista e lulista roxa.

Ou seja, a minha priminha é uma “psi” que não consegue diagnosticar nem enxergar que Lula é um demagogo, um bandido esquizofrênico safado.

E isto já diz tudo sobre a profundidade e os acertos dos diagnósticos que ela assina.

Ela consegue perder até pra tal da “psicanálise”, o ramo das “psi” que é o primeiro lugar em picaretagem.

Agora,  quanto a esta ilustração que você nos mandou, onde aparece uma mulher mamando na pajaraca do marido…

Ah… Deixa pra lá…

Acho que estou virando um psicopata.

5 Comentários

    • Estou vendo um homem com as pernas cruzadas sentado em uma poltrona lendo as páginas de um processo contra o lula. Onde foi que viste o uma mulher chupando o pau do cara? . Viste o pau duro dele por acaso?. Cadê a prova?.

  1. Dois pitacos sobre o tema:
    – a mente tosca que cria e arma ciladas desse tipo é a matriz da safadeza que induz à confusão pelo viés do duplo sentido. Portanto, a necessidade de tratamento está na origem do estelionato intelectual, que é a cabeça do autor do ludíbrio;

    infelizmente, hoje em dia, ter ovelhas afrodescendentes na família (como eu também tenho), é o resultado da lavagem cerebral que a petralhada docente acadêmica promove, há um bom tempo já, em seus indefesos alunos. Daí que o cérebro dessas vítimas ficará pelo resto da vida marcado pelo ferrete do comunismo.

    P.S. = sensacional a menção do nobre editor à falta de um sinal gráfico para identificar o final de uma frase irônica. Sinto falta e proponho um concurso para se criar o “ponto de ironia”, pelo menos para uso doméstico no âmbito da comunidade fubânica.

Deixe o seu comentário!


© 2007 - 2018 Jornal da Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa