CARDEAL MECA MORENO – RECIFE-PE

Glosando mote de Zelito Nunes:

Dilma veste o gibão e a perneira
Quando o gado de sede já morreu!

Sem vergonha na cara a presidente
Com sorriso nefasto e amarelo.
Na TV vejo a cena e me acautelo
No retrato a decência está ausente.
Falsidade é a marca permanente
Demagogo em pessoa é fariseu
Mas o boi inocente o couro deu
Pra vestir e cobrir essa coveira
Dilma veste o gibão e a perneira
Quando o gado de sede já morreu!

R. Meu Poeta, a propósito de seca, de gibão, de gado, de sertão, recomendo que você veja uma reportagem contundente, levado ao ar ontem, domingo, pela “grande mídia golpista e reacionária“. Esses cabras safados têm plena razão de odiar a liberdade de informação e a livre circulação de notícias. A eterna luta de Zé Dirceu e sua quadrilha pelo “controle social” (leia-se censura) dos meios de comunicação é plenamente justificada.

São quase 16 minutos de denúncias de safadezas, roubalheiras, descaso e putarias do gunverno vermêio. (Por oportuno, recomendo que, após ler esta postagem, revejam outra de novembro passado; basta clicar aqui)

E, em meio ao sofrimento, tocantes demonstrações da firmeza de caráter do sertanejo sofredor e digno, do homem crédulo que é vítima da demagogia desses felas da puta que hoje nos gunvernam.

Para assistir, basta clicar na imagem abaixo: (paciência com o comercial de 30 segundos na abertura…)

DON PABLITO – FORTALEZA-CE

Os bastidores  do JBF encontram-se em polvorosa.

Trata-se da rebelião de POLODORO.

Inconformado com apenas uma função: ficar zurrando (?) sendo que ganha um alto salario de um cargo arrumado pelo Papa Berto como assessor parlamentar do Senado, (o danado tem até carro com motorista)  resolveu produzir mais.

Na foto não dá pra saber se foi fiscalizar as “obras” da transposição do Rio São Francisco ou cobrir as enchentes que assolam o sudeste…

R. Coitado de Polodoro, um jegue tão sério e trabalhador, servindo de galhofa na boca desse povo.

Ele vai rinchar de tristeza dessa mangação.

 

PADRE HÉLIO CRISANTO – SANTA CRUZ-RN

A ira alimenta a guerra
O ódio envenena a alma
O bem nos transmite calma
O crime adoece a terra
O bom perdoa quem erra
O fraco acende a maldade
E o poder da caridade
Gera paz interior
Falta o fermento do amor
No pão da humanidade

MARCOS JEFFERSON – SANTA TEREZINHA-PE

Tudo bem Berto, essa é uma pequena homenagem ao meu sertão forte e voraz que amo.

P.S. O Besta Fubana é a bixiga lixa mesmo.

R. Bixiga lixa são os leitores que nos honram com sua presença por aqui.

Nosso ilustre missivista é editor do Blog Zuada no Sertão que, como já diz o nome, é encarregado de propagar o som da pesada dos roqueiros sertanejos.

E vamos ao poema que ele nos mandou:

Morte e Vida Sertanina

Faz um bocado que o tempo
Não se prepara pra chuva
Sem ter uma nuvem turva
No céu seco e sem vento
Já da pra ver o sofrimento
Sem crescer a plantação
Vai ser ano de aflição
Se não chover em ‘janero’
E se preocupa o sertanejo
Vendo minguar o sertão

A terra sem força racha
No céu três urubu avisa
Uma novilha que agoniza
Outra procura pasto e não acha
Só o político que usa a seca relaxa
Cheio de má intenção
Pro sul começa a procissão
Na reza chuva é o desejo
E se entristece o sertanejo
Vendo morrer o sertão

Mas quando o vento do norte
Sopra e esfria o ar
Nuvens começam exalar
O cheiro da chuva a vir forte
Trazendo um ano de sorte
Pasto flora, escorre água no chão
Brota o milho, mandioca e feijão
É fartura de carne, farinha, ovo e ‘quejo’
E se alegra o sertanejo
Vendo renascer o sertão 

ARISTEU BEZERRA – RECIFE-PE

Admirador da poesia popular tive a ousadia, após participar de um seminário de planejamento, glosar sobre o tema objeto do meu trabalho como funcionário público, lotada na Alfândega do Aeroporto Internacional dos Guararapes.

Vou compartilhar com seus leitores o meu atrevimento poético:

Saudações fraternas

Vistoriar bagagem e mercadoria
Gerando o progresso da nação

Conhecer a legislação aduaneira
E aplicar no rigor a lei
Sem a arrogância de um rei
Com educação e boa maneira
Faz da nossa Aduana a primeira
No trabalho feito na razão
Sem se deixar levar pela emoção
Todos se empenham com categoria
Ao vistoriar bagagem e mercadoria
Gerando o progresso da nação

A consciência tributária é aceita
Pela modernização da gestão fiscal
O contribuinte entende o ato legal
Porque é a forma de gerar receita
Em qualquer economia eleita
Pra o funcionamento sem evasão
Não se pode agir com o coração
O Inspetor conhece essa história
Ao vistoriar bagagem e mercadoria
Gerando o progesso da nação.

Nós temos segurança de fiscalizar
Devido a estar sempre reciclando
E de estudar nunca relaxando
O bom senso de quem sabe administrar
Dá autoconfiança para trabalhar
Fazendo o serviço com convicção
Se há dúvidas pedimos opinião
De colega com maior sabedoria
Ao vistoriar bagagem e mercadoria
Gerando o progresso da nação.

Planejar no momento presente
Pra construir o futuro promissor
Foi o tema proposto pelo Inspetor
Numa inspiração competente
Porque ninguém aprende de repente
É preciso estudar com dedicação
Servir ao público é nossa missão
Em um ambiente de harmonia
Ao vistoriar bagagem e mercadoria
Gerando o progresso da nação.

CARDEAL HUYTAMAR FREITAS – NATAL-RN

Bananístico Papa Berto I, o Lampião dos blogueiros,

Ufa!

Enfim finalmente encontraram o tal “animal político”.

 

Hahahahahahahahaááá …

O Gurgel vai te pegar!!!
 

CARDEAL PEDRO MALTA – RIO DE JANEIRO-RJ

Santidade

Ontem,  no interior do Piauí, a Dilma  vestiu um gibão  feito  especialmente para ela. Agora é  tão nordestina que, em breve, deverá  participar  de   vaquejada.

Seguramente,   a partir de tão  importante evento,  vai  chover torrencialmente na região   e o nosso sofrido nordeste  vencerá    o grave problema da seca.

R. Se ela participar de uma vaquejada, derrubará o boi puxando-o pela bimba. Vai ser queda de arrancar o couro do animal!

Pelas fotos que vi no noticiário, o gibão que ela vestiu no Piaui deu certinho no corpinho esbelto da nossa querida Dama da Priquita de Aço.

Ficou mais afolosado do que a priquita de Maria Cu-de-Apito, a rapariga de maior quilometragem na zona de Palmares.

Vôte!!!

Agora, eu quero vê-la comendo buchada, chupando culhão de boi, atracada com uma mão-de-vaca e tomando cana numa caneca aos pés da imagem de Pade Ciço.

Ela tá se cagando de medo que Lula proiba sua reeleição e volte, ele mesmo, a fazer demagogia na Nação Nordestina.

CARDEAL JORGE FILÓ – RECIFE-PE

Caríssimo, fofíssimo e redondíssimo Papa!

Que Vossa EssaLentíssima pessoa esteja bem junto aos seus.

Envio-lhe este incrível vídeo, estrelado pelo nosso multicultural e fenomenal artista, Walter Marcolino, onde ele nos revela mais uma grande façanha pessoal, algo inimitável.

Lanço aqui nesta Gazeta da Bixiga Lixa, um desafio aos Fubânicos de plantão, para tentarem bater este inacreditável recorde de chupação de melancia.

E vamos aguardar os resultados…

Abraços fraternais em todos[as] deste JBF.

R. Agora, me digam mesmo:

Tem jeito de subir o nível dessa porra desse jornal escroto???!!!

JOSÉ DE OLIVEIRA RAMOS – SÃO LUÍS-MA

Cabras sem futuro! Né não?

É mais que uma troça dizer que ninguém gosta do PT (Partido dos Trabalhadores) ou de alguns petistas. Essa afirmação não é verdadeira.

Na realidade, o que ninguém gosta é de que muitos petistas estão fazendo com o país que, durante as décadas de 70 e 80, eles (os petistas) passaram a defender sem demonstrar os objetivos atualmente “baixados” (para usar um termo da atual tecnologia dos computadores).

E hoje, quem tem algum percentual de massa cinzenta na cachola, em vez da massa de cor ocre que muitos petistas exibem todos os dias – vide Lula, Zé Dirceu, Genoíno, Marta Suplicy, Dilminha, para ficarmos apenas nesses do alto clero – no cavalar empobrecimento moral deste país, tanto interna quanto externamente.

Pois, entre um número assustador de petistas, é também muito grande a quantidade de “cabras sem futuro”! Nenhum futuro. Futuro de tolerância zero. Vejam, como exemplos, essas fotos que mostramos a seguir.

Na foto 1 – Um baitola desses depravados, sem nenhum futuro, veste uma calçola de quinta categoria e exibe uma banha tão escrota, certamente, quanto as atitudes dele. Queimador de rosca sem ser na padaria do português, fazedor de benefício com o orifício anal (dele, claro!) e um puta sem-vergonha. Tem futuro, um sujeito desses?

Baitolão sem futuro. Arre égua!

Na foto 2 – Um cabra lá do raio que o parta contou com a administração petista para surrupiar a verba federal para a construção de áreas de lazer, bebeu tudim de cachaça e, se achando um gênio, inventou uma mesa de sinuca, onde o taco é uma vara, as caçapas são buracos e as bolas são limões. Será que vai aparecer algum prefeito petista para copiar a invenção ou vai aparecer alguém para dizer que esse Mané tem futuro. Tem?

Que futuro tem um cabra que inventa uma sinuca dessas?

Na foto 3 – Depois da passar a noite numa reunião petista (a identificação está no boné, vermelho e, sem nenhuma dúvida, petista) o Mané vai para a orla marítima curtir o saldo negativo das merdas que andou fazendo e resolveu pegar um pau, arranjar um idiota igualzinho a ele para fotografar o que ele acha uma boa idéia: cheirador de pó, utilizando a espuma do mar. Tem futuro esse merdinha?

E esse idiota que quer dizer que ta “cheirando”. Que futuro tem?

 Hoje num tem premiação pra ninguém! Quer ganhar mole é? Vai jogar na roleta do Cu-Trancado, lá nim Palmares!

CARDEAL PEDRO MALTA – RIO DE JANEIRO-RJ

Berto

Dá uma olhada no vídeo abaixo.

Fraterno abraço

R. Meu caro, este vídeo já foi enviado pra cá por uma boa quantidade de leitores.

E todo dia chega mais…

O assunto é pra lá de palpitante. E, em se tratando de uma administração petralha, eu acredito que todas as informações aqui veiculadas são a mais pura realidade.

Tudo que está sob os cuidados do Socialismo Muderno sempre nos deixa desconfiados.

IVAN MAURÍCIO – RECIFE-PE

Olá Berto,
 
Envio, em anexo, texto e ilustração que se você postar no seu excelente Jornal da Besta Fubana será muito importante.

Desde já grato pela gentileza.

Grande abraço e conte conosco sempre.

R. Excelente não é o JBF. Excelentes são os malassombrados assim feito você que nos prestigiam.

Um cabra do seu tope num pede nada aqui, meu caro. Aqui você dá as ordens.

Atenção comunidade fubânica: o livro é grátis. Basta fazer o contato. Leiam o reclame aí no final da postagem. 

Brigado pelo contato e muito sucesso!

* * *

Receba por e-mail o e-book Aves da Caatinga

A caatinga, palavra originária do tupi-guarani que significa “mata branca”, é o único sistema ambiental exclusivamente brasileiro. Possui extensão territorial de 734.478 de quilômetros quadrados, correspondendo a cerca de 10% do território nacional, está presente nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Bahia, Piauí e norte de Minas Gerais.

A Editora Coqueiro e o portal O Nordeste - através da Enciclopédia Nordeste – ao lançar o e-book “Aves da Caatinga” tem por objetivo iniciar a desvendar uma pequena parte da enorme diversidade que representa este único e rico bioma.

Para receber por e-mail, inteiramente grátis, o e-book “Aves da Caatinga” basta enviar um solitação para mauricio.ivan@uol.com.br

DON PABLITO – FORTALEZA-CE

Papa Berto

No atual estado da segurança no Brasil equipei minha moto. É exatamente o que eu preciso para enfrentar os novos tempos.

Isto deve responder a todas as duvidas sobre como me sinto com relação as novas investidas da bandidagem. Parece que esperar pelo governo não adianta mais!

PADRE HAROLDO CARNEIRO LEÃO – RECIFE-PE

Sumo Pontífice,

O olhar diz tudo…

R. O olhar é encantador. Uma verdadeira sedução.

Mas pra quem gosta e aprecia uma bacurinha, esta cara de priquita lambida é extramente excitante! No claro ou no escuro…

Uma amiga minha me disse que os seus filhos adolescente estão batendo punheta olhando pra cara desse que é um dos mais importantes ministros do gunverno lulo-dilmo-bolivariano-petralha.

CARDEAL HARDY GUEDES – CURITIBA-PR

UMA CARTA DO CARAX
 
Caro Papa,
 
Veja que genial a carta deste francês, Leos Carax, diretor de cinema.
 
Ele não compareceu à cerimônia de entrega do prêmio a que fez jus de melhor filme em língua estrangeira, por seu filme “Holy Motors”.
 
Talvez prevendo a premiação, mandou uma mensagem de agradecimento por escrito, que é um verdadeiro tapa na cara de Hollywood.

Veja o texto:

“Olá, eu sou Leos Carax, diretor de filmes em língua estrangeira. Faço filmes em língua estrangeira a minha vida inteira. Filmes em língua estrangeira são feitos em todo o mundo, claro, com exceção dos Estados Unidos. Nos EUA, fazem apenas filmes de língua não-estrangeira. Filmes em língua estrangeira são muito difíceis de fazer, obviamente, porque é preciso inventar uma língua estrangeira ao invés de usar a linguagem costumeira. Mas a verdade é que o cinema é uma língua estrangeira, uma língua criada para quem precisa viajar para o outro lado da vida. Boa noite.”

Verdadeiramente, uma carta do Carax!

Um abraço

JOSÉ DE OLIVEIRA RAMOS – SÃO LUÍS-MA

Índio do armário, ingulidô de cobra e dentista petista

Papa Berto I e por enquanto Único, beijo seu anel e peço sua bênção prumode alguém desse mundo fubânico me ajudar a encontrar solução pressas fotos que amostro no que se segue. Algumas são desde o tempo da ansiedade de inauguração do cemitério de Sucupira da novela Bem-Amado.

Nessa foto 1 – Queria que alguém me ajudasse a chegar a uma conclusão. O índio ADP entrou na fila prumode lê o JBF. Levou um monte de esculacho e, se num aprendeu, quandi voltá vem muito mió. É isso, né não?

Na foto 2 – O Lula Num Sei e Nunca Ouvi Nada da Silva, foi levado pelos petralhas exatamente prumode espiá o índio engulir cobra, e aprender, foi? Ou o Lulla Num Sabe de Nada vai mermo é substituir o índio adispois que ele engulir a bicha até o rabo?

Na foto 3 – Ainda bem que, aparentemente, nos vimos livres do ADP, né não? Se ele ainda aparecer pelas essas bandas fubânicas, quitau a gente levá-lo ele pra cuidar dos dentes quesse Odontólogo aí?

Espiem a premiação:

- Quem adiscobrir e expricar as treis fotos, entra entre os dez primeiros dos mais de seiscentos mil que estão na fila prumode arreceber um pacote de velas do Lobão, prumode se privinir pro apagão;

- Quem adiscobrir apenasmente duas fotos, ganha um pinico de barro prumode cagar dento e arrebolar na sede do PT nim todos os estados da Banânia;

- Quem adiscobrir apenas uma foto, ganha dez ingressos prumode assistir o clássico amistoso entre o Íbis e o Framengo (do Piauí, craro!), marcado e acertado para acontecer no inverno de julho, próximo ao vulcão chileno Puyehue, isso se ele estiver em erupção. Se não estive, ganha passagens para esperar pelo fim do mundo lá no Peru, ao lado do profeta inca.

- Agora, se ninguém acertá nenhuma, ganha o direito de passar os 31 dias do mês de fevereiro ao lado de Zé Caroço Dirceu, no xilindró, vendo o sol nascer sem ser redondo.

 

O que é que faz mesmo o primeiro índio? Olhe a mãozinha dele! É o ADP?

Espia a cara de alegria do Lula Num Sabe de Nada!

 

Esse daí é o dentista que vai cauterizar os dentes do ADP

ALAMIR LONGO – QUARAÍ-RS

Meu nome é Alamir Longo, sou aqui da fronteira gaúcha.

Agradeço a generosidade dos amigos por publicarem meus singelos poemas e aproveito a oportunidade para enviar-lhes o poema” MORTALHA” que escrevi bastante preocupado com a incrível passividade de parte desse povo que assiste a toda essa podridão que assola o país, com “mansidão bovina”, como definiu  o grande jornalista Augusto Nunes .

Parece que esse povo, anestesiado pelas migalhas, perdeu a noção de altos valores como “cidadania, civismo e patriotismo.”

Parabéns pelo Besta Fubana! É ótimo, depois que o descobri, virei fã.

Um abraço!

R. Esta Besta Fubana quebrou mesmo o cabestro e tá avuando por tudo quanto é recanto deste Brasil enorme. O Rio Grande do Sul é o quinto estado em quantidade de leitores fubânicos. Uma colocação que me deixa ancho que só a porra.

A bela cidade de Quaraí fica localizada a 600 km da capital, Porto Alegre, e faz fronteira com a cidade uruguaia de Artigas. As duas cidades são unidas por uma ponte.

Ponte Internacional de Concórdia, unindo Quaraí, no Brasil, a Artigas, no Uruguai

Nosso querido leitor Alamir já teve um seu poema publicado no JBF, no mês de novembro. Quem quiser ler, clique aqui.

Brigadão pela força, pela audiência e pelas gentis palavras.

E vamos ao poema que você nos mandou:

MORTALHA
I
Sombrio é o destino
de povo indolente,
pois será, tão somente,
uma tropa de gado
que perderá o couro!
Porque povo covarde,
mais cedo ou mais tarde
ganhará o matadouro.

II
Quem vende consciência
jamais terá glória.
Sepulta sua história
e seus restos mortais
em cova esquecida!
Vai ser só lembrado
como um fracassado
que passou pela vida.

III
Com passividade
não muda-se nada!
Tem a alma arrancada,
aquele que aceita
o inaceitável!!!
Será tosco fulano,
na mão do tirano
mais um miserável.

IV
Povo servil
é massa falida!
covarde…vencida,
sem brio pra lutar
uma só batalha!
Sem futuro, sem dente…
a cavar sorridente
sua própria mortalha!

ARISTEU BEZERRA – RECIFE-PE

EXCLUSÃO DO PRECONCEITO

Vamos abordar um tema
Além do respeito racial
É, sem dúvida, superior
Ao preconceito sexual
Defeito que cometemos:
Exclusão do doente mental.

Falar de forma informal
Não nos deixa no prejuízo
É preciso se conhecer
Comportamento é o aviso
Não doença orgânica
Pior da que afeta o juízo.

Eu não estigmatizo
Ao ver doença ou dor
Aleijadinho sofreu tanto
Foi um grande escultor
Machado era epiléptico
É gênio como escritor.

Negar ao próximo amor
É prova de ingratidão
Quanto maior a doença
Mais intensa a solidão
Que você, hoje, ajuda
Quem sabe foi seu irmão!

PADRE FERNANDO PORTELA – SÃO PAULO-SP

Repasso.

Os maldosos insistem…

CARDEAL FRED MONTEIRO – RECIFE-PE

Amigo Berto..

Acabo de ler um excelente post na coluna do Augusto Nunes sobre os 52 dias de mutismo total do Apedeuta. O último parágafo está genial e diz assim:

“O país que pensa exige respeito. Patroa é uma coisa, pátria é outra. Fartos de tanta tapeação, milhões de brasileiros não aceitam ser tratados como se fossem um bando de marisas letícias.”

Como isso dá um mote arretado, não tive dúvida e pra não deixar barato mandei isso aqui:

O Poder faz de tudo nesta vida
quando o  cabra não tem fundo moral
Mente, engana, se esquece que afinal
nosso povo até já lhe deu guarida
Lula: acorde, fale, tome uma medida,
pois ninguem aguenta mais esse fedor
Todo dia um escândalo, um horror
cada dia mais loucura se amontoa
Você pode até trair sua patroa
Mas a Pátria, eu não deixo não, senhor !

Seria uma boa oportunidade da fubanada chegada a uma glosa mandar ver, né não?

R. Como não sou glosador, limito-me a ilustrar sua mensagem com uma charge do Padre Sponholz que tem tudo a ver com essa conversa.

Ou, melhor dizendo, com essa falta de conversa. Com esse silêncio tumular do maior papagaio que a república banânica já teve, e que perdeu a voz de um momento pra outro.

PADRE BRÁULIO DE CASTRO – OLINDA-PE

Papa Berto,

esta semana estarei correndo as rádios para divulgar a música de Polodoro.

Terça-feira lhe direi os locais.

Será o rinchador dos corruptos na folia.

R. Minino, se Polodoro rinchar toda vez que aparecer um escândalo na administração federal em Banânia, a goela do nosso querido jeguinho vai estourar!!!

DON PABLITO – FORTALEZA-CE

Lula vai a Cuba para tratar memória

O procurador geral Roberto Gurgel investigará as sinapses do ex-presidente

HAVANA – Acompanhado de Marisa Letícia, Luiz Inácio da Silva chegou ontem a Cuba para tratar um problema crônico de amnésia. “Estou preocupada”, confessou dona Marisa. “Lula frequentemente esquece que não é mais presidente do Brasil. Tem acontecido com uma intensidade cada vez maior”, desabafou após um longo suspiro. “Além disso, não lembra de nomes, datas importantes, uma porção de coisas”, lembrou.

Com sinais aparentes de fadiga, Lula apresentou indícios de que a disfunção tem trazido efeitos colaterais. “Tenho também a sensação cada vez mais frequente de que estou sendo vigiado. Por vezes, até perseguido. Mas não lembro a razão”, disse o ex-presidente em exercício, olhando de soslaio para os lados.

Solidário, Fidel Castro contou que passou décadas sofrendo o mesmo mal e arriscou um diagnóstico: “Hay que olvidarse, sin perder la ternura jamás“.

R. Vou aproveitar esta sua carta-notícia pra fazer uma pergunta:

Alguém sabe por onde anda Lula? Num entendo as razões pelas quais uma personalidade pública, que falava até pelos cotovelos e adorava uma platéia, ficou calada de uma hora pra outra. Qual será o motivo de tão fantástica e brusca mudança?

Apelo para os lulistas fubânicos: adonde se assuverteu o ídolo de vocês? Adonde tá ele socado? Por que ele anda tão calado? Se não estamos na Venezuela e vivemos num país com ampla liberdade de informação, por que este sumiço e esta falta de notícias sobre um ex-presidente da república, uma autoridade que gunvernou Banânia por 8 anos?

Nos ajudem, por favor, seus lulistas fubânicos. Tô sentindo uma falta enorme da mitomania dele. Francamente, o sumiço de Lapa de Asno prejudica demais minha função escrota de Editor, cujo expediente se resume em caluniar e difamar os políticos honestos e as personalidades públicas probas e ética.

Mudinha e Mudão, cercados de segurança e fugindo da imprensa: como não dava pra se esconder em Banânia, ele se refugiou no estrangeiro

PADRE BRÁULIO DE CASTRO – OLINDA-PE

Papa Berto,

aproveito a sugestão de Bruno Negromonte, para lhe enviar uma das estórias que estou escrevendo sobre os meus cinquenta anos de música popular.

Segue também a gravação do samba pelo Conjunto Talismã.

* * *

VOCÊ DEU MANCADA 

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Samba – Brúlio de Castro e Paulo Elias
Canta – Conjunto Talismâ

A frase famosa de Vinicius de Morais em dizer que São Paulo era o “túmulo do samba”, vivia  engasgada no ego dos paulistas. A turma do samba de raiz então, não gostava nem de comentar o assunto. Certa ocasião, eu estava no boteco de Miguel que ficava no Bairro da Bela Vista, quando me bateu a vontade de dar uma resposta para o poeta. Meu parceiro Paulo Elia, também presente, achou a idéia muito boa e daí a meia hora, o samba estava pronto. Dias depois, cai em campo pra tentar encaixar a música. O primeiro produtor musical que procurei foi Alfredo Borba, ele gostou do trabalho, mas não tinha ninguém disponível no momento. Fui atrás dos Originais do Samba, que não se dispuseram a gravar com receio de Vinicius não gostar. Procurei meu amigo Noite Ilustrada,  não quis nem saber. Mostrei a Arnaldo dos Demônios, mas como o grupo estava brigado com Adoniran Barbosa, ele também não se interessou. Terminei desistindo da empreitada. Meses depois, encontrando-me um fim de tarde, na La Barca, (casa noturna de Maximino, componente do Conjunto Talismã) aproveitei para mostrar a música e para minha surpresa, todo mundo adorou o samba. Como eles iam gravar um disco com as músicas do mestre, por influência do próprio Adoniran, a resposta a Vinicius de Morais, foi incluída na “bolacha”. Infelizmente o grupo  não tinha um nome de peso, juntando-se ao desinteresse  da  gravadora, a coisa morreu por ali.  Eis a letra que tanto medo causou aos intérpretes de Sampa. Não tem ofensa nenhuma, é simplesmente uma resposta cheia de humor.

DON PABLITO – FORTALEZA-CE

Caro Papa Berto

Veja só. Leitoras fubânicas a procura do JBF nas bancas de Jornal.

Acho que Vossa Reverendissima pessoa deveria pensar em fazer edições impressas. Só assim adenderia o anseio das loiras.

R. Num tem jeito mesmo…

Faço uma força arretada pra tornar esta gazeta um ambiente familiar, um local de respeito, e esse povo fica mandando só safadeza pra cá.

Adonde já se viu priquitas ao vento caçando o JBF nas bancas de revista???

Vôte!


 

FÁBIO FREITAS – DUQUE DE CAXIAS-RJ

 Achei por acaso este site e fiquei maravilhado por ele.

Parabéns!!!!!

R. Maravilhado mesmo você vai ficar quando conhecer o time de fêmeas fubânicas, meu caro. É cada exagero de mulé que o cabra chega fica aluado. Tanto as leitoras, quanto as colunistas, assim como as que os tarados mandam pra cá em fotos e ilustrações.

Seja bem vindo a este antro de escrotidão e bestagem.

Grato pela força, pela audiência e pela generosidade das palavras.

CARDEAL BERNARDO – MACEIÓ-AL

Mestre Papa,

entre os inúmeros “legados” que a Copa do Mundo vai deixar por aqui, apareceu mais um.
 
Com os respeitos do Cardeal

R. Acho que deve ser na base do “do you fuck me?”. E, se o cabra aceitar, tudo termina com um “thank you“, uma boa lavada da tabaca e um cachê em dólares.

Se o cabra não aceitar ou passar o xêxo, aí será na base do “fuck you, son of a bitch”

* * *

Prostitutas de BH têm aulas grátis de inglês para se preparar para a Copa

A ideia é ensinar o básico. “Fruits” (frutas), por exemplo. Mas o “vocabulário técnico”, como “condom” (preservativo), também estará presente em aulas de inglês que prostitutas de Belo Horizonte terão para receber os turistas na Copa de 2014.

“Elas vão aprender frutas, verduras, legumes. Mas algumas palavras a gente pode trabalhar mais, no sexo, no fetiche”, diz Cida Vieira, 46, presidente da Associação de Prostitutas de Minas Gerais.

SÉRGIO QUINTELA – SÃO PAULO-SP

Olá meu caro,

Nao sei se você já viu.

O video ja tem quase um mês, mas tá valendo.

Saudações.

R. Meu caro, eu não acredito em nada do que foi dito nesta gravação. Não acredito nem mesmo nas imagens aqui contidas. Deve ser tudo montagem, artes do fotoxopi.

Um vídeo com pouco mais de 3 minutos, que só contém mentiras e calúnias. Do começo ao fim.

Trata-se de patifaria e safadagem da reaçaria golpista.

Confiram:

PADRE FERNANDO PORTELA – SÃO PAULO-SP

A melhor do dia.

Hard times, versão soy loco por ti América.

 

ODAIR GOMES – SÃO PAULO-SP

Caríssimo Papa Berto,

Veja nesta reportagem a desfaçatez de brasileiros que usurpam do dinheiro alheio e que contribuem para o atual estado de coisas.

Este é um país sem vergonha desde 1854, quando D. João cagão fugiu de Portugal e veio instalar-se aqui.

R. A reportagem que foi enviada pelo nosso indignado leitor tem este título muito sugestivo:

“Praia escolhida por Cachoeira já foi frequentada por condenados do mensalão”

Quem quiser ler a matéria na íntegra e saber os nomes dos outros corruptos que, além de Cachoeira, estiveram na mesma praia, basta clicar aqui.

Aliás, usando a gíria atual, estes guabirus podem se dirigir uns aos outros dizendo que “esta é a minha praia”.

A propósito de corruptos, guabirus e mensaleiros condenados, recomendo a leitura do texto de Toinho de Passira, publicado hoje no JBF, que tem como personagens centrais os malfeitores Cachoeira e Zé Dirceu. Rolem a tela que vocês verão a postagem logo aí mais embaixo.

LINDOVAL RODRIGUES LEAL – PORTO VELHO-RO

Olá Caro Papa!

Estou lhe enviando umas glosas que ousei desenvolver em cima de um mote do talentoso poeta (meu amigo) Wellington Vicente!

Como leitor assíduo do Besta Fubana, acho que tem muito a ver com os assuntos debatidos atualmente nesta Gazeta!

Não se trata de nenhum político especificamente, mas acho que a carapuça cairá muito bem em vários profissionais da políticagem Brasil afora! Aqui em Rondônia, há um magote deles que se enquadram este perfil!!

Abraços e saudações de um leitor do Norte!

R. Lindoval, nosso querido “leitor do Norte”, é Major Bombeiro Militar. Um poeta que salva vidas e que dá vida aos versos.

De modo que temos dois malassombrados praquelas bandas deste Brasil imenso, sendo o outro o colunista fubânico Wellington Vicente, um poeta da bixiga lixa que tem nas veias o sangue do saudoso Zé Vicente da Paraíba, um dos maiores cantadores repentistas do Séc. XX.

E vamos ao trabalho que você nos mandou, com ilustração e tudo. Nas glosas, o eleitor é chamado de “fela da puta”. Mas eu acho que o adjetivo tem que ser estendido também pros políticos nos quais eles votam…

“Inda tem féla da puta
Que vota nesse ladrão!”

Na campanha, sedutor
Prometeu muita mudança
E ganhou a confiança
Do “pato” do eleitor
Que só teve dissabor
Depois q’uele foi eleito
Muito bonzinho no pleito,
No poder: transformação!
De mocinho a vilão
Esta mente “muy astuta”
“Inda tem féla da puta
Que vota nesse ladrão!”

Quase sempre sorridente
Com feição de comportado
Com seu terno bem cortado
Mostrando ser influente
E se disse competente
Pra fazer acontecer!
Era só pra “inglês ver”,
Foi só pura encenação
No cargo, decepção!!!
Até a alma é corrupta
“Inda tem féla da puta
Que vota nesse ladrão!”

Conseguiu enriquecer
Metendo a mão no erário
Fez o povo de otário
Sem sequer enrubescer
Pois, pra ele é prazer,
Não é nada anormal
Turbinar seu capital
Com dinheiro do povão
Vai tentar nova eleição
Essa figura “batuta”
“Inda tem féla da puta
Que vota nesse ladrão!”

É mestre em dissimular
Em se fazer de coitado
Está sempre acompanhado
De “puxas” pra lhe salvar,
Na justiça a tramitar
Há processos em turbilhão
Mas, não há condenação,
Pro desvio da conduta…
“Inda tem féla da puta
Que vota nesse ladrão!”

Porto Velho-RO, 06 de JAN de 2013.

JOSÉ DE OLIVEIRA RAMOS – SÃO LUÍS-MA

Sua Santidade Primeira e Única, botador de Polodoro pra rinchar nas caatingas da escrotidão e da semvergonhice, me ajude a desvencilhar os segredos dessas fotos.

Na foto 1 – Ganha uma senha para ser atendido pelo proctologista do SUS, no próximo dia 31 de fevereiro, quem me ajudar a descobrir com qual Plano de Saúde essa Doutora Dentista trabalha e qual é o endereço dela. Quero fazer a recolocação de corega com ela, espiando assim de lado e sentindo o cheirim dessas coisinhas aí.

Na foto 2 – Me apareça alguém pra descobrir para qual é o Posto de Gasolina que esse carroceiro feladaputa trabaia e se num seria muito mió ele butá essa carga toda nim cima da mãe dele. Né não? Ganha uma semana de crédito em fichas pra jogar na roleta de Cu-Trancado, lá no Palmares do Papa Berto.

Na foto 3 – Alguém me ajude a descobrir se esse esfelético churrasqueiro patenteou essa invençãozinha dele. Prumode, se ele num tivé registrado, eu quero apresentar um projeto pra ser aprovado no governo da Dama da Priquita de Aço, com o seguinte nome: Bolsa Churrasco Nosso. Todo viado, frango, baitola, qualira, fresco, paneleiro, xibungo que ajudar, vai ganhar essas rodelinhas aí que estão assando (apois deve ter o fiofó como cofrinho. Né não?).

Será a anestesia que o hômi tá cherano?

 

Eita feladaputa! Ainda pega carona na carroça. Vôte!

Inventô muito mais mió que o Bobs! Né não?

CARDEAL HARDY GUEDES – CURITIBA-PR

AS APARÊNCIAS ENGANAM

Caro Berto,

Quem viu o filme INVICTUS, sobre a vida de Nelson Mandela, interpretado pelo magistral ator Morgan Freeman, deve se lembrar que a disputa final pelo título mundial foi entre um time sul-africano e um time neozelandês, o famoso ALL BLACKS, cujo uniforme é inteiramente na cor preta.

Antes dos jogos, eles fazem uma dança de guerra MAORI, chamada HAKA, para impor medo aos adversários.

Pois bem, um apresentador da televisão neozelandesa, de nome Steve Gray, homossexual assumido, declarou que vários jogadores do time são gays. Que ele, inclusive, já tinha passado uma noite com um deles. Clique aqui para ler a notícia.

Assim, está provado que as aparências enganam, mesmo o cara tendo corpo atlético e fazendo cara de mau.

Grande abraço

Vídeo da dança:

CARDEAL BERNARDO – MACEIÓ-AL

Mestre Papa,

veja aí a estampa maravilhosa da Senhora Cachoeira em plena lua de mel.
 
Com os respeitos do Cardeal

R. Em Banânia o crime não só compensa como, mais ainda, coloca à disposição do criminoso as melhores bacurinhas disponíveis na praça.

Me lembrei do que dizia o saudoso Millôr Fernandes: “Dinheiro não é tudo. Tudo é a falta de dinheiro…”

E nóis aqui morrendo de inveja… Ô lapa de cara-preta bonita que só a gôta serena!

Andressa Mendonça posa para fotos tiradas por seu marido Carlos Cachoeira

PADRE JULIO VILA NOVA – RECIFE-PE

Grande Luiz Berto,

Hoje o Cordas e Retalhos está na Queima da Lapinha, no Sítio da Trindade.  Esteja convidado.

Aproveito para lhe enviar e pedir que divulgue este frevo, assombroso e malassombrado, de Luciano Magno, um pernambucano nascida na Bahia (em Juazeiro, se não me engano):

Grande abraço

R. Meu caro, eu até que planejei ir à queima da Lapinha ontem, juntamente com minha irmã e meu cunhado, que vieram de Brasília pra passar uns dias comigo e curtir o verão nordestino.

Mas passei a manhã enchendo a cara na praia de Gaibu e, a seguir, fui almoçar uma moqueca de peixe com camarão no Gameleira, em Olinda.

Quando deu seis horas da tarde, hora de começar a Queima da Lapinha no Sítio da Trindade, eu estava apagado… Só mesmo um pifão da gôta serena conseguiria me fazer perder uma apresentação do magnífico bloco lírico Cordas e Retalhos, que brilha no carnaval recifense sob o seu comando.

Abraços e muito sucesso, seu doido!

E vamos ao vídeo que você nos mandou:

MONSENHOR ZAMENHOF SITÔNIO – MACEIÓ-AL

Papa Berto I,

Procurando uma saída para os PeTralhas, nesse momento delicado pelo qual atravessa o Brasil, o que me surgiu no horizonte, e que pude conjecturar, está transcritos nas poucas linhas que remeto à Vossa Santidade, para avaliação dos confrades e leitores, desta bexiga lixa.

R. Do meu ponto de vista pessoal, já posso fazer minha avaliação: do que você escreveu, não concordo quando fala que os militares “prepararam o Brasil para a democracia”: só entregaram a rapadura nas últimas e graças à teimosia de Geisel. Figueiredo saiu do palácio pelas portas do fundo; num passou nem a faixa pro sucessor (leia a tetralogia de Elio Gaspari, As Ilusões Fardadas). Tá lembrado qual era a finalidade do atentado terrorista do Riocentro? Pois é… O JBF já se ocupou deste assunto várias vezes. Veja uma delas clicando aqui.

Também discordo das demais apreciações do primeiro item, bem como aquela parte onde você fala em “retorno das Forças Armadas” ao poder (cruz credo, pé de pato, mangalô!!!). Prefiro correr o risco de ter um boçal ignorante feito Collor ou Lula na presidência, mas pelo sistema de eleições livres e diretas, do que qualquer solução de força e à margem da Constituição. Venha da direita ou venha da esquerda.

Bom, todos já sabem o que penso sobre isto. Tô só repetindo…

E vamos ao seu texto:

AS VÍTIMAS DE UM PROJETO DE PODER

O BRASIL SANEADO E DEMOCRÁTICO

Nos “anos de chumbo” os militares preparam o Brasil para a democracia. Preparam a infraestrutura, que temos até hoje. Muito pouca coisa foi acrescentado, desde então. Os “milicos” se afastaram da política, entregando de mão beijada um país saneado e em ritmo de crescimento, prepararam inclusive a Lei de Anistia, para que os subversivos terroristas, pudessem retornar ao país, apesar dos crimes de lesa pátrias e anti-democráticos que haviam praticados, como tentar entregar o país, para o comunismo soviético, o que haveria de nos haver atolado na mais profunda miséria. Exemplos não faltam.

A TARTARUGA

Agora, estão novamente querendo um retrocesso. Sabem o por quê? Simplesmente, porque, igual a uma tartaruga que subiu no poste, ninguém sabe como, mas subiu. Realmente eles chegaram ao poder, mas não sabem administrar, não tem projeto político, estão afundando o país na mais tenebrosa crise econômica que esse país já começa a vislumbrar.

A SAÍDA VERGONHOSA

A saída é criar clima de conflito entre os Poderes Constituídos, dando azo para que as Forças Armadas retornem ao poder, para conciliar o clima de conflito institucional, aí eles se retiram do poder, como VÍTIMAS. Já fizeram os seus papéis de destruidores da Nação, e agora vão conferir e viver nababescamente o fruto dos seus malfeitos. Todos devidamente anistiados, indenizados e pensionistas da viúva, para o resto dos seus imundos dias.

AS VÍTIMAS?

Ora, …

CARDEAL FRED MONTEIRO – RECIFE-PE

Amigo Berto:

Sensibilizado com o show de ética dado hoje pelo (natânicamente falando) “herói do araguaia”, estou trazendo à consideração da nossa Egrégora Fubânica esse motezinho subversivo que só a gota serena, dedicado ao irmão do Homem da Cueca de Ouro.

Lá vai tempo:

O PT chegou com cara
de quem era puritano
um partido soberano
na Brasil, uma coisa rara
é quando Lula declara
” Vou roubar esses morenos !
pois prejuízos pequenos
é coisa que não se faz “
Lula só não rouba mais
porque tem um dedo a menos

Um presidente manhoso
politiqueiro escolado
com cara de vitimado
que fez pauta com o Tinhoso
e feliz, todo ditoso,
destilou os seus venenos
pilhou qual mil sarracenos
nos tirando toda a paz
Lula só não rouba mais
porque tem um dedo a menos

Vamos nessa, poetas fubânicos!

ARISTEU BEZERRA – RECIFE-PE

Corajoso Luís Berto,

Tomo a liberdade de enviar-lhe esta adaptação de um poema popular do início do século passado porque não gosto de política, entretanto como a falta de ética está, infelizmente, predominando a gente tem mais que é se revoltar e aprender a votar!

“Há certas coisas na vida 
Que, se dando, é raridade: 
Menino não querer leite, 
Soldado ter castidade, 
Rapariga sem enfeite, 
Gente sonsa sem maldade, 
Lula e todos os petistas 
Lutarem pela honestidade
Pois o que o PT merece:
É prisão cheia de grade
E para dar o toque final
Que seja pela eternidade!

(Adaptação de um poema de Romano da Mãe D’água)

Saudações do admirador de um cabra macho que não tem medo de patrulamento ideológico.

R. Meu caro, repita várias vezes que eu sou corajoso que o povo vai acabar acreditando nisso.

Até um medroso feito eu…

HENRIQUE MELLO – TERESINA-PI

Berto
 
Se voces conhecerem uma poesia do Ze Limeira que fala do “peido que a nega deu” manda pra mim ou me informa onde acho.

R. Até o tanto que sei, esta poesia não é de Zé Limeira.

Na verdade, trata-se de um mote chulo, de gracejo, uma das safadezas tão comuns na poesia popular nordestina e que diz assim:

“O peido que a nêga deu
Quase não passa no cu”

Muito gente glosou o tema, mas o trabalho mais difundido e famoso é o de  Otacílio Batista, que começa assim:

A nêga tinha comido
Da panela de um cigano
Pimenta, sebo e tutano
Cebola e peba dormido
Foi tão grande o estampido
Que se ouviu no Pajeú
Toda praga de urubu
Da caixa prego desceu
O peido que a nêga deu
Quase não passa no cu

A poesia completa foi publicada aqui no JBF em janeiro de 2009, na coluna “Repentes, Motes e Glosas“, assinada pelo Cardeal Pedro Malta. Para ler, basta clicar aqui.

De quebra, ao entrar na coluna de Malta, você vai ganhar de brinde outro poema de Otacílio, um especialista em peido, cujo tema é o seguinte:

O valor que o peido tem

Boa leitura!

JOSÉ DE OLIVEIRA RAMOS – SÃO LUÍS-MA

Papa Berto I e Único:

Queremos iniciar este novo ano dando um enfoque mais crítico às nossas participações neste JBF mas, com muita força no mundo da pesquisa. Situações e coisas (e objetos) desconhecidas deste nosso mundo real. A lapa de Demagogo Apunhalado, certamente, não ficará de fora jamais.

Assim, peço a ajuda do mundo fubânico para ajudar a desvencilhar e enriquecer as pesquisas da esculhambação e da sacanagem, identificando o que segue:

Na foto 1 – O Bebê de Rosemary está entornando uma bicada e depois vai assinar umas medidas provisórias ou simplesmente está comemorando o sucesso da fase de operação do mensalão? E veja, não lembrou nem do “santo”!

Na foto 2 – Seria essa a “agência” da empresa de sanduíches, na terra santa de Palmares?

Na foto 3 – Quem diabo é isso? Um cruzamento de cobra sucuri com tamanduá? É isso?

Premiação – Aquele que ajudar a esclarecer, ganha um bom lugar na primeira fila para aplaudir (e puxar o saco) de Sarney, no dia da despedida dele da politicagem. Pode ganhar, ainda, evidentemente se acertar, uma boa talagada de “Providência” do Apunhalado – se ele deixar sobrar alguma coisa na garrafa. Vamos à luta que 2013 começa quente!

 

Óie, óie, chega drome!!!!! E mandou dizê qui tava era nim reunião!

 

Vosmicês pricisavam era lê o qui tava inscrito no toldo. Eu enrolei, claro!

 

Esse bichim aí é o resultado da transa dum tamanduá com uma cobra!

BISPO LÉO MEDEIROS – CUIABÁ-MT

Papa Berto

veja só que coisa mais linda

JOSÉ CAETANO FREGAPANE – RECIFE-PE

Meu amigo Berto,
  
ARRETOUSSE !!

Sanfoneiro de Exú cantando “New York, New York” para salvar a vida.

Ouça a pronúncia em sabe Deus que língua é essa e Dominguinhos embolando de rir.


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa