20 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
COM MAIS UMA DÉCADA, CHEGARÍAMOS AOS CEM ANOS DE CADEIA

O juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelos processos da Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, condenou nesta terça-feira o ex-governador do Rio Sérgio Cabral a quinze anos de prisão pelos crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Com a nova sentença, a quarta em processos da Lava Jato, Cabral acumula penas de 87 anos e quatro meses de prisão.

* * *

Quase nove décadas de cadeia: 87 anos.

Como diria um tabacudinho petralha, isto é perseguição ilegal.

O fato é que 87 é um lindo número ímpar. E que, no jogo do bicho, corresponde ao Tigre.

Já a pena de Lula, 9 anos, corresponde ao Burro.

O Tigre atacou e dilapidou sem pena o Rio de Janeiro. E o Burro deu coices e cagou em cima de todo o território brasileiro.

Entre a pena de Cabral, que corresponde a 1.048 meses de cadeia, e a pena de Lula, que dá um total de apenas 114 meses, existe uma relação de 9,19.

O ideal é que está relação fosse apenas 1, ou seja, que ambos recebessem a mesma pena de 1048 meses.

87 anos e quatro meses cagando de coca no boi da prisão.

Haja merda!!!

Cabral ainda é réu em outros treze processos.

Treze é um número arretado. Uma dezena que é igual aos dois algarismos do PT, aquele partido que é de propriedade de Lula, o acoitador e defensar de Cabral.

Sem a decisiva participação de Lula, Cabral não teria sido eleito governador, com a finalidade única e exclusiva de roubar o estado e fuder a vida da população.

Lula e Cabral, uma parelha da porra.

Uma dupla pra arrombar a tabaca de Xolinha!!!

20 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
A FILA TÁ ANDANDO…

O ministro Edson Fachin manteve decisão da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal, que condenou o deputado federal Paulo Maluf a sete anos, nove meses e dez dias de prisão, em regime inicial fechado, por lavagem de dinheiro.

O ministro rejeitou o recurso da defesa por considerá-lo meramente protelatório e determinou o imediato cumprimento da decisão.

* * *

A fila tá andando…

Já, já chega a vez dele, do Larápio Mor.

O argumento de que não se pode prender corrupto só “porque roubaram o povo” não está funcionando.

A jurisprudência firmada por Lula pro Rio de Janeiro, não deu certo pra São Paulo.

Pelo menos pro Ministro Edson Fachin.

Já pra Gilmar Safadão Mendes, a coisa é diferente.

“Eita porra! O cumpanhero Maluf tomô no cu. Será que vão butá no meu tombém?”

19 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
BOCA-DE-BUCETA FAZ O ATAQUE DO DIA

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, proferiu nesta terça-feira (19) decisão liminar (provisória) proibindo, em todo o país, a realização de conduções coercitivas para interrogar investigados.

O ministro considerou que esse procedimento é inconstitucional.

Ministro é o relator de duas ações que questionavam a condução coercitiva, uma delas proposta pelo PT.

* * *

Este cabra safado, envergonhador da justiça, conseguiu novamente o que mais adora: ser manchete do noticiário.

Só mesmo em Banânia seria possível um babaca deste porte ter a bunda numa cadeira do órgão máximo do Poder Judiciário.

Se a ação foi proposta pelo PT, é lógico, claro e evidente que a decisão favorável de Gilmar foi uma merda. Não se esqueçam que a condução coercitiva foi amplamente empregada na Lava Jato, com muita eficácia, pra desmascarar e acuar ratos de todos os calibres.

Daí então, o ódio da petralhada.

Mais uma canetada bostífera de Gilmar Boca-de-Buceta, o Soltador de Ladrões.

Mais uma ação visando acobertar corruptos e guabirus.

Todavia, aguardemos: a decisão é provisória.

O plenário do Antro Supremo ainda vai analisar a canetada do safado.

“Ótimo. Excelente. Saí de novo no Jornal da Besta Fubana. Ganhei o dia”

19 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
ODEBRECHT E O PARAÍSO

J.R.Guzzo

O empresário Marcelo Odebrecht, comandante da maior empreiteira de obras públicas que este país já viu, sai da cadeia para entrar na história, após dois anos e meio de prisão fechada. Não será mais possível, daqui para diante, escrever qualquer obra séria sobre a História do Brasil sem colocar seu nome e seus feitos em destaque, na descrição dos acontecimentos tenebrosos que atormentaram o país nas duas primeiras décadas do século XXI. Ele sai do xadrez como o símbolo mais bem acabado do que foram os dois mandatos do ex-presidente Lula no Palácio do Planalto e o mandato e meio da sucessora que inventou para o seu lugar.

Marcelo Odebrecht, e toda a multidão de gente como ele que foi parar numa cela do sistema penitenciário nacional por prática de corrupção, são mais que o grande símbolo do lulismo no poder. São o próprio retrato da vida real dentro do governo, como ela foi efetivamente vivida na prática, da ascensão de Lula em 2003 ao naufrágio de Dilma Rousseff em 2016. Deixe-se de lado a propaganda sobre Bolsa Família, transposição do Rio São Francisco e “ascensão social” dos pobres para a classe média.

A cara do período Lula-Dilma, a cara verdadeira de seus dois governos, é a das grandes empreiteiras de obras a quem ambos serviram – como serviam a outros empresários imensos e dúbios (uns, inclusive, continuam na cadeia), a fornecedores do governo, a operadores de fundos alimentados por dinheiro público e por aí afora. Esses são os fatos. É com eles que a história vai ficar.

Marcelo Odebrecht vai agora para a segunda fase da sua pena – mais dois anos e meio trancado, desta vez dentro de sua própria casa em São Paulo e vigiado por uma tornozeleira. No começo haverá o alívio natural de sair da cadeia pública. Depois de uns dias o preso acostuma-se com o conforto – que, aliás, nada mais é do que o padrão normal que desfrutou durante toda a vida – e sua residência transforma-se numa prisão como a outra. Continuará faltando, ali, o mais importante de tudo – a liberdade.

Não se sabe ainda com mais clareza o que o grande barão dos governos do PT fará de concreto no futuro próximo. O que é certo, sem dúvida, é que o mundo do qual ele fez parte até agora espera, rezando, por uma volta aos tempos de ouro recém interrompidos. É difícil, na prática, que as coisas saiam exatamente como querem – mas os discursos de Lula ameaçando jogar o Brasil no caos, os institutos de pesquisas eleitorais, os ministros do Supremo Tribunal Federal e o restante da água turva que rola por aí fazem todo esse ecossistema sonhar com a volta do paraíso que existiu no país durante quase catorze anos.

É o mundo de maravilhas dos “projetos estruturantes” que custam bilhões, dos cofres abertos do BNDES, da Petrobras privatizada de novo em favor dos que mandam no governo e de mais 1001 coisas que criam fortunas rápidas, fáceis e que começam em dez dígitos. O grito, aí, é: “Volta, Lula”.

19 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
PUXANDO PELO “S”

Denunciado pelo Ministério Público por lavagem de dinheiro no caso do sítio de Atibaia, o ex-presidente Lula voltou a ter problemas com outra propriedade rural.

A prefeitura de São Bernardo do Campo multou o petista em R$ 43 mil e embargou a construção de uma casa de 380 m² num terreno dele vizinho ao sítio Los Fubangos, imóvel que também pertence ao ex-presidente.

Os fiscais constataram irregularidades ambientais. Lula recorreu da decisão, no último dia 11, ao TJ de São Paulo, que ainda não se manifestou. A obra está paralisada.

A área onde a casa está sendo construída tem 20,5 mil m², foi comprada por Lula em 2016 por R$ 545 mil, quando o sítio em Atibaia já havia sido descoberto pela Lava Jato.

O Los Fubangos foi adquirido por Lula na década de 1990.

* * *

Sítio, severgonheza, sacanagem, safadeza.

É tudo pela letra “s”.

São entidades que estão sempre associadas ao ex-presidente Lapa de Sonso.

Lula erradicando a fome no seu pobre sítio

19 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
SERÁ?

O celular pode ser a ferramenta para resolver um problema crônico do país, a desigualdade no acesso à internet.

Apesar dos avanços registrados nos últimos anos, 25 milhões de lares no país ainda estavam desconectados no ano passado. Isso representa 36% do total de 69,2 milhões de domicílios no país.

As diferenças são visíveis entre as regiões do país. Enquanto 71,7% das casas do Sudeste estão ligadas à web, a parcela de domicílios com algum tipo de conexão no Nordeste ainda está em 50,1%. O estado menos conectado do país é o Maranhão, com um percentual de apenas 40,8%.

Não é coincidência que Lula seja líder de intenções de voto no Nordeste.

Entre os entrevistados que não acessam a internet, 44% disseram que votariam no petista.

A inclusão digital não interessa ao PT, porque acaba com o filtro de informações exercido pelos militantes do partido nos meios locais de comunicação.

* * *

Curiosa esta informação…

Ceguinho Teimoso tem celular, tem internet e vive conectado.

E, mesmo assim, vota em Lula e no PT.

Será que é porque é cego?

Será?

18 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
SINTOMAS DE PSICOSE

J.R. Guzzo

O ex-presidente Lula vai acabando mal este 2017, o ano em que foi condenado a nove anos e meio de cadeia por corrupção e, com isso, sofreu o pior desastre de toda a sua carreira política. A imagem que deixa aos olhos de todos é a de um rosto irado, chamando o Brasil para a briga a cada vez que abre a boca, numa gritaria permanente contra as leis do país, insultos ao sistema de justiça que o deixou nu e ameaças de se vingar de todos os inimigos imaginários que cria, o tempo todo, para explicar a si mesmo por que despencou de tão alto para tão baixo. Nunca lhe passa ela cabeça que o seu principal inimigo foi ele mesmo, e que seu engano fatal foi deixar-se cegar pela soberba – tomou, sozinho, todas as decisões políticas que arrasaram a sua vida e decidiu, também sozinho, que era um ser divino incapaz de errar.

Lula chegou, agora, a essa caricatura que todo mundo está podendo ver: uma espécie de Mussolini meia-boca, que deixaram solto depois que caiu do governo, tentando chamar de volta as multidões para transformá-lo de novo num homem poderoso e dar-lhe a posição de condutor vitalício do povo brasileiro. Mas a sua demagogia está aguada, muito distante da flama manejada com tanta destreza pelo modelo original. É um Mussolini sem as promessas de um grande futuro e sem a massa lotando as praças. O que diz já foi dito, o que promete é incompreensível (se vai fazer, porque já não fez nos quase catorze anos em que mandou no país?), e a sua praça só tem as camisetas com o vermelho cansado do PT. Virou, pelo visto em suas últimas aparições, um beato que continua anunciando o fim do mundo, ficou repetitivo e está em mau estado de conservação.

Toda a aposta de Lula e seu partido, hoje, se resume numa coisa só: uma virada de mesa, feita pelos poderosos que tanto criticam e com os quais se entendem tão bem, que lhe forneça algum tipo de anistia e lhe permita esconder-se num “foro privilegiado” qualquer. A partir daí, é contar com os institutos de pesquisa e jogar na chance de que a ignorância, a inconsciência e a desinformação continuem influindo nas decisões da maioria do eleitorado. Aí vai valer tudo. As mentiras que Lula tem usado, e que já estão num nível próximo à alucinação, prometem deixar para trás, a cada dia que passar, qualquer volume já anotado na história política do Brasil. Talvez já nem possam mais ser descritas como mentiras. Lula, ultimamente, parece estar regredindo ao “padrão Dilma” de discurso público, no qual é inútil a tentativa de entender alguma coisa – o que se diz simplesmente não tem pé nem cabeça.

Lula passa de 2017 para 2018 como uma ruína. Ninguém entre os 100% de puxa-sacos que o cercam lhe diz isso, é claro. Ele próprio, por sua conta, obviamente nunca tentará se informar. Em situações assim, é comum os psiquiatras começarem a notar sintomas de psicose. Mas aí quem paga a conta, sempre, é a população em geral – que terá na costas, durante pelo menos mais um ano inteiro, um líder neurótico e seu partido fazendo tudo o que podem para prejudicar o país. É a única maneira que veem para sobreviver – e quem sabe, como diz o filósofo paulista Luís Felipe Pondé, criar um dia por aqui a sua “Ditadura dos Ofendidos”.

18 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
SEM TORNOZELEIRA

Cerca de 30 mil presos vão para casa no “saidão” de Natal e Ano Novo, em São Paulo, e não serão monitorados por tornozeleira eletrônica.

Tem gente abastecendo a despensa para se trancar em casa.

* * *

Condenado a 9 anos e meio de cadeia, Lula continua solto e, como os presos que gozarão o “saidão”, vagueando sem tornozeleira.

Os paulistas tem razão pra ficar com medo.

18 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
UMA SALVA DE ROJÕES PRA QUEM MERECE!!!

O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Carlos Eduardo Thompson Flores, afirmou em resposta à defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que a “celeridade” da Corte no julgamento de recursos criminais “é a regra e não a exceção”.

A Corte marcou para dia 24 de janeiro o julgamento das apelações.

Para a defesa do ex-presidente, o Tribunal foi mais rápido do que o usual, ferindo a imparcialidade do Judiciário.

* * *

Que bom. Que ótimo.

Excelente ! ! !

O fato da celeridade ser a regra, e não a exceção, no tribunal onde Lapa de Corrupto vai ser julgado, é uma notícia excelente pra banda decente de Banânia.

E, se isto faz raiva pros petistas e pro condenado Lula (ainda solto…), a alegria é redobrada entre os cidadãos de bem e os homens de vergonha na cara deste país.

O presidente do TRF-4 merece uma salva de rojões!

Vamos soltar fogos para o Desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores que ele merece!!!

18 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
A DIREÇÃO DA QUADRILHA ASSINA UMA NOTA BOSTÍFERA

O Diretório Nacional do PT aprovou neste sábado, 16, uma resolução política na qual reafirma a defesa da pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Diz que a eventualidade de o petista ser barrado pela Justiça pode levar à “rebeldia popular” e alerta para o risco de “desobediência civil” diante de suposta “arbitrariedade” do Judiciário.

* * *

Arbitrariedade do Judiciário“.

Uma “arbitrariedade” conforme a lei e dentro da Constituição.

É phoda!!!

Só mesmo a direção de uma quadrilha como o PT pra expedir uma nota canalha feito esta, incitando à baderna, eufemisticamente disfarçada na expressão “desobediência civil“.

É pra arrombar a tabaca de Xolinha!

Bando de cabras safados.

E “rebeldia popular“???

Este expressão poderia ser tranquilamente trocada por “bagunça idiotal gratificada com mortadela“.

Os babacas descerebrados que assinaram esta nota, membros da alta cúpula da organização criminosa vermêio-istrelada, merecem ser saudados com uma música à altura da merda que assinaram:

17 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
JÁ SE SABE QUEM É O CULPADO, SEM QUALQUER SOMBRA DE DÚVIDA

O Brasil encerrou o ano de 2016 com 24,8 milhões de brasileiros vivendo com renda inferior a ¼ do salário mínimo por mês, o equivalente a R$ 220.

O resultado representa um aumento de 53% na comparação com 2014, quando teve início a crise econômica no país.

Isso significa que 12,1% da população do país vive na miséria, conforme aponta a Síntese de Indicadores Sociais (SIS) divulgada nesta sexta-feira (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em 2014, o levantamento do IBGE mostrou que havia 16,2 milhões de brasileiros com rendimento mensal abaixo de ¼ do salário mínimo.

Assim, aumentou em 8,6 milhões o número de pessoas com esta faixa de renda em 2 anos.

* * *

Em tão pouco tempo no comando do governo, Michel Temer conseguiu a incrível proeza de produzir este deprimente espetáculo, esta situação miserável para uma grande parcela da população deste país.

Segundo estudos do Instituto Lula e do Diretório Nacional do PT – além de bem fundamentadas apreciações do fubânico Ceguinho Teimoso -, esta situação lamentável é culpa de Temer, que assumiu o governo no dia 31 de agosto de 2016.

Ou seja, ele está no poder há 1 ano e 101 dias até o momento.

E conseguiu causar esta lamentável tragédia em tão pouco tempo, destruindo tudo que os governos petistas fizeram por Banânia.

Os dados, números e estatísticas que Ceguinho Teimoso despeja diariamente nesta gazeta escrota provam que a culpa por esta tragédia é inteiramente de Temer.

Só dele. Unicamente dele.

Nos governos do PT, segundo Ceguinho, os números eram sempre positivos e a população vivia se rindo-se pelos cantos de tanta felicidade.

Quem quiser comprovar esta realidade, é só clicar aqui e ler um comentário postado hoje, domingo, contendo uma torrente de números positivos que o PT legou para esta nação.

Lula precisa voltar em 2018 – e Dilma em 2022 -, para tirar Banânia deste sufoco.

Vejam este vídeo profético, que foi ao ar na campanha do PT em 2002:

17 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
LULA LÁ

Guilherme Fiuza

Luiz Inácio Soltinho da Silva vai enfim se ver com a Justiça. O maior e mais querido ladrão brasileiro será julgado em segunda instância ao raiar de 2018. Confirmada a sua condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, será preso.

Absurdo. Todo mundo sabe que roubar o povo não é pecado se você é coitado profissional, e seus métodos são aprovados por cantores da MPB. Outro dia mesmo, Tiririca subiu à tribuna para fazer seu primeiro e último discurso como deputado – comovendo o Brasil ao declarar sua vergonha dos políticos corruptos e defender Lula. Certas formulações éticas só um palhaço é capaz de fazer.

Até o mosqueteiro Dartagnol Foratemer abandonou seu PowerPoint para catar voto em sarau de subcelebridade petista, que ninguém é de ferro. Aquela floresta de crimes palacianos montados por Lula e Dilma, que levou o país à maior crise de sua história, ficou para trás. A antiga Lava-Jato, que obrigava o jovem investigador a andar atrás dos incontáveis delinquentes do bando, dava um trabalhão – fora ser xingado todo dia de golpista, fascista, androide etc. pelos colegas mais cultos do Tiririca.

Foi só deixar Lula e sua gangue em paz para a histeria virar carinho, nos melhores endereços da Vieira Souto. É a Lava-Jato gourmet – mais prática e limpinha, que você leva para qualquer convescote que o companheiro Molon te chamar. Numa emergência, dá até para fazer justiça pelo Twitter. São as maravilhas da modernidade.

Se a Independência do Brasil foi proclamada no grito, a inocência do filho dele também pode ser. Foi assim que Lula apareceu semana passada na porta do Comperj para um comício em defesa da Petrobras, aquela que ele estuprou. Para quem não está ligando o nome à pessoa (se há algo inteiramente fora de moda é ligar nomes a pessoas, e a seus respectivos crimes), Comperj é o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, um dos centros da roubalheira petista descobertos pela operação Lava-Jato (na versão velha, que dava um trabalhão e era coisa de golpista).

A desinibição dessa alma honesta é mais do que compreensível. Se você estupra a Petrobras e continua sendo mimado por supostos expoentes da cultura nacional (e por boa parte da opinião pública), você é no mínimo um bom selvagem. Vai fundo, companheiro. Como diria Maluf, estupra mas não mata. E se por acaso matar, como você matou o futuro de pelo menos uma geração com seu assalto sem precedentes aos cofres públicos, pede desculpas pelo mau jeito, como você fez no mensalão, e vai em frente sem perder a ternura.

Como prender um homem desses? O Brasil não pode tolerar tal nível de perseguição contra esse mito da fofura selvagem, esse bibelô da esquerda imaginária, que rouba dos pobres para dar aos defensores dos pobres.

O que será da lenda progressista? E os shows heroicos em defesa dos movimentos revolucionários de aluguel? O que vão fazer da vida essas simpáticas almas penadas e seu desbunde de resultados? Logo agora, com os cafetões da bondade no auge, emplacando qualquer lixo que se pareça com defesa de minoria oprimida, vocês querem prender o papa da alta prostituição ideológica?

Não passarão! A revolta já foi marcada por José Dirceu – solto, podre de rico e sambando no pé – para o dia 24 de janeiro. O fabuloso caixa da revolução, montado ao longo de 13 anos com o suor do seu rosto, caro leitor, será derramado na já lendária resistência democrática da porrada. Os bravos candidatos ao Prêmio Joesley de Jornalismo divulgarão lindas imagens de pneus em chamas noticiando as “manifestações contra a prisão de um líder popular”. Mandela sumirá na poeira da História, Jesus Cristo talvez se mantenha numa nota de rodapé.

Enquanto isso, nas Minas Gerais do companheiro Fernando Pimentel, a Polícia Federal investiga o sumiço de alguns milhões de reais no Memorial da Anistia. Eles vão lutar contra a ditadura do século passado até o último centavo do contribuinte.

Infelizmente, o golpe de Janot com Fachin e os açougueiros biônicos falhou, e a gangue não pôde voltar a ordenhar o Tesouro Nacional. Mas dinheiro não é problema. Só a provisão para os advogados milionários das dezenas de réus da quadrilha – mais o laranjal regado pelo BNDES por mais de década – daria para tapar boa parte do rombo da Previdência. Se há um Brasil onde ninguém sofrerá por causa de aposentadoria, é o do Partido dos Trabalhadores que não trabalham.

O problema é que o resto do país está melhorando após a descupinização do Estado, com a menor taxa de juros em 30 anos, inflação em queda e PIB em recuperação. Isso é grave. Se continuar assim, o que os simpáticos palhaços da lenda irão recitar em suas turnês folclóricas? Abaixo Papai Noel? Fora Tender?

Lula está fazendo a sua parte, semeando com o talento de sempre o mau agouro e o ressentimento numa campanha presidencial fictícia. Ele inclusive anunciou que vai regular a comunicação. Faz muito bem. Carcereiro não gosta de papo furado.

17 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
CENA PARLAMENTAR BANÂNICA

O deputado Caio Narcio (PSDB-MG) chegou ofegante na noite da última quarta-feira (13) ao plenário da Comissão de Educação da Câmara, da qual é presidente, e aprovou em pouco mais de um minuto um polêmico projeto sobre a autorização de cursos à distância na área de saúde.

Sem nenhum deputado no plenário da comissão, Narcio sentou-se à mesa ao lado de uma secretária e de outro deputado.

Respirando com dificuldade devido ao cansaço de quem chegou correndo, ele anunciou: “Em discussão. Não havendo quem queira discutir, aqueles que o aprovam permaneçam como se acham. Aprovado”.

Imediatamente após a deliberação, o deputado suspira e afirma: “Nada mais havendo a tratar, agradeço a presença de todos, convoco reunião deliberativa no dia 20 de dezembro, quarta-feira, às 10h, para tratar dos itens de pauta. Está encerrada esta sessão”.

Vejam no vídeo:

* * *

Este cabra exerce legitimamente o seu mandado de deputado: foi eleito em pleito democrático e com votação secreta.

Do mesmo jeito que foram eleitos os réus Renan  e Gleisi Hoffmann e os prisioneiros Eduardo Cunha e Sérgio Cabral.

Os que neles votaram não o fizeram coagidos.

Não se esqueçam-se vos: Collor foi eleito para a presidência da república com uma quantidade consagradora de votos, em pleito democrático e livre.

Lula foi eleito e, em seguida, reeleito.

Dilma foi eleita e, em seguida, reeleita.

Enfim, o eleitorado banânico é o retrato cagado e cuspido dos canalhas que elege.

17 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
PERSEGUIÇÃO LATRINO AMERICANA

Deputados do Peru apresentaram uma moção para iniciar o processo de impeachment do presidente Pedro Pablo Kuczynski por “permanente incapacidade moral”, por ter mentido sobre seus vínculos com a empreiteira brasileira Odebrecht..

Durante uma sessão especial, membros do Congresso deram aval para o processo continuar.

Kuczynski é proprietário de empresas de consultoria que receberam pagamentos ilícitos da empreiteira brasileira, em troca de favorecimentos para licitações no Peru.

A própria Odebrecht revelou que pagou, há mais de uma década, cerca de US$ 4,8 milhões a duas empresas de assessoria vinculadas ao presidente.

* * *

Ouvido pela reportagem do JBF, Lula declarou que o impeachment do presidente peruano é gorpi.

Que esta história de “vínculo com a Odebrecht” é besteira, pois ele mesmo Lula, fazia palestras pra Odebrecht a troco de cachês milionários e nunca teve vínculo algum com a empresa.

“Perguntem pro Ceguinho Teimoso que ele vai confirmar”, completou Lula.

O ex-presidente garantiu que esta putaria do parlamento peruano não passa de perseguição contra uma empresa que produz, trabalha e dá empregos.

Uma perseguição que encontra apoio na grande mídia reacionária e gorpista, afirmou Lula.

Por fim, não se deve impichar ou prender um governante “só porque ele roubou“, completou Lula.

“Fique tranquilis cumpanhero operaro: num vamo deixá as zelites darem gorpi na Odebrexa”

16 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
LIGAÇÕES PERIGOSAS

16 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
EM BANÂNIA, A PUTARIA CORRUPCIONAL CHEGA AO ÓRGÃO MÁXIMO DA JUSTIÇA

O acordo da JBS para patrocinar o Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), de propriedade do ministro Gilmar Mendes – foram 7,5 milhões de reais entre 2008 e 2016 -, foi tratado por Francisco de Assis e Silva, advogado e diretor jurídico do grupo comandado pelos irmãos Joesley e Wesley Batista.

Uma companhia do porte da JBS tem dezenas de especialistas em marketing e conta com as maiores agências de publicidade para oferecer consultoria.

O patrocínio ao IDP, porém, foi tratado por Assis, e, sabe-se lá por quais razões, o assunto era considerado “confidencial”.

O contrato com a JBS foi assinado em 2015. Em mensagem de novembro daquele ano, Francisco de Assis recomenda ao seu departamento financeiro que “trate confidencialmente dos valores” acertados com o IDP.

* * *

Esta sigla da arapuca pixulequeira criada por Gilmar, IDP, me trouxe à memória outra sigla interessante, o FDP.

Segundo o JBF apurou, Gilmar – aquele ministro corrupto mais conhecido como Boca-de-Buceta -, vai se reunir com Lula e com “técnicos” do Instituto Lula para redigir um documento dizendo que não sabia de nada e que tudo isto não passa de perseguição da grande mídia reacionária.

E o fubânico Ceguinho Teimoso vai ajudar na redação do documento.

“Fica tranquilis, cumpanhero Gilmá; essa nóis tira de letra”

16 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
UM EXEMPLO QUE DEVE SER SEGUIDO

O ex-governador do Rio Anthony Garotinho enviou carta à direção do presídio Bangu 8, onde está preso desde novembro, para anunciar que está em greve de fome.

Garotinho diz que está sendo vítima de injustiça e, por isso, partiu para o ato extremo.

* * *

Desejo que Garotinho se mantenha firme na sua greve e que mostre raça: vá até o final.

Sabedor de sua integridade de caráter e da fama de que sempre concretiza suas promessas, tenho certeza que ele não irá fraquejar.

Que Garotinho morra heroicamente por inanição, como exemplo e sugestão pra todo político que está preso!

E também como exemplo pros que ainda serão engaiolados a partir do mês que vem…

Promessa de mentiroso: “Cumpanhero Garotim, vá até o fim. Vá que dispois eu vô”

15 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
É GORPI, É PERSEGUIÇÃO

O juiz federal Vallisney de Souza Oliveira marcou nesta quarta-feira a data do interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no processo aberto contra ele e outras três pessoas a partir da Operação Zelotes. Lula será ouvido na Justiça Federal do Distrito Federal no dia 20 de fevereiro de 2018, às 10h.

Nesta ação, o petista é réu pelos crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa nas negociações que levaram à compra de 36 caças Gripen pelo governo brasileiro, por 5,4 bilhões de dólares, em 2014, e à prorrogação de incentivos fiscais destinados a montadoras de veículos por meio da Medida Provisória 627.

Além de Lula, serão interrogados o filho do petista, Luís Cláudio Lula da Silva, e o casal de lobistas Mauro Marcondes e Cristina Mautoni, os três também réus.

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal, a atuação do petista teria rendido a Luís Cláudio 2,5 milhões de reais, pagos pelo escritório Marcondes & Mautoni.

* * *

Já não bastava o Dr. Moro, agora aparece outro juiz querendo aparecer às custas de Lula.

É uma injustiça processar e prender quem roubou, segundo afirma o próprio Lula.

É gorpi, é perseguição, é inveja!

Agora, aqui entre nós, o que acho arretado mesmo é a lista de itens que, a cada dia, são acrescentados ao prontuário de Lula: tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

É de dar orgulho a qualquer filho trambiqueiro.

15 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
ISTO É GORPI

A Justiça dos Estados Unidos condenou nesta quinta-feira dois sobrinhos do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, a 18 anos de prisão por tráfico de drogas.

A sentença contra eles, que já estão detidos no país desde o fim de 2015, foi anunciada em audiência em um tribunal federal de Nova York.

Os dois venezuelanos tinham sido declarados culpados em 18 de novembro de 2016 por conspirar para importar e distribuir 800 quilos de cocaína nos Estados Unidos.

* * *

Isto é gorpi dos Zistados Zunidos em cima da Venezuela.

Uma solerte tentativa de manchar a imagem do impoluto Maduro.

É inconcebível que os sobrinhos de um revolucionário bolivariano sejam traficantes de drogas.

Nunca, nunca, nunca.

Enquanto lá no norte os tribunais enfiam a pica, aqui em Banânia sobrinhos e filhos de ex-presidentes aguardam na fila…

15 dezembro 2017 DEU NO JORNAL

     
BENÉFICA E SALUTAR “EXORBITÂNCIA”

A Polícia Federal pediu ao juiz Sergio Moro 45 dias para a conclusão da perícia de novos HDs da Odebrecht, onde estão armazenados dados dos sistemas eletrônicos Drousys e MyWebDay.

A Lava-Jato recebeu de autoridades suíças mais dois discos rígidos e um pendrive com cópia dos dados do sistema, usado pela empreiteira para pagar propina a políticos.

A defesa do ex-presidente Lula tentou impedir a análise, sob a alegação de que seria prova nova.

Moro negou o pedido.

* * *

É por isso que o fubânico luleiro Ceguinho Teimoso escreveu aqui no JBF que “O juiz Sérgio Moro exorbita ao fazer o papel de justiceiro.

Na República Federativa de Banânia existem cegos para os quais seguir a lei à risca, se basear na Constituição, punir culpadas e combater tenazmente a corrupção é mesmo “exorbitar e fazer papel de justiceiro“…

E vamos fechar a postagem com um toque de humor, transcrevendo outra frase do Ceguinho, expressando sua opinião sobre uma das entidades mais sérias e respeitáveis da atualidade neste nosso país:

“O Ministério Público é verde, imaturo e apaixonado”.

Isto é pra gente se mijar-se de tanto se rir-se.


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa