17 novembro 2008 DEU NO JORNAL

ASSESSOR CIENTÍFICO DE GRANDE QI (QUEM INDICA)

O Governo cubano criará o Centro de Estudos Avançados de Cuba (Ceac), destinado ao estudo das nanociências e da nanotecnologia, anunciou Fidel Castro Díaz-Balart, filho do ex-presidente cubano Fidel Castro.

* * *

A capitania hereditária cubana também é boa no nepotismo. Este filho do interminável Fidel é ocupante de um cargo público, o de assessor científico do Conselho de Estado de Cuba.

17 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

VÂNIA ETELVINA DA SILVA – OLINDA-PE

Sr. Arlindo e seu forró pedem socorro!!!!!

Sexta-feira passada, dia 14/11/2008, saiu uma matéria no Jornal Diário de Pernambuco, onde tivemos a tristeza em saber que o Forró da Casa do Arlindo dos 8 Baixos, hoje chamado de Espaço Cultural Forró do Arlindo, irá realizar pela ultima vez, seu tão alegre e festejado forró no dia 16 deste mesmo mês.

Por motivos financeiros e também de saúde, Sr. Arlindo não poderá mais manter a tão animada festa, que nos encanta aos Domingos, onde o mesmo nos recebe com alegria e festa junto com sua esposa Da. Odete e toda sua família.

Lá podemos dançar, brincar, nos divertir de verdade, curtindo o verdadeiro forró pé de serra.

O ambiente é familiar e agrada a todos, mas por um descaso de nossos governantes que depois de incluí-lo no projeto Turismo no Bairro, vez uma reforma, mas não deu e nem dá nenhum suporte, para ajudá-lo a manter funcionando, sem contar com a lei seca que afastou seus habituais freqüentadores.

Temos que reagir e fazer alguma coisa, pois o Sr. Arlindo e seu Forró, são patrimônio cultural de nossa cidade, é um absurdo que estejamos de braços cruzados sem fazer nada, para manter esta história viva.

É preciso união de todos e apoio de nosso Excelentíssimo Prefeito, para ajudarmos neste momento de crise.

Peço também a atenção dos cantadores e forrozeiros de renome de nosso estado, como Maciel Melo, Nadia Maia, Irá Caldeira, Petrúcio Amorim, Cristina Amaral, Santana o Cantador, Jorge de Altinho, Nando Cordel e tantos outros, para abraçarem seu irmão Sr. Arlindo, e nos ajudar a manter viva esta chama que deve permanecer para sempre acesa.

Sou uma carioca que adotou Pernambuco como seu estado de coração, freqüento a casa de Sr. Arlindo e Da. Odete, junto com meu esposo, filhos e amigos, e por esta razão não posso ficar calada, vendo esta situação, que pode ser resolvida com a ajuda de todos.

Vamos fazer a nossa parte, pois, mais do que nunca Sr. Arlindo e sua família precisam de todo o apoio.

Espero contar com a consciência de todos vocês, para colocarmos as mãos na massa e revertermos este triste quadro.

Atenciosamente.

R. Desnecessário dizer da grande tristeza que sinto perante esta situação. Arlindo é um patrômonio vivo da cultura recifense, pernambucana e da Nação Nordestina.

Já relei muito bucho no Forró do Arlindo, em Dois Unidos, nos finais de tarde de domingo, e sempre achei arretada aquela idéia que ele teve de transformar o quintal da própria casa num espaço onde pudesse, simultaneamente, mostrar sua arte e ganhar a vida decentemente com o apurado dos forrós e espetáculos.

Você, como boa carioca, deve saber que no ano passado a prefeitura do Recife injetou 3 milhões de reais numa escola de samba do Rio de Janeiro. Eu estava aqui pensando se não seria o caso da Prefeitura do Rio de Janeiro injetar 3 milhões no Forró de Arlindo pra agradecer a gentileza que o nosso alcaide fez com a cultura carioca.

Quem quiser entrar em contato com a leitora Vânia para trocar idéias sobre o que fazer pra salvar o Forró de Arlindo, pode ligar para este número: (81)-8617-1907

Arlindo dos 8 Baixos: um cego que tem mais visão que muita “otoridade da curtura”

17 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

UM PESADELO ACORDADO

Eu estava cumprindo minhas obrigações de pai-babá, meditando sobre quanta bunda bonita existe neste mundo de Deus e botando sentido no Papinha João enquanto ele vadiava na área de lazer do prédio.

Ele brincava com uma bola e, de repente, me passou pela cabeça um pensamento angustiante. Era como se fosse um sonho mas que, afinal, eu poderia muito bem definir como sendo um pesadelo.

Eu imaginei que ele, o Papinha, pudesse vir um dia a ser jogador profissional de futebol e, nesta profissão, tivesse que dar entrevistas às rádios e televisões…

Puta merda!

Chega suei frio.

Entrevista de jogador de futebol só perde em quantidade de merda e de chavões para os pronunciamentos do Presidente da República.

Não existe, neste país gigantesco, uma coisa mais idiota, mais burra, mais repetitiva, mais tabacuda e mais primária do que uma entrevista de um jogador profissional de futebol.

E eu fiquei pensando que minha missão de pai sonhador, ansiando por uma sólida formação educacional pro seu herdeiro, cheia de leituras e de lições de vida, iria todinha pro ralo se o papinha resolvesse jogar futebol e tivesse que dar entrevistas iguais às que eu escuto atualmente…

Mas, enfim, dos males o menor. Pior seria se ele resolvesse ser torneiro mecânico, sindicalista…. etc… etc… etc…

nbll.jpg

lbb.jpg

Papinha João: que seu contato com a bola seja sempre amador e recreativo por toda a vida

17 novembro 2008 DEU NO JORNAL

CONTANDO COM A IMPUNIDADE

A Justiça termina de ouvir neste mês os depoimentos das 41 testemunhas de acusação do escândalo do mensalão. Avanço? Nem tanto. O relator do caso, o ministro do STF Joaquim Barbosa, anda muito preocupado. Motivo: se foram ouvidas somente 41 pessoas desde julho, imagine quando começarem os depoimentos das 641 testemunhas de defesa, a partir de dezembro. Pela média de tempo até agora, seriam mais seis anos. O pior está por vir. Com tantas testemunhas de defesa, vão ficar ainda mais eficientes as tradicionais estratégias dos advogados de fornecer endereços errados para atrasar o processo. O plano original de Barbosa de julgar os 39 acusados em 2011 fatalmente será adiado.

* * *

O mensalão, arquitetado e posto em prática por Zé Dirceu e o Presidente Lula, é obra única na história política brasileira e tem a marca registrada da atuação petralha no exercício do poder. Uma fruta que, como a jaboticaba, só existe no Bananão.

Lapa de Asno pode dormir tranquilo (como sempre dormiu, afinal), pois nem tão cedo o julgamente da canalha que vendia votos em troca de uma mensalidade em dinheiro vivo vai ser punida por este crime hediondo.

E pode contar que vai terminar seu mandato com altos índices de aprovação, adorado como um santo pelo abestado povo brasileiro, que não tem nem idéia do que seja mensalão ou de quem é Zé Dirceu.

UM APELO AOS CANTADORES

Eu sou é conservador
Na arte da cantoria.

(Mote enviado pela amiga Clóris Andrade)

*Aos poetas-repentistas.

Nos modernos festivais
Para sair premiado
Precisa ser escolado
Em sistemas digitais,
Em câmbios nacionais,
Entender de mais-valia,
Mas tanta “sabedoria”
Não rima com cantador.
Eu sou é conservador
Na arte da cantoria.

Não cantem sobre “internete”,
“PC”,”chip”, “megabaite”,
“CPU”, “Pen-draive”, “saite”,
“HD”, “mause”, “disquete”.
Porque quem assim compete
(Pode até ganhar um dia),
Mas tira da poesia
O seu mais rico primor.
Eu sou é conservador
Na arte da cantoria.

Cantem os termos do Sertão:
Canga, canzil e fueiro,
Cabeçalho, tamoeiro,
Macambira, cansanção,
Facheiro, rompe-gibão,
Muganga, arenga e avia,
Imbuança e ingresia,
Coquista e aboiador.
Eu sou é conservador
Na arte da cantoria.

Autor: Wellington Vicente.
Porto Velho, 12/11/2008.

17 novembro 2008 DEU NO JORNAL

LÁ TAMBÉM TEM TABACUDO

Uma centena de manifestantes realizou neste sábado um cortejo fúnebre em Washington para declarar “morto” o capitalismo.

* * *

Para decretar a morte do capitalismo, os manifestante gastaram um capital enorme na organização da manifestação.

17 novembro 2008 MARCO DI AURÉLIO


http://www.marcodiaurelio.com/
COMO FAZER UM MENINO

O cristão nascer um dia
com a cara de fuinha
ou foi coisa do capeta
ou foi falta de farinha
apois lá na minha casa
a beleza não se acaba
nem nos filhos da vizinha.

Sou caboclo rezador
pagador bom de promessa
quando vou fazer menino
faço sem a menor pressa
me deito devagarim
e rezo pro meu Padim
pra ser bem bom de conversa.

Cochicho no ouvido dela
e lhe digo bem assim:
feche os ói e veje o céu
tá vendo lá dois anjim?
um é eu, e o outro é tu
tá vendo uma porta azul?
deixe’u entrar de finim.

É assim que meus meninos
nasce tudo bunitim
e quando eu cochicho nela
amostrando os dois anjim
ela vai se amofinando
e assim vou viajando
sem saber da vida o fim.

Quando eu faço gasto tempo
em cada peça do bicho
se tiver comprido, encolho
se tiver curto eu espicho
se tiver faltando parte
eu não abro mão da arte
de fazer só no capricho.

Clique aqui e leia este artigo completo »

17 novembro 2008 DEU NO JORNAL

O MÉTODO DE SEMPRE

Integrantes da CPI dos Grampos notaram arrefecimento na disposição investigativa do presidente da comissão, Marcelo Itagiba (RJ), desde que o nome do deputado passou a freqüentar a lista de peemedebistas que poderiam suceder Tarso Genro (PT) no Ministério da Justiça.

* * *

Quando o governo petralha não compra parlamentares com dinheiro vivo, como no mensalão, compra com promessa de cargos. Ao final, a lama é podre do mesmo jeito.

17 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

DESCRIMINALIZAÇÃO DESCRIMINATÓRIA

moto.jpg

Com o alto crescimento do aumento crescente dos assaltos de moto crescendo, os motociclistas descentes estão reclamando que a sociedade indecente agora os marginaliza a todos como marginais. Afinal, nem todos são criminosos não, gente! Só aqueles que fazem zigs-zags hediondos entre os carros, avançam criminosamente o sinal encarnado e emburacam inafiançavelmente pela contramão sem pagar botar nem a seta.

16 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

UMA HISTÓRIA PALMARENSE

Do livro A Prisão de São Benedito, edição de 1982.

* * *

AS GLOSAS DE SEU ABEL

Lembro-me bem dele subindo a ladeira da Coréia com seu passo miúdo e os olhinhos pregados no chão.

Já velhinho, era uma presença afável e uma conversa mansa. Influente, prestigiado, transmitira aos filhos a energia, a alegria e a vontade de viver.

Dele, quero falar apenas das glosas. Era só a gente dar o mote, que ele criava em cima, escrevendo num papel. A mais famosa foi sobre a prisão de São Benedito, mas outras merecem o mesmo destaque.

Já sentindo os efeitos da idade, ele saiu-se com esta:

Tanta mulher dando sopa
E eu sem colher pra tomar.

Vivia de vento em popa
Mas a atmosfera mudou;
Nem perto delas eu vou
Tanta mulher dando sopa.
Pra quê eu ir lá sem ter roupa?
Se eu for, vou fracassar.
Eu vendo sopa sobrar
Sem tirar o meu quinhão
Todos de colher na mão
E eu sem colher pra tomar.

Clique aqui e leia este artigo completo »

16 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

MARA ASSAF – SÃO PAULO-SP

Duas notícias no mesmo dia: Petrobras tem lucro recorde de 67% em relação a 2007. As ações da Petrobras despencam quase 14% na Bolsa de Valores.

E aí?

A propaganda petista podia ao menos ser mais prudente no momento de soltar seus foguetes.

R. Você fala de um jeito como se uma coisa deste porte fosse incomum na administração petralha.

O tempo da vergonha na cara é apenas um retrato amarelecido na parede.

16 novembro 2008 DEU NO JORNAL

VIADAGEM AMERICANA

Homossexuais e lésbicas de todo os Estados Unidos pediram, neste sábado, ao presidente eleito, Barack Obama, que atue no sentido de liberar o casamente entre casais do mesmo sexo.

* * *

Encaminhei este assunto para Anacleto Reinaldo, o radialista paraibano que tanto sucesso fez no último Boletim Fubânico, distribuído com os leitores cadastrados do JBF. Anacleto é adepto fervoroso do politicamente correto.

Vamos aguardar o seu parecer.

viadagem.jpg

Menina americana: “Eu amo os viados dos meus pais”

16 novembro 2008 DEU NO JORNAL

UM TEXTO DE LEONAM QUIRINO

O NEGO BAMINHA ME DISSE: OH! MY GOD!

Nas minhas andanças por este mundo afora, consegui fazer um grande leque de amizades. São pessoas dos mais variados níveis culturais, cor, raça, classe social e por aí vai.

Dentre esses, recentemente retomei o contato com um em especial, devido ao momento político que ambos estamos vivenciando. O cara a que me refiro é o meu amigo Barack Hussein Obama, Jr. ou simplesmente Nego Baminha, que é como carinhosamente tratado lá em casa.

Pois foi justamente o Nego Baminha que em meio a tantas atividades na corrida presidencial americana, que ainda arrumou tempo para responder a um email que eu havia lhe enviado para dar uma força na sua campanha e também falando sobre nossas eleições municipais.

Pensava eu, que o documento iria servir apenas de informação a respeito de nossa querida Campina Grande “O vale do Silício Brasileiro”, da qual tanto falávamos no quintal lá de casa.

Clique aqui e leia este artigo completo »

16 novembro 2008 DEU NO JORNAL

UM EXEMPLO PARA O RESTO DO PAÍS

O Estado do Rio de Janeiro é o único da federação a apresentar mais vagas do que presos em seus 44 estabelecimentos penais.

Dados de junho deste ano divulgados pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária apontam 1.153 vagas a mais que o número de presos.

* * *

Conclusão imediata: o sistema policial e a política de segurança do Rio são tão eficientes que a criminalidade caiu drasticamente e não existem marginais pra botar nas cadeias.

PERGUNTA NÃO OFENDE

O governo foi infantil. Cometeu tolices, quando afirmou o Brasil estar blindado contra a crise financeira internacional. Falou besteira ao dizer que a economia estava vacinada contra os efeitos maléficos da crise.

Mas, quando sentiu o mundo parando, ao perceber a recessão batendo na porta dos EUA e Europa, brecando o ritmo das vendas e da expansão de crédito, ao sentir que o problema realmente é grave a história mudou. A postura se alterou porque o governo foi obrigado a reconhecer que o desaquecimento também já pintou por aqui. A desacerelação econômica, embora branda, já chegou ao pedaço brasileiro. Não adiantou esconder a verdade.

Agora, nem a fusão no setor bancário garante mais a liberação de recursos, via bancos públicos. Está difícil segurar a evolução da venda de carros e muito menos manter a onda crescente de crédito pessoal porque aquela efervescência que existia, perdeu velocidade. Abrandou. Esfriou. Pelo menos, por enquanto.

Clique aqui e leia este artigo completo »

16 novembro 2008 DEU NO JORNAL

FLAGRANTE DO BRASIL CONTEMPORÂNEO

O procurador-geral de Justiça de São Paulo pediu nesta quinta-feira à 1ª Vara de Fazenda Pública a quebra do sigilo bancário do presidente do Tribunal de Contas do Estado, Eduardo Bittencourt Carvalho.

Reportagem publicada em janeiro, revelou que Bittencourt é investigado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos a pedido de autoridades brasileiras, que buscam informações sobre supostas contas ilegais atribuídas a ele naquele país.

* * *

É foda… Presidente do Tribunal de Contas, o órgão encarregado de fiscalizar as contas públicas e punir ladrões, e o rato é ele mesmo.

Isto é a cara do Brasil de hoje.

eduardob.jpg

Eduardo Bittencourt Carvalho, Presidente do TCE paulista: um guabiru encarregado de fiscalizar ratarias alheias

16 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

SE QUEIXANDO AO DEUS MENINO

A propósito das investidas da Polícia Federal contra o filho Fernando e sua neta, o senador Sarney – que fica furioso quando mexem com os seus -, afirmou ao Presidente Lula numa audiência “Na minha época, quem mandava na Polícia Federal era o presidente”.

Lapa de Asno ouviu quieto e deu o calado por resposta.

Ambos sabem do que falam.

16 novembro 2008 DEU NO JORNAL

SE REVIRANDO NO TÚMULO

O PPS e PSDB começam a discutir uma possibilidade de fusão entre as duas siglas para articularem a sucessão presidencial de 2010. Formada por 15 congressistas na Câmara dos Deputados, o PPS defende a fusão com medo de que o partido enfraqueça e possa vir a sumir.

* * *

Só para refrescar a memória do distinto público: PPS é a nova sigla do legendário PCB, Partido Comunista Brasileiro. Aquele mesmo de Luiz Carlos Prestes e Gregório Bezerra. E de Paulo Cavalcanti aqui em Pernambuco.

Luis Carlos Prestes, o Cavaleiro da Esperança, corre o risco de virar tucano post mortem

16 novembro 2008 MARCO DI AURÉLIO


http://www.marcodiaurelio.com/
HORTÊNSIA

caruaru_087as.jpg

Olhaste-me de frente
e humilhado fiquei
diante de tua força

Calado
ouvi teu riso de pureza
senti teu branco
e me perdi de palavras

E
em silêncio
cego de meu corpo
saí de costas
em reverência a ti
em passos de paz
por ter encontrado
o meu lugar.

DOIS MOTES E UM CORDEL

Moysés Sesyom glosando o mote:

O pé-de-rabo de Ana
Por gosto se pode olhar

Meti-me na carraspana,
Alexandre acompanhou
E comigo analisou
O pé-de-rabo de Ana.
Alguém dirá que é chicana.
Porém em posso provar.
A puta é de arrebatar,
Da Urtiga, eu tiro aquela,
Pois o pé-de-rabo dela,
Por gosto se pode olhar.

* * *

Felipe Júnior glosando o mote

SE PUDESSE EU COMPRAVA A MOCIDADE
NEM QUE FOSSE PAGANDO À PRESTAÇÃO

Meu passado foi bem aproveitado
Tive força, vigor e sensatez…
Eu contava feliz a cada mês
Doze moças que havia namorado.
Hoje em dia ninguém vejo ao meu lado,
Meu futuro ficou sem direção.
Quando vem essa tal recordação
Eu suspiro dizendo com saudade:
“Se pudesse eu comprava a mocidade
Nem que fosse pagando à prestação.

Assisti sorridente a cada cena
Todo o filme da minha juventude,
A beleza se fez minha virtude
Quando tinha ao meu lado Madalena.
No meu peito restou essa safena
Não é musa pra ter no coração,
Porém ter é sinal de obrigação
Se quiser pouco mais longevidade,
Se pudesse eu comprava a mocidade
Nem que fosse pagando à prestação.

Quando moço não quis saber de estudo,
Permiti que o meu tempo fosse vago.
Hoje vejo que o tempo fez estrago…
Tornou nada o meu tempo (ou quase tudo).
Desse tempo o punhal pontiagudo
Fez sangrar sem dar valorização,
Pois quem tinha esse dom jogou no chão,
E eu falei para o tempo: “Majestade,
Se pudesse eu comprava a mocidade
Nem que fosse pagando à prestação.

Clique aqui e leia este artigo completo »

15 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

NOVA ENQUETE

Como este jornal não tem originalidade alguma e copia tudo que vê nas outras publicações, vou repetir aqui uma enquete que vi em outro blog na internet.

É o seguinte:

O buraco de Obama é a economia. E o de Lula?

A economia
A “cumpanheirada”
A mentira
A boca da garrafa
A ignorância
Todas acima

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

POETA DEDÉ MONTEIRO – TABIRA-PE

SEBASTIÃO DIAS – CIDADÃO PERNAMBUCANO

Poetas Amigos,

Nosso papa-jerimum,
Sebastião Dias Filho,
Um repentista incomum
Merecedor de alto brilho!
Neste dia 19,
Nossa Assembléia o promove
Na Casa Zé Mariano.
Está assim no roteiro:
Repentista brasileiro,
Cidadão Pernambucano!

Vamos divulgar e comparecer!!

A honra é também muito nossa!

Relembrando:
19/11/08 – às 18h
Câmara Municipal do Recife
Rua Princesa Isabel, 410 – Boa Vista – Recife-PE

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

SOLIDÔNIO MALAGUETA – RECIFE-PE

Santo Papa,

andei um tanto desaparecido nos últimos dias devido aos contatos insistentes que venho mantendo com a Romênia. Como já expus noutra ocasião, recebi notícias fidedignas de um biólogo da Transilvânia — seu nome é Sacripantu Lupescu — que conseguiu reativar um viveiro das pulgas destruidoras da mais torpe das assombrações: o Lobisomem (voltarei posteriormente ao assunto com mais detalhes).

Porém o que venho aqui hoje tratar é sobre o lobismismo local e as insistentes cobranças do seu clero e leitores sobre meus pareceres especializados.

Como alguns quiseram insinuar, não estou com medo, quem lutou a vida inteira contra essas feras não pode jamais ser covarde. Ameaças de suspeitos e simpatizantes da maldição foram feitas, porem garanto, foram inócuas.

Quanto à avaliação do que foi exposto nesta gazeta, nos últimos dias, aqui vão minhas considerações.

No tocante ao padre Jorge, que vem sendo bombardeado de insinuações e denúncias explícitas por boa parte do clero e de leitores anônimos, apesar de sua pungente defesa poética — também faço poesia -, ainda persistem sérias duvidas. Existem nele certos traços que inequivocamente lhe inserem numa das classificações do Dr. Plenilúnio. Ele classifica as bestas, segundo a metamorfose, em Notívagos (os mais comuns!), Reversos, Diuturnos e Intermitentes.

Há nele vestígios do reverso e diuturno. Explico: o reverso, caso raríssimo, é o que é lobisomem de dia e homem de noite, e o diuturno (ainda mais raro!) é lobisomem em horário integral. Mas ainda é cedo para conclusões; estamos em diligências.

Das outras denúncias, do Alberto Oliveira e Paulo Carvalho, os traços são bem mais leves, mas, ainda assim, serão devidamente investigados. Já o João Badalo é caso perdido, falta pouco para a conclusão desfavorável do seu processo.

Isto posto quero agradecer mais uma vez a inestimável colaboração de Sua Santidade, que tem se mostrado como o único Papa da história a enfrentar tão grave problema com denodo e isenção.

R. É um alívio contar com uma autoridade deste porte no espinhoso assunto do Lobisomem.

Asseguro, mais uma vez, que a matéria merecerá todos os cuidados do meu Papado.

Determinei acompanhamento clínico-espiritual ao Padre Filó, além de assistência psicológica, tudo dentro da caridade e da piedade cristã.

Enquanto isto, a polícia faz a sua parte, conforme manchete do jornal Aqui PE de ontem:

capaaqui.jpg

maj1.jpg

 

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

A CAMPANHA DE DIFAMAÇÃO CONTINUA

O prefeito eleito de São José (SC), Djalma Berger (PSB), afirmou ontem que convidou Lurian Cordeiro Lula da Silva, filha do presidente Lula, a integrar a equipe de seu governo. Ela aceitou o convite.

* * *

O prefeito convidou a Primeira Filha “pelo perfil e pela capacidade”, segundo declarou à imprensa. A distintíssima senhora assumirá a Secretaria de Desenvolvimento Social.

E não vai ser o Jornal da Besta que irá botar gosto ruim em notícia tão auspiciosa.

Desenvolvimento social é um assunto no qual a Primeira Filha é versátil, pois ela é fundadora da extinta ONG “Rede 13”, cuja tarefa principal era a divulgação do programa lulista Fome Zero.

Como sempre tem gente invejosa, faladeira, difamdora e que procura botar defeito em tudo que tenha a ver com o governo Lula, a imprensa publicou – sem ter necessidade de fazer isto – que o governo repassou uma verba inicial de 7,2 milhões para esta ONG, e a iniciativa privada contribuiu com mais uns 20 milhões. Nada desta verba foi devidamente contabilizada. O programa “Fome Zero” morreu de fome. Em meio do escândalo dos aloprados ou pouco antes, o churrasqueiro e quebra-galhos do presidente o Chuveiro, digo Lorenzetti foi despachado em uma missão especial de enterrar a ONG “Rede 13” de forma definitiva e sem deixar rastros.

Dizem, obviamente sem comprovação, que o dinheiro desta ONG foi depositado em uma conta em Miami e ainda está por lá. Dizem também que parte deste dinheiro foi usada no escândalo dos aloprados. Este dinheiro dos aloprados se encontra ainda sem dono comprovado, e retido na Polícia Federal. (1,7 milhões de reais).

Dona Lurian também foi vítima da maledicência da imprensa golpista quando foram publicados os gastos com os cartões corporativos dos seguranças designados para sua proteção, onde incluíram materiais de construção e de academias.

Por fim, a língua dos invejosos também arranjou um jeito de divulgar, inclusive aqui no JBF, que Marcelo Sato, esposo de Dona Lurian e genro do Presidente da República, teve uma conversa telefônica divulgada na imprensa na qual ele promete interferir junto à Agência Nacional de Pretróleo para obter favores para um rico usineiro.

Tudo mentira, calúnia, difamação, injúria, invenção, inveja e fofoca dos inconformados com o sucesso do governo de Lapa de Asno.

lurian1.JPG

Lurian, marido e filhos, posando com o orgulhoso vovô Lapa de Babão

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

BOTA A BOCA NO TROMBONE, PROTÓGENES ! ! !

Apontada no novo relatório da PF sobre Daniel Dantas como eixo de um esquema de lavagem de dinheiro, a Agropecuária Santa Bárbara Xinguara, no Pará, já era investigada sigilosamente pelo Ministério Público em Marabá antes da Operação Satiagraha.

Em três anos de atividade no ramo, a empresa do grupo Opportunity tornou-se um dos maiores projetos pecuários do mundo, negócio de mais de R$ 1,5 bi. O rebanho, hoje em torno de 500 mil cabeças, teve multiplicação relâmpago, segundo a Federação da Agricultura e Pecuária do Pará. À frente do pólo de 18 fazendas está Carlos Rodemburg, ex-cunhado de DD.

Para resolver pendências com o governo estadual, ele recorreu ao petista Luiz Eduardo Greenhalgh.

* * *

A coisa mais reveladora e interessante desta notícia está no último parágrafo.

Vocês se lembram quem é este cara, não é?

greenhalgh1.jpg

Luiz Eduardo Greenhalgh: petralha histórico e fundador do PT, deputado federal pelo PT durante 16 anos, advogado de Lula na época da ditadura militar, teve um diálogo seu com o secretário particular do Presidente da República gravado e divulgado pela imprensa, no decorrer da Operação Satiagraha, no qual obteve informações privilegiadas sobre o andamento das investigações; de sua biografia na Wikipédia consta o seguinte registro:

Está envolvido no escândalo Daniel Dantas, pra quem também advoga, por recebimento de pagamentos em dinheiro vivo pelo uso de influências junto ao governo Lula do PT, em contatos com Gilberto Carvalho e Dilma Roussef, ambos instalados no Palácio do Planalto.

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

ROSANA SIMPSON – RECIFE-PE

Entenda porque os produtos chineses são mais baratos que os nossos.

Exigências do seqüestrador para libertar um refém na China:

Tenho 3 exigências ou mato o rapaz!

sq-1.jpg

Negociadores chegam ao local pela janela ao lado para cumprir as exigências.

sq-2.jpg

Negociador em posição

sq-3.jpg

Inicio das negociações

sq-4.jpg

Negociações concluídas

sq-5.jpg

Caso encerrado

sq-6.jpg

No Brasil a rua seria fechada com 25 viaturas, 60 PMs despreparados, a negociação duraria 100 horas junto com toda imprensa + BABACAS dos Direitos humanos para bandidos, o preso se entregaria como herói, custaria milhões para ter um julgamento, cama, comida e boa vida na cadeia por muitos anos pagos por nós.

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

UM FLAGRANTE DO BRASIL

Água é recurso caro aos cearenses, mas o governador Cid Gomes passou dos limites: o custo total da reforma do Palácio Abolição, sede do governo do Ceará, já é um absurdo, R$ 37 milhões, mas salta aos olhos as 18 torneiras banhadas a ouro que serão instaladas nos banheiros do novo escritório do governador. As torneiras estão orçadas em R$ 45 mil.

* * *

E o mais espantoso é que nunca deixa de aparecer alguém pra defender um cabrinha desta marca. Existe sempre um Natan para cada Lula que surge na administração pública.

cgo.jpg

Cid Gomes, governador do Ceará e irmão do também tabacudo Ciro Gomes: depois da viagem milionária da sogra pra Europa, agora é a vez de torrar dinheiro público com torneiras de ouro

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

BISPO BERNARDO – MACEIÓ-AL

Eli do Una,

na minha opinião, as mulheres decididas e teimosas estão em primeiro lugar.

O anexo está aí para comprovar.

Com os respeitos do Bispo

R. Mesmo em se tratando de uma bunda xoxinha feito esta, vale a pena admirar o exercício de teimosia da moça.

bnd.jpg

VASTO BASTOS – (Da série Memória Pernambucana)

São muitos os pernambucanos dos quais podemos ter orgulho. Este, já não está entre nós há muito tempo, mas continua merecedor de muita admiração. Nasceu no Recife, em 1882, e morreu no Rio de Janeiro, em 1957.

Já se vão 51 anos da morte de Bastos Tigre, mas, mesmo assim, transcorrido tanto tempo, ao menos por cinco palavras que transformou em frase, você conhece um pouco do que ele criou.

Bastos Tigre estudou no Colégio Diocesano, de Olinda, onde compôs seus primeiros versos e criou um pequeno jornal humorístico de título O Vigia. Formou-se em engenharia, e foi ser ajudante de geólogo no Ceará, em obras de combate às secas.

Foi no Rio de Janeiro, contudo, para onde se transferiu e viveu, que explodiu toda a sua vasta diversidade intelectual.

Ainda estudante, foi fundador e diretor da revista Dom Quixote, mas não ficou só nisto. Colaborou na revista humorística Tagarela e escreveu para os principais jornais cariocas como A Noite, Gazeta de Notícias, A Rua, e O Malho.

Foi, além de jornalista, compositor, teatrólogo, humorista, músico, letrista, poeta, bibliotecário, revistógrafo e publicitário. E tudo fez com sucesso.

Clique aqui e leia este artigo completo »

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

DARCI SILVESTRE – SÃO PAULO-SP

Não entendo por que tanta polêmica por conta da “bolsa-montadoras”.

O povo já não recebeu a sua “bolsa-família’? Não está contente? Não demonstrou isso em eleições?

Esse mesmo governo já tinha sido tão generoso com os bancos…

R. Não adianta, minha cara. Quanto mais se faz, mais o povo reclama.

Um governo arretado feito este, e levando cacete por todos os lados. Inclusive desta gazeta da bixiga lixa, que bem poderia se ocupar de coisas mais edificantes.


15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

FERNANDO ANTÔNIO GONÇALVES – RECIFE-PE

No encontro com o papa Bento XVI, no Vaticano, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu nesta quinta-feira que o pontífice incluísse a questão da crise financeira mundial em seus pronunciamentos, com “conselhozinhos” para amenizar os efeitos do problema.

E que Bento XVI teria dito ao pé do ouvido do presidente:

– Vai trabalhar, porra!!!!

R. O Papa pode muito e goza até do dogma da infalibilidade.

Agora, milagre ele ainda não faz. Botar Lapa de Asno pra trabalhar é missão impossível. O negócio dele é voar e falar miolo-de-fossa.

rcbd.jpg

Bentão recebendo das mãos de Madre Dilma o texto da Medida Provisória, assinada por Lapa de Asno, dando autorização ao papa católico para receber a bênção dele, Lapa, e autorizando o pontífice romano a beijar o anel de Marisa Letícia

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

MODESTO

Em Roma, visitando o Papa, Lula lhe confidenciou que nasceu pobrezinho, sua mãe era virgem, seu primeiro berço era uma manjedoura, e no dia do seu nascimento a estrela do PT já brilhava no céu indicando o lugar onde havia nascido para a visita de Genoíno, Getulio Vargas e Fidel e que seu pretenso pai era carpinteiro e havia fugido com uma irmã de sua mãe e que se chamava Madalena, dito tudo isso exigiu que Pontífice lhe tomasse a benção e depois por ele seria abençoado.

* * *

Quem adivinhar quem Lula pensa que é, vai ganhar um maranhão de 18 polegadas.

lulaeopapa.jpg

Lapa de Galego e Lapa de Asno: dois gigantes que têm jurisdição no mundo todo

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

UM TEXTO DE LEONAM QUIRINO

EITA BIXIGA LIXA ! ! !

Como diz um grande amigo de família – Ciço Galinha – “eu fico a gota serena, quando ouço um negócio desse!”

Tinha nada que, Gilberto, amigo de Caetano Veloso – filho de Dona Canô – sair lá da Bahia, ter uma ascensão profissional tão bonita, participar dos destinos de nosso país e sem a menor cerimônia expor ao mundo essa pérola:

“Eu queria dizer que a metáfora da música brasileira na globalização efetiva dos carentes objetos da sinergia fizeram a pluralização chegar aos ouvidos eternos da geografia assimétrica da melodia…”

Essa verbiagem, segundo informações que circulam nos noticiários da “rede de computadores dispersos por todo o planeta que trocam dados e mensagens utilizando um protocolo comum, unindo usuários particulares”, – internet – foi praticada pelo nosso ilustre e falante Ministro da Cultura Senhor Gilberto Gil.

Em um dos seus inúmeros e ininteligíveis pronunciamentos, nada mais é que “Prosopopéia flácida para acalentar bovinos”(*) e que provocou em nós, pobres mortais, uma completa incapacidade de nos posicionar se somos ou não comparaveis à categoria do Equus asinus ou simplesmente daquele “animal híbrido, estéril, produto do cruzamento do cavalo com a jumenta, ou da égua com o jumento”, por ficarmos impotentes em não poder compreender tão simplória discurseira.

Há um verdadeiro chorrilho, por parte de alguns expoentes de um dos nossos Brasis – sim porque, vivemos em vários, um deles é esse – em que o ato de ornar ou ampliar um discurso, supõem àqueles, estarem falando a uma plêiade, esquecendo que existem homens e mulheres possuidores da capacidade de avaliar as coisas com bom senso e clareza, as observações de nossos dirigentes, sem cair no ridículo de fazer que entendeu, dando uma de lagartixa.

A prática dessa verborréia constante, provocou uma força de mesma magnitude mas, em sentido oposto e que tomo a liberdade de enumerá-los, para que possamos não praticar as “falácias – silogismo sofístico do aristotelismo – que nada mais é, que um raciocínio verossímil, porém inverídico; mas sim exercitar as extremidades dos nossos axônios com frases formadas de maneira sincrética e perfeitamente absorvível.

Sugerimos para tal, a prática das citações abaixo relacionadas, para o nosso deleite e possível adaptação ao linguajar ministerial, diferenciando-se daquele, pela sua aplicabilidade perfeita:

(*) [“Prosopopéia flácida para acalentar bovinos” (Conversa mole pra boi dormir) “Romper a fisionomia” (Quebrar a cara) “Creditar o primata” (Pagar o mico) “Dar carga à bolsa escrotal” (Encher o saco) “Impulsionar bruscamente a extremidade do membro inferior contra a região glútea de alguém” (Dar um pé da bunda) “Derrubar com a extremidade do membro inferior o suporte central de uma das unidades de acampamento” (Chutar o pau da barraca) “Deglutir o batráquio” (Engolir o sapo) “Aplicar a contravenção do Sr. João, deficiente de um dos membros superiores (Dar uma de João sem braço) “Sequer considerar a possibilidade da fêmea bovina, expirar fortes contrações laringo-bucais” (Nem que vaca tussa)” Derramar água pelo chão através do tombamento violento e premeditado de seu recipiente(Chutar o balde)Retirar o filhote de eqüino da perturbação pluviométrica(Tirar o cavalinho da chuva)]

15 novembro 2008 DEU NO JORNAL

FALA, PROTÓGENES !

O delegado Protógenes Queiroz, da Operação Satiagraha, que se considera perseguido por forças poderosas, está avisando amigos, admiradores e jornalistas mais chegados, que distribuiu entre quatro pessoas de confiança cópias de um dossiê-bomba, onde conta tudo o que sabe e dá todos os nomes, caso alguma coisa aconteça com ele.

* * *

Nunca torci tanto na minha vida pra que alguma coisa aconteça com alguém.

O Palácio do Planalto tá se obrando e torando aço com o furico.

15 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

MARCOS MAIRTON – MOSSORÓ-RN (hoje transmitindo excepcionalmente de Juazeiro do Meu Padim)

Prezado Papa Berto,

submeto à apreciação de Sua Santidade e ao seleto gupo de leitores de sua Gazeta da Bixiga Lixa mais uma música de minha autoria, a qual juntei com algumas imagens e postei no Youtube em forma de clipe.

O título é “A vida é agora!”, e é dedicada especialmente àquelas pessoas que estão sempre deixando a felicidade para amanhã.

A URL é:

http://www.youtube.com/watch?v=2mtwzHejGOc

Um abraço a todos!

R. Este JBF é um ilha cercada de talentos por todos os lados.

Tá tudo arretado, meu amigo: letra, música, arranjo, interpretação e etc.

Sua composição é um excelente recado pra este povo que vai morrer planejando ser feliz no futuro.

Sucesso, seu cabra doido!

14 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

CARDEAL ZELITO NUNES – RECIFE-PE

Santidade,

estas fotos aí estampadas, só fazem piorar a situação (já bastante precária ), do padre Jorge.

Só falta agora, Dom Dedé , saber disso . Aí ele vai ver o que é bom pra tosse.

Eu sempre achei que esse negócio de lobisomem, termina em cachorrada.Já tem até pseudônimo.Também, quem é que não tem medo?

Parece-me que o doutor Solidônio (que recebeu ameaças), já tirou o dele da reta, a esperança agora é o doutor Plenilúnio.

Vamo ver…

Eu tenho um plano B, mas não vou revelar agora.

O cheiro de lobisomem, continua na redação do JBF.

R. Veja só a capa do jornal popular AQUI PE, edição de hoje, sexta-feira, 14.

Será que Padre Filó viu esta publicação?

capaaqui.jpg

14 novembro 2008 DEU NO JORNAL

ESTE NOSSO LAPA NUM TEM JEITO MESMO…

Na semana passada, Lula advertiu Barack Obama, presidente eleito dos Estados Unidos, que ele tem menos de um ano para resolver a crise financeira que virou crise econômica e ameaça o mundo. Sugeriu que ele começasse a agir antes mesmo de tomar posse do cargo em janeiro próximo. Ao visitar Bento XVI em Roma, Lula o aconselhou a usar suas pregações dominicais para falar sobre a crise. “”Se todo domingo o papa der um conselhozinho, quem sabe a gente encontre mais facilidade para resolver essa crise.”

Não se sabe se a advertência feita a Obama chegou aos ouvidos dele. Se chegou ele não levou em conta. Porque repetiu mais de uma vez que os Estados Unidos têm um governo e um presidente. E que só terão outros dois a partir de janeiro. Também não se sabe o que o Papa pensa do conselho que ouviu. Recomendo que fiquemos atentos às pregações dominicais dele daqui para frente.

Seria bom para o excesso de auto-estima de Lula que ele fosse vaiado durante o jogo da próxima quarta-feira em Brasília entre a Seleção Brasileira e a Seleção de Portugal. A vaia que ele tomou no Maracanã na abertura dos Jogos Pan-Americanos já faz mais de um ano.

* * *

Se ele tomasse uma vaia toda vez que falasse uma merda, ninguém suportaria o barulho neste país.

14 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

CARDEAL LEONARDO LEÃO – RECIFE-PE

 

Santidade,

De tempos em tempos aparece gênios da poesia para nos brindar com uma percepção do mundo social, a um só tempo precisa e bela.

Foi o caso de Castro Alves quando dos horrerndos tempos da escravidão, Geraldo Vandré (e tantos outros) durante a ditadura militar etc.

Destacaria inúmeros gênios que “brilham no eterno azul como uma eterna vela” (Machado de Assis in Círculo Vicioso), mas vou ficar com apenas dois marcantes exemplares dessa rara expressão de sensibilidade social e poética:

Os Trabalhadores – Rogaciano Leite

Uma língua de fumo, enorme, bamboleante,
Vai lambendo o infinito – espessa e fatigada…
É a fumaça que sai da chaminé bronzeada
E se condensa em nuvens pelo espaço adiante!

Dir-se-ia uma serpente de inflamada fronte
Que assomando ao covil, ameaçadora e turva,
E subindo… e subindo… assim, de curva em curva,
Fosse enrolar a cauda ao dorso do horizonte!

Mas, não! É a chaminé da fábrica do outeiro
–Esse enorme charuto que a amplidão bafora –
que vai gerando monstros pelo céu afora,
cobrindo de fumaça aquele bairro inteiro.

Clique aqui e leia este artigo completo »

14 novembro 2008 CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

JUSTINO NETO – RECIFE-PE

Pela Língua dos Anjos

Vejo linhas inscritas pela luz,
E as sombras as conduzem,
De meus olhos à minha mão…

As formas me envolvem

As cores se manifestam,
Também pelas luzes!

Eu e essa minha mania,
De ver por dentro primeiro!
Como Arjuna me assombro…
Como Brahma descanso.

Tudo me é lícito,
Mas nem tudo me convém…

E pela língua dos anjos,
Descrevo meus sonhos
Meus prazeres
Canto!

Eu sigo as abelhas,
Mas sou guardião do fogo!
E meu coração é fonte cristalina
Me ouça:

Dentro do Silêncio,
Da Fortaleza,
Se ergue Um Templo,
Cujo Altar é uma escada…
Que se confunde com o tempo

Só se entra só
Nada mais se vê
E lá, assim, de olhos fechados,
O peito transborda…

Nem teu espelho
será mais sincero.
Só, diante de si mesmo,
Com os céus e os infernos abertos…
E a Verdade como bússola.
O que temer?

Se A Criança te conduz,
O Filho-Cordeiro
Que é O Leão prometido,
Esperado,
O Príncipe da Paz,

Te fará senhor até
de tua própria batalha…

Não temas: Nada é novo
Sob o sol
Nu nasceste, e,
Assim voltarás,
Ao pó…

14 novembro 2008 A PALAVRA DO EDITOR

UMA HISTÓRIA PALMARENSE

Do livro A Prisão de São Benedito, edição de 1982.

* * *

A PRISÃO DE SÃO BENEDITO

Numa das reuniões da Diretoria do Clube do Jaguara, acertou-se que a Coréia estava precisada de uma festa.

O Jaguara funcionava num salão amplo do Alto do Lenhador, onde está localizada a Coréia, a chamada zona do meretrício. Por via disso, o Jaguara era o clube das putas e, em conseqüência, o mais animado do carnaval. O seu bloco, com um jacaré imenso em cima do carro alegórico, ganhava, de longe, em beleza e alegria dos outros blocos de Palmares, quando invadia as ruas da cidade nos dias de carnaval. Era de se ver o negro Zé Maria, todo vestido de branco, a comandar o abre-alas, com seu apito e o bastão colorido nas mãos.

Compondo a onda, a turma que vinha à frente do carro alegórico, se destacava a elite da Coréia, todos com camiseta listrada de encarnado-branco, calça comprida branca, sapato Conga azul e boné branco de marinheiro, além do lança-perfume na mão: Aranha, Vaca Braba, Amara Brotinho, Odete, Amara Pé-de-Pato, Maria do Sinal, Elza Macho, Zefa Chupona, Luiz Cabeção, Pentelho-de-Burro, além de Dona Maçu e os negrinhos da família Piabinha. Quando a orquestra soprava Vassourinhas, o calçamento da rua era pouco para conter o frevo sublime esparramado por tão habilidosos dançarinos.

Eu acho que o mundo se acaba e a gente não torna a ver coisa mais bonita.

Então, eu dizia, a Diretoria deliberou que a Coréia, além do Jaguara, devia ter também a sua festa. Os ferroviários tinham a sua Santa Luzia; o povo das Pedreiras fazia a novena de São Sebastião; Santo Amaro, na praça de mesmo nome, era venerado pela gente do Matadouro; Nossa Senhora da Conceição, padroeira e madrinha, abençoava a cidade em sua festa no Centro.

Clique aqui e leia este artigo completo »


© 2007 Besta Fubana | Uma gazeta da bixiga lixa